Extrema-direita em busca de cadeiras no Parlamento Europeu

Tatiane Correia
Repórter do GGN desde 2019. Graduada em Comunicação Social - Habilitação em Jornalismo pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS), MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Com passagens pela revista Executivos Financeiros e Agência Dinheiro Vivo.
[email protected]

Onda populista pode obter grandes resultados em votação, que vai ocorrer às vésperas das eleições nos Estados Unidos

Foto de Element5 Digital na Unsplash

Os movimentos populistas ligados à extrema-direita começam a ressurgir com força com a proximidade das eleições para o Parlamento Europeu.

Reportagem do site Politico destaca que, nos últimos dias, os partidos extremistas têm demonstrado uma força considerada “surpreendente” nas pesquisas de intenção de voto em toda a União Europeia.

“Se isto se traduzir em grandes ganhos eleitorais, como parece provável no momento, seria um revés embaraçoso a dois dos principais líderes do continente: o presidente francês Emmanuel Macron e o chanceler alemão Olaf Scholz, ambos lidando com números medíocres nas sondagens”, destaca o site.

Um sinal precoce do avanço global do nacionalismo conservador foi visto com o Brexit em 2016 – e, em retrospectiva, parece claro que esse movimento foi o estopim para a vitória de Donald Trump contra Hillary Clinton nas eleições dos EUA no mesmo ano.

“Se a direita tiver um bom desempenho na Europa esta semana, isso irá sugerir que este mesmo movimento – outrora considerado como um espasmo momentâneo – seja duradouro”, alerta a publicação.

Após uma campanha marcada pela violência política – incluindo a tentativa de assassinato do primeiro-ministro da Eslováquia – a votação para o Parlamento Europeu teve início na Holanda e seguirá pelos 27 países membros da UE até domingo à noite, com os resultados finais conhecidos na manhã de segunda-feira.

Leia Também

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador