MBL cria movimento estudantil para tornar UNE “insignificante”

“Nada melhor, pra contrapor um professor ideológico, do que um corpo de alunos também ideológicos”
 
Reprodução
 
Jornal GGN – Segundo informações da colunista da Folha de S.Paulo, Mônica Bergamo, o MBL (Movimento Brasil Livre) vai lançar um braço estudantil na próxima sexta-feira (23). Segundo um dos fundadores do movimento, Pedro D’eyrot, cerca de 3.000 estudantes já se cadastraram para participar do MBL Estudantil.
 
Eles dizem que não irão participar das eleições de entidades como a UNE (União Nacional dos Estudantes) e a Ubes (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas): 
 
“Consideramos esse modelo obsoleto e nosso objetivo é tornar esse tipo de organização insignificante”, disse D’eyrot. 
 
Os trabalhos realizados para esse público serão palestras, videoaulas e encontros para “municiar os alunos com argumentos ideológicos para que possam se defender da doutrinação em sala de aula. Nada melhor, pra contrapor um professor ideológico, do que um corpo de alunos também ideológicos”.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

5 comentários

  1. Camaradas
     
    Assistimos ao

    Camaradas

     

    Assistimos ao advento da Era da Ignorância

    Umberto Eco disse que a internet permitiu que o imbecil da aldeia berrasse sua burrice para o mundo

    Agora os imbecis querem destruir a Inteligência

  2. Cadê a coerência?

    “Eles dizem que não irão participar das eleições de entidades como a UNE ” e ao mesmo tempo que querem tornar este tipo de organização insignificante. Cadê a coerência? Querem ser eleitos pela organização para acabar com a organização?

  3. Ideologia! Doutrinação em contraponto.

    Pare a nave que vou descer. O MBEscravista vai criar o MLB-estudantil para contrapor a doutrinação ja existente, e explicitada por professores? fale q é mentira! Acho que vão atuar na destruição dos acervos bibliograficos fisicos e digitais. E claro na inquisição dos docentes – mestres, doutores, especialistas, etc-. A Filosofia, mâe das ciencias será exterminda. e voltaremos às trevas do empirismos medieval MBLs.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome