Petistas querem que Lula se reaproxime de empresários

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – Uma ala do comando do PT acredita que o ex-presidente Lula deve ser reaproximar do empresariado nacional. “O raciocínio é pragmático. Sem um novo pacto com o que o partido chama de elites, as chances de ele deixar de ser pintado como um dos extremos da eleição presidencial são diminutas.” É o que diz o Painel da Folha desta terça (2).

No Estadão, colunistas também afirmam que a missão de parte da classe política que ainda está sem candidato é taxar Lula de radical e afastá-lo dos votos ao centro. A mesma tática é empregada com Bolsonaro.

Nos últimos dias, Michel Temer, Henrique Meirelles, João Doria e FHC falaram mal de radicalismo e populismo na eleição.

“Lula faria o aceno alegando a necessidade de construir um campo competitivo para a centro-esquerda. Um primeiro passo já foi dado quando o petista declarou que não é um radical”, acrescentou a coluna da Folha, que ainda escreveu que Lula deve reeditar sua versão “paz e amor”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora