“Pesado o negócio”, diz Bolsonaro sobre caso Feliciano

Jornal GGN – “Pesado o negócio, né. Mas eu cuido da minha vida, se isso aí é fora da Câmara, não tenho nada a falar”. Foi assim que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) reagiu à denúncia de que o correligionário Marco Feliciano teria assediado sexualmente e procedido à tentativa de estupro contra a estudante de jornalismo Patrícia Lélis, 22. 

A equipe de jornalismo do Estadão abordou Bolsonaro nesta segunda (8). De início, o parlamentar – autor de um projeto de lei sobre castração química de estupradores – reagiu mal à pergunta. Disse que não sabia do caso e não iria comentar. Informado da situação, foi sucinto e tentou não polemizar.

Na última semana, o jornalista Leandro Mazzini (UOL) divulgou mensagens de texto supostamente trocadas entre Feliciano e Patrícia, nas quais a jovem diz que ficou “assustada” com o deputado e que saiu de um encontro com “a boca machucada”. Feliciano teria respondido que ela deveria “passar um batom” para esconder. Em outra passagem, diz que a parte que ele mais gostou foi quando agarrou Patrícia e viu sua expressão de “medo” enquanto ela dizia “não”.

A jornalista relatou que foi convidada por Feliciano para ir ao seu apartamento funcional em Brasília, discutir sobre a UNE. Chegando lá, percebeu que era uma “armação” para que Feliciano lhe oferecesse dinheiro em troca de um relacionamento extraconjugal. 

Patrícia, depois, se encontrou com o assessor de Feliciano, Talma Bauer, que teria tentado “reparar os danos” à imagem da jovem dentro do partido. Dias depois, a jornalista registrou boletim de ocorrência afirmando que foi ameaçada de morte pelo chefe de gabinete se não desmentisse, nas redes sociais, a acusação contra o deputado.

Leia também:  Na surdina, Bolsonaro assina decreto que cria máquina de vigilância de brasileiros

Nesta segunda, Mazzini publicou que a defesa de Patrícia vai “solicitar que a Procuradoria Geral da República faça a requisição imediata dos vídeos do prédio do apartamento funcional e do elevador do bloco onde reside o deputado federal”.

À polícia, Patrícia também disse que “foi à liderança do PSC na Câmara dos Deputados denunciar Feliciano, por dois momentos, onde teria se reunido com o presidente nacional do partido, Pastor Everaldo. Os vídeos dos corredores da Câmara também serão requisitados.” Segundo ela, Everaldo também ofereceu dinheiro em troca do silência.

Nesta segunda, Patrícia depôs ao Ministério Público Federal. O caso, segundo o jornalista do UOL, deve ficar com a própria subprocuradora-geral da República, Débora Duprat.

Feliciano gravou um vídeo e divulgou na internet no final de semana, alegando que sofre com as denúncias falsas da garota. Ele pede que as pessoas não o julguem até que a investigação seja concluída.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

17 comentários

  1. “”Pesado o negócio, né. Mas

    “”Pesado o negócio, né. Mas eu cuido da minha vida, se isso aí é fora da Câmara, não tenho nada a falar””:

    Mais um que tem certeza que nao existe “cultura de estupro”, so existem estupradores bons e estupradores ruins.  Os bons estao todos do lado dele,  que coincidencia.

  2. No dos outros é refresco

    Olhem só! Agora ele pede que não o julguem até que as investigações sejam concluída, como tem que ser com todos e todas. Porém na hora do pastor emitir juízo de valor sobre pessoas em função de suas escolhas sexuais o pastor é o primeiro a julgar, condenar e senteciar. No dos outros é refresco né pastor?

    “Feliciano gravou um vídeo e divulgou na internet no final de semana, alegando que sofre com as denúncias falsas da garota. Ele pede que as pessoas não o julguem até que a investigação seja concluída.”

  3. “Pesado o negócio, né. Mas eu

    “Pesado o negócio, né. Mas eu cuido da minha vida, se isso aí é fora da Câmara, não tenho nada a falar”.

    Eu outras palavras; Estupro só é crime se for dentro da Câmara?

    Pô, Bolsonaro, se toca! Dentro da Câmara ele joga junto com você!

     

  4. Hoje, pela primeira vez, a

    Hoje, pela primeira vez, a moça apareceu num canal de televisão – SBT – numa entrevista com um dos repórteres. Num dado momento ela parecia olhar pra alguém, quando foi dito que ela não poderia falar tudo porque o caso estava sendo investigado sob sigilo. De todo modo, ela repetiu tudo que já sabemos pelas redes sociais, inclusive que se viu livre do cafajeste depois que a vizinha do maldito pastor foi ao apartamento pra saber o que estava acontecendo, quando, enfim, ela aproveitou a oportunidade e saiu.

    Quem sabe essa vizinha de Feliciano não poderia servir de testemunha do que a moça está comentando. 

    O fato é que Feliciano, o tal Everaldo e esse Bauer, que a jornalista diz tê-la sequestrado, armado, ameaçando-a para não prosseguir denunciando seu comparsa, tentando suborná-la, enfim, esses camaradas não vão sair dessa impunemente, até porque, a depender dos petistas, como Maria do Rosário, que já tomou as dores da moça e promete levar o caso à justiça, eles podem manipular os fiéis da igreja, pra variar, mas sendo Feliciano um parlamentar, terá que se defender também no Plenário.

    • De um evangélico

      Sim, o poder de manipulação destes pastores mal intencionados é grande. Sou evangélico, assembleiano, casado e nunca fui convencido por este discurso sectário da bancada pentecostal. Quando um padre resolve engajar na política, deve obrigatoriamente deixar o sacerdócio. O pastor não abandona o sacerdócio para garantir o curral eleitoral. O triste é todos nós evangélicos sermos incluidos neça maçaroca.

  5. Bem que ele poderia se

    Bem que ele poderia se penitenciar e autoaplicar a pena defendida em seu projeto de lei. Depois ele conta pra gente sobre suas experiências de redenção. Pode também ir cantar num coral.

  6. Para aqueles que ousarem

    Para aqueles que ousarem falar mal do pastor Feliciano, vejam aqui neste vídeo o pastor trabalhando fervorosamente pra levar a palavra de Deus às pessoas e, claro, melhorar cada vez mais o mundo com sua infinita sabedoria.

    Aos 28 segundos do vídeo ele pede a senha do cartão de um fiel de sua santa e imaculada igreja.

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=ZnCg-cbrNcc%5D

  7. Bolsonaro sepulcro caiado
    Pois é! Para que tipo de estuprador seria aplicada a castração? para que tipo de criminoso seria aplicada a pena de morte? Bolsonaro tao convicto de seus ideais… titubeou! e se o estuprador não fosse de seu partido? E se fosse pobre, negro e analfabeto? Até quando seremos hipócritas! ?

  8. Os  dois,  feliciano e o

    Os  dois,  feliciano e o boçalnaro,  são ícones  do cinismo, da hipocrisia e do mau-caratismo.  Seguem esses pulhas os muito inocentes e os seus semelhantes.

  9. ao contrário dos esquerdistas

    ao contrário dos esquerdistas que defendem ois seus mesmo que se prove ser safado, o direitista abadona ante o primeiro sinal disto

  10.  
     
    O pastor taradão e

     

     

    O pastor taradão e estuprador Feliciano, aproveita-se da atividade de camelô da fé, para abusar sexualmente de suas clientes. Com tal comportamento o safado consegue matar dois coelhos com uma vela apenas. Enquanto estupra a cliente, ganha uma nota preta abusando da liberdade e do descaramento de dizer que fala em nome de deus, portanto,  com direito a cobrar pedágio, digo, dízimo. São uns FdP estes vendilhões…

    Imagina se um bom e poderoso Pai criador do céu da terra e de todos os seres animados e inanimados ali alocados. Vejam os senhores, se teria cabimento um emérito criador de tudo isso, deixar  impunes e livres, um bando de picaretas vendilhões, abrindo mão de cuidar da criatura mais singular da sua produção, impedindo  que seus filhos e filhas sejam roubados, sendo tratados como rebanho de quadrúpedes.

    O mais provável seria, caso o “arquiteto” desejasse que o homem se comportasse como bovino, certamente os teria projetado com quatro patas e, o mais significativo e importante, não o teria dotado do “aplicativo do livre arbítrio” único ser de sua criação a trazer embutido tal recurso tecnológico que, como o próprio nome sugere, faculta exclusivamente ao ser humano, que merda fazer da própria vida. Autonomia para decidir por si mesmo o caminho a seguir, sem a necessidade de um filho da puta qualquer, venha a lhe dirigir pelo cabresto de qualquer seita, religião, crença, time de futebol, partido político, ou seja que porra for. Muito menos determinar em quê acreditar, no que comer e etc.   

    Que merda de pai seria esse? A permitir que seus filhos sejam enganados e roubados por esse bando de oportunistas donos dessas espeluncas da fé. Não deve tardar  para o Bolsonaro & Filhos, ora dependurados nas tetas do Estado. Aliás, o Bolsonaro pai, sempre viveu às custas do tesouro estatal público. Ao que parece, já se prepara para investir no ramo supermercadista da fé. Hipócrita e demagogo do jeito que é, o senhor Bolsonaro,  deverá bombar na nova picaretagem que abraça.

    Orlando

     

  11. burrice

    é fato que sempre procuram atacar o meio evangélico, e as pessoas perdem o senso da lógica quando se trata de politica, religião e futebol, e há os desentendidos que defendem que estes assuntos não se discutem, o fato é que tudo é discutível desde que as partes se respeitem. Sempre apontam os evangélicos, mas quando outros são citados não citam suas religiões ou credos, quero enfatizar aqui que todos estamos sujeitos a errar, e pense que se ele tenha feito isso é uma pessoa sem pensamento lógico, mas pela lógica, porque um parlamentar que possui uma base religiosa e parlamentar tão forte venha cometer um erro tão grotesco, porque tem tantas meninas mais bonitas do que essa que se vendem por bem menos, e que até mesmo se oferecem, então porque ele cometeria um erro como esse? Sei não hein… tá parecendo mais sensacionalismo, mas o que se espera num país de impechment é que essa ação seja averiguada e tomada as providências.

  12. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome