Comentário: o governo da “Desordem e Retrocesso”

Este governo É o pacote. Um pacote desconexo, imoral, amorfo, apátrida, ilógico, irracional e fundamentalista.

Por Lúcio Vieira

comentário no post Como o pacote “anticrime” de Moro prejudicará o trabalho das defensorias públicas

Este governo É o pacote. Um pacote desconexo, imoral, amorfo, apátrida, ilógico, irracional e fundamentalista. Sem planos e planejamentos. Cúmplice de atrocidades sociais, morais e suspeito em atos e histórico de alguns de seus personagens. Mesmo os planos pessoais são confusos. É uma perdição de egos tortos e inflados. Uma grande maioria ali com poucas provas de correto cumprimento de seus papéis públicos e assim, apenas coroados pelos males cometidos contra a nação de verdade. É um governo autoassumido com o compromisso de destruir, prejudicar, desfazer, desregrar. Se auto denominam patriotas mas o que fazem é “Desordem e Retrocesso”. Sem capacidade para protagonizar na trilhas da Verdade, rastejam no autoritarismo irado, no servilismo medíocre e na ocultação grosseira. Destruir é fácil e oferecer apenas as ruínas, é para covardes e traidores que em breve, retornam às penumbras da história.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Ministros do Supremo ironizam decisão do CNMP de não investigar palestras de Deltan

2 comentários

  1. Esquerda precisa se ligar urgentemente no fato de que estes fundamentalistas estão usando seus cargos para fazer lobby do que pretendem implantar após a destruição completa do que já existe na saúde, economia, segurança, moradia, e na educação.

    Presidência e ministérios, nada mais que um gigantesco escritório de negociatas, maluquices, entreguismo, perseguições, destruição e lobby

    Ou paramos tudo isso com uma greve geral ou teremos que pagar muito caro pelo que deixarmos de fazer, e não apenas por nós, também por nosso filhos(as) e netos(as)

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome