STF deve julgar suspeição de Moro em 2021

Gilmar Mendes teria afirmado a interlocutores que a ação será uma das prioridades quando a corte retomar os trabalhos presenciais

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Jornal GGN – A suspeição do ex-juiz Sérgio Moro nas ações contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve ser jugada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no começo de 2021, afirmou o ministro Gilmar Mendes, de acordo com a coluna de Bela Megale, no jornal O Globo.

Mendes teria afirmado a interlocutores que a ação será uma das prioridades quando a Corte retomar os trabalhos presenciais, interrompidos pela pandemia da Covid-19.

Ainda, segundo a avaliação do ministro, “o caso é delicado e precisa ser tratado em sessão presencial”, mas não há mais tempo para esse julgamento este ano.

A análise da suspeição de Moro está parada  na Corte desde dezembro de 2018, por um pedido de vista de Mendes.

A coluna destacou que o indicado do presidente Jair Bolsonaro para assumir o posto de Celso de Mello, Kassio Marques, pode ser o dono do voto de desempate.

Isso porque a Segunda Turma do Supremo, que possui cinco membros, responsável por esse julgamento está dividida. Edson Fachin e Cármen Lúcia já se posicionaram contra a suspeição. Enquanto Ricardo Lewandowski e Mendes sinalizaram que devem se manifestar à favor.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  STF analisa afastamento de Chico Rodrigues na quarta, enquanto senadores tentam retardar o caso

5 comentários

  1. Isso é gracinga do GM, deve ser centésima desculpa, esse processo so sera julgado com o Lula morrer ou aparecer um tucano viavel para ganhar a presidencia da republica.

  2. Será uma prioridade quando o Lula já estiver preso pela sgunda vez depois que o fdp do maia aprovar a segunda instância sob medida pra ele. Mas antes da ONU esculhambar o brasil na reclamaçaõ do Lula contra o moro e o justiça brasileira. Isso ocorrerá antes da Onu porque o gilmar só considera a opinião dos estrangeiros sobre suas ações mais que políticas no sft. Assim o beiçudo do stf não poderá ser acusado de não ter feito nada pelo Lula no brasil. Todos nós sabemos que será assim, menos o Lula que continua cumprindo o script mais que manjado que escreveram pra ele. Inclusive mantendo a defesa, mesmo sabendo que ela é inútil. Assim, a cada julgamento, o Pt morre mais um pouquinho porque o seu eleitor mais humilde acaba pensando que o Lula é culpado mesmo, porque sempre a justiça lhe dá voz e vez. Hoje, por exemplo, vi no DCM que o eleitor de periferia do são paulo trocou o Pt pelo bolsonaro. Mas nada demove o Lula de seu republicanismo e nunca ele mandará à merda essa putaria que fazem com ele retirando a defesa em sinal de protesto. As eleições municipais vem aí e espero estar muito errado, mas acho que será catastrófica para o Pt por causa desta teimosia em ser sempre dócil como um ovelha indo para o matadouro.

    2
    1
    • Jura: nem de um, nem de outro. É jogo político. Espera a poeira baixar. Se o bicho pegar, já está la fora, com casa, comida e roupa lavada. Com Greencard novinho em folha. Senão (o que é muito provável), retorna por cima da carne seca e deita e rola inclusive pro lado do Cavalão, fazendo par com Mandetta. Enquanto isso no QuartelAlvarada os VerdeSauvas (sempre assistidos pelos AzulSauvas) fazem a festança…

      E o Queiroz, por onde tem andado?

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome