Ministério Público denuncia Haddad 2 vezes em 8 dias, usando a mesma causa pela 3ª vez

Jornal GGN – O Ministério Público de São Paulo denunciou, nesta terça (4/9), Fernando Haddad, candidato do PT à vice-presidência da República, por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Só que os fatos narrados nesta acusação se repetem em outras duas ações que já foram apresentadas contra o ex-prefeito – a última delas, há menos de 10 dias, em 27 de agosto.

Foi só o PT avisar que iria denunciar no Conselho Nacional do Ministério Público a segunda investida contra Haddad, por considerá-la uma operação boca-de-urna contra o vice de Lula, que o promotor Marcelo Mendroni sacou a terceira acusação.

Em tese, a Justiça proíbe que uma pessoa seja acusada com base nos mesmos fatos em mais de uma ação, para evitar julgamentos conflituosos. Na prática, porém, o Ministério Público do Estado tem usado a mesma delação premiada para atacar Haddad em 3 frentes distintas.

Na primeira, que está na Justiça Eleitoral, o MP diz que Haddad foi beneficiado por caixa 2 na campanha de 2012. Isso porque o delator Ricardo Pessoa, da UTC, afirma ter pago, supostamente a pedido de João Vaccari Neto, uma dívida do PT junto a uma gráfica. Essa dívida seria de R$ 3 milhões, mas a UTC negociou para pagar R$ 2,6 milhões. O dono da gráfica reconhece o recebimento dos recursos, mas afirma que não há elo com a campanha de Haddad. 

Na segunda denúncia, uma ação civil por improbidade administrativa, o promotor Wilson Tafner reciclou a mesma delação para acusar Haddad de enriquecimento ilícito. As declarações de Pessoa foram reembaladas pelo MP-SP, acrescidas de matérias de jornais, outras delações da Lava Jato e as impressões da Promotoria – que basicamente sustenta que Haddad fez com a UTc em São Paulo o mesmo que o PT fez com a Petrobras e as empreiteiras no plano nacional.

Leia também:  Juiz dá 24h para AGU explicar atos de Bolsonaro, por Marcelo Auler

O GGN destrinchou neste artigo aqui a segunda denúncia, apontando seu caráter esquizofrênico. O MP-SP mistura, sem cerimônica, as convicções do promotor com as delações (inclusive, algumas que contrariam a tese da acusação) e notícias de jornais, supondo que atos indefinidos tomados por Haddad durante seu mandato beneficiaram a UTC em troca dos R$ 2,6 milhões. 

Agora, na terceira frente, os mesmos fatos são resgatados para denúnciar Haddad na área criminal. Quem reportou a notícia foi o UOL, mas sem dar detalhes do que consta na acusação.

O portal apenas informa que o PT teria usado uma rede de gráficas para receber a vantagem indevida e “indireta” em relação a Haddad. Não há relatos do que o ex-prefeito teria feito em troca da propina, para justificar a peça por corrupção, lavagem e formação de quadrilha. A descrição da operação de lavagem em favor da gráfica que recebeu os R$ 2,6 milhões, com participação de Alberto Youssef, já foi narrada nas demais denúncias.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

18 comentários

  1. Definitivamente o Ministério

    Definitivamente o Ministério Público precisa ser muito bem redefinido em em suas funções. Eles estão sendo um dos polos da judicialização da política e da politização da justiça. Ém outras palavras agentes de interesses dispersos contra a soberania popular, contra a democracia.

  2. E o mp faz vista grossa aos pecados do santo
    Recebimento de propina vira mero caixa 2

    Auxiliares atolados até o pescoço nao ficam anos presos como na farsa a jato

    Começo a achar que é melhor quebrar o Brasil em 2 mesmo. Deixa sul e sudeste com o psdb, com a Globo, com a veja, com a republiqueta de curitiba, e devolve lula pra gente no nordeste. De lambuza a gente entrega Brasília tambem. #lulaReiDoBrasil !

  3. O que causa revolta e

    O que causa revolta e desânimo é tentar achar resposta para a pergunta: Como a parte sadia da sociedade conseguirá se livrar deste tipo de gente e moralizar estas instituições? Não dá pra imaginar que as vias eleitorais e institucionais sejam suficientes para isso.

  4. A narração de supostos fatos é suficiente para provar tais fatos

    “Entendo que os fatos narrados formam um conjunto probatório robusto, capaz de demonstrar, além de dúvida razoável, que os candidatos a governador e a vice- governador tinham, ao menos, ciência das condutas perpetradas em benefício deles”. – Roberto Barroso, Ministro do $upremo Tribunal Federal

    A narração de supostos fatos é suficiente para convencer o Barroso da veracidade desses supostos fatos. Quanto às provas, fodam-se as provas.

  5. Sinto vergonha de ser cidadão

    Sinto vergonha de ser cidadão de um país onde os poderes públicos assumem compromissos ideológicos e exercitam militância política a céu claro.  E quando as instâncias envolvidas são, paradoxalmente, as que deveriam reprimir tais abominações institucionais e éticas, só nos resta a revolta no nível do desespero. 

    • O País?

      O País não! São Paulo ! Em SP , Bancos, Empresas e Judiciario formaram uma quadrilha para colocar o restante do Páis de  joelhos. Em Minas vamos resistindo, mas seguem o mesmo modus operanti. Fundamental liquidar Aecio e sua turma, mas o Dengo está bem cotado…. inacreditavelmente.

  6. Lula tem couro grosso. E esse aí, do “plano B” ?

    Pelo menos desde 2003 – ou os leitores já se esqueceram daquele atentado na Base de Alcântara, em setembro da quele ano, que matou TODOS os 21 cientistas brasileiros que trabalhavam no VLS? – e dois anos depois, com aquele farsesco e fraudulento processo e julgamento da AP-470, sucedem-se as tentativas de golpe e de aniquilamento do Ex-Presidente Lula, do PT e da esquerda Política com viabilidade eleitoral.

    Lula tem o couro grosso e resistiu às perseguições e caçadas políticas e judiciais que tentaram e tentam aniquilá-lo. Apesar de grandes líderes do PT – como josé Dirceu e José Genoíno – terem tido cortada a cabeça, o partido resistiu e, sob o comando de Lula e bases sindicais e sociais, conseguiu vencer 4 eleições presidenciais consecutivas e governar, de forma bem sucedida, o País por três mandatos.

    Mas após a Fruade a Jato e mesmo antes dela o chamado “PT jurídico-judicial” trava uma luta interna com as correntes de base social e sindical, tendo seqüestradoboa parte da direção nacional do partido. Essas alas quinta-coluna da máquina burocrático-burgueso-partidária que tentam tomar o PT agem de forma orquestrada com os golpistas oficiais. A ala conhecida como “mensagem ao Partido”, encabeçada por próceres do “PT jurídico-judicial”, como José Eduardo Cardozo, Tarso Genro, dentre outros, quer não só cortar a cabeça do Ex-Presidente Lula e entregá-lo aos golpistas oficiais, mas aniquilar o PT e qualquer Esquerda Política comprometida com transformações sociais e que possua viabilidade eleitoral.

    Esses ataques das ORCRIMs judiciárias contra Fernando Haddad servem tamb´´em para enganar incautos, que o vêem como uma versão universitária do Ex-presidente Operário. Ficaria muito feio para os golpistas se, além de imporem Haddad como candidato do PT, dessem o mole de não espezinhá-lo com “perseguições políticas e judiciais” que, aparentemente, os desavisados possam ver como semelhantes àquelas dirigidas contra o Ex-Presidente Lula.

    E mesmo que Fernando Haddad não fosse o candidato que a direita golpista, oligárquica, plutocrata, escravocrata, cleptocrata, privatista e entreguista impuseram/impõem/tentam impor ao PT, sem carisma e liderança política ele não resistiria a um mês de artilharia pesada das ORCRIMs midiáticas e judiciárias.

    Pelo exposto neste e noutros comentários e à luz da realidade nunca me canso de afirmar: Eleições, PT ou Esquerda, sem Lula, são fraudes.

     

  7. Os podres poderes estão nas mãos do tucanos a arrasarem o país

    a coligação tucana (PSDB – mídia golpista e justiceiralistas retrógrados nunca irão conseguir pelo voto então vão galopando de golpe em golpe

  8. Creio que o GGN ainda não

    Creio que o GGN ainda não entendeu nada. Na verdade o MP/SP,  e  estão fazendo de tudo para levar os militantes petistas a explodirem um Tribunal qualquer para poder cassar o registro do PT e mandar o Exército fuzilar os líderes da esquerda.

    A violência jurídica sempre foi utilizada pela elite brasileira como instrumento para um fim: provocar a reação da população considerada subalterna e inferior de maneira a legitimar a violência militar genocida.

    • Momento Reichstag

      A direita baba e anseia poe um momento desses.

      Pode ser expontâneo ou criado.

      Jogado ao acaso ou por necessidade (por exemplo, se houver chance de o PT vencer).

       

    • estão loucos para que aconteça mesmo…

      tanto que já estão incentivando o Bolsonaro…………………………………seguirá livre, leve, solto e cada vez mais violento

      Os que você apontou estão loucos para que os ofendidos entrem na fase da reação instintiva de defesa

      sacou qual é a jogada?

      como está tudo em casa, todos contra os petistas, a repressão à bala será considerada legítima,

      mas não exatamente a que é defendida e propagada por Bolsonaro, mas sim a repressão à bala que será praticada pelas autoridades públicas instituídas

      É uma jogada tão sórdida este abuso combinado à distância

    • E no entanto se vocês se

      E no entanto se vocês se esconderem em um canto e aceitarem a violência jurídica sem fazer nada contra, vocês também perdem.

      O detalhe de uma revolta armada contra um governo criminoso é que não pode ser “um punhado de revoltosos contra o regime inteiro”. Têm que ser uma guerra total, geral e irrestrita, a escória escravocrata do seu país espera de fato uma pequena revolta para poder colocar os dentes para fora, mas o plano deles falha se essa revolta for o país inteiro contra o patético e ineficaz exército deles.

      Vocês só têm duas escolhas diante de uma situação como essa: guerra civil ou aceitarem serem escravizados.

  9. Palhaçada!

    Vamos dar o nome correto à coisa: palhaçada!

    A perseguição ao PT, de tão pornograficamente escancarada, fica impossível de não ser percebida. Até pelo mais imbecil dos seres humanos. Só pode negá-la quem for mal intencionado.

  10. Candidato do Lula

    O Haddad é o boi de piranha do Lula. O MP e o Judiciario vão pegar êle e Lula sabe disso. 

    Oplano B de Lula é o Ciro Gomes.

  11. Nasif;
    O mais revoltante é

    Nasif;

    O mais revoltante é que o mp é pago com o nosso dinheiro, que poderia ter um destino honesto, para ficar inventando crimes para desestabilizar um partido. E de uma forma tão estupida que demonstra a total incapacidade destes concurseiros até para mentir.

    Será que estes pulhas não tem o mínimo de conciência?

    Até quando suportaremos??

    Basta!!

    Genaro

  12. Insisto
    O nome a ser colocado no lugar de LULA, só porque eles não vao deixar, é Celso Amorim. Eles não terão tempo para fazer nada.
    E a propaganda é Lula é 13, Amorim também.

  13. Lição Política

    Nassif: espero que Haddad tenha aprendido a lição. Se como vice dona Dodge “Charged” (de ódio a operário) já escurece as tintas ao pintá-lo politicamente, imagine ele como cabeça da campanha. Vai esboçar a descida ao Inferno, de Dante. Você acha que ela reuniu-se na calada da noite com o Mordomo de Filme de Terror à toa? É paumandado.

    O descaramento é tanto que não importa se verdadeiro ou não o fato acusatório. O importanto é enlamear a pessoa, até a véspera da eleição. Depois, pode até retirar acusações. Ou engavetá-los. A missão da Pocilga Genérica Roubadora já ta cumprida… É só passar pra grande mídia alardea!

  14. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome