Lula propõe à Globo um debate entre ele, Moro e Dallagnol ‘na hora que quiser’

Ex-presidente falou pela primeira vez com jornalistas após as revelações do The Intercept Brasil; Conversa gravada com Kfouri e Trajano vai ao ar nesta quinta

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Jornal GGN – Os jornalistas José Trajano e Juca Kfouri, da TVT, passaram duas horas, da manhã desta quarta-feira (12), entrevistando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, há mais de um ano, após condenação em segunda instância em um processo forjado pelo próprio ex-juiz Sérgio Moro para conseguir sua prisão, como comprovaram as revelações do The Intercept Brasil, divulgadas a partir de domingo (9).

Esta foi a primeira vez que Lula recebeu jornalistas após a divulgação do escândalo.
“Eu imaginava encontrá-lo mais leve depois das boas notícias que ele recebeu, que tornam tão evidente a armação que houve contra ele”, disse Kfouri.

“Mas ele falou que não tinha como, e esperar encontrá-lo depois de um ano e dois meses sem irritabilidade, sendo perseguido, vivendo sob mentiras”, completou Trajano.

Os jornalistas disseram que Lula propôs à Rede Globo um debate entre ele, Sérgio Moro e o procurador que coordena a Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol, “na hora que quiser”.

Em entrevista à Pública, o coautor das reportagens e diretor do The Intercept Brasil confirmou que o material que tiveram acesso é grande e outras matérias serão divulgadas. Em uma delas, vão apontar a parceria direta entre a força-tarefa da Lava Jato e a Rede Globo.

“Os documentos mostram como Moro e Deltan estão trabalhando juntos com a Globo e nós vamos reportar, então eu sei disso já e a reportagem está mostrando”, contou para a Pública.

O principal canal de notícias do país demorou para repercutir as denúncias contra Moro e Dallagnol. Quando decidiram noticiar o caso, se limitaram a ler uma nota produzida pela própria emissora onde frisou a resposta do Ministério Público Federal que acusou o Intercept Brasil de cometer “ilegalidades” e “mau jornalismo”.

Leia também:  O que nos ensina a história sobre heróis, por Felinto Alves Martins Filho e Martonio Mont’Alverne Barreto Lima

A entrevista que Lula concedeu à TVT irá ao ar nesta quinta-feira (13), às 20h, e também pelo UOL e YouTube.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

3 comentários

  1. a resistencia do lula comprova sua inocencia e o fato de que
    é
    um dos maiores estadistas de nossa
    história – mesmo preso, consegue
    permanecerr como líder de um processo político
    que ainda não terminou…
    isto e, um processo viciado pelos golpes sucessivos
    de um estado de exceção seletivo iniciado com o
    infame mensalão e prosseguiu posteriormente até
    desabar no governo bolsonaro com essa vaza-jato….

  2. Lula sabe o que fala e o quer, mas discordo de qualquer debate entre eles. Afinal, justamente no momento em que Lula se fortalece muito mais do que se encontra e no mesmo momento em que o ex-juiz e o futuro ex-procurador já perdem toda a significância, quem iria tirar o melhor proveito desse suposto debate seria a desacreditada rede globo, que jamais esperaria ganhar “de bandeja” uma enorme audiência em um debate que confrontaria dois de seus bagaços, já descartados, e o seu odiado e notório inimigo, Luis Inácio Lula da Silva.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome