Xadrez da encruzilhada da Lava Jato, por Luis Nassif

Peça 1 – Odebrecht e o fruto da árvore envenenada

O laudo técnico da Polícia Federal sobre o Drousy liquida com as provas apresentadas nas delações da Odebrecht, a ponto de comprometer todas as denúncias e condenações tendo por base os arquivos.

Leia: “Xadrez sobre a falsificação de documentos na Lava Jato”.

Em direito, existe a figura do fruto da árvore envenenada. São transgressões legais que anulam inquéritos inteiros. Na Operação Satiagraha, Daniel Dantas conseguiu anular as provas contidas nos HDs encontrados em sua casa com o argumento de que a autorização de busca era restrita a determinado andar e os equipamentos estavam em outro.

A Operação Castelo de Areia foi alvo de uma anulação mais escandalosa. Alegou-se que as investigações começaram a partir de denúncias anônimas, por isso deveriam ser anuladas. Quem conhece o inquérito sustenta que não tinha nenhuma inconsistência. Hoje em dia são  de domínio público os verdadeiros motivos da anulação, mas o caso permanece insolúvel no âmbito do Judiciário.

No caso da delação da Odebrecht, é mais do que o fruto da árvore envenenada. A perícia da PF constatou que o banco de dados foi alterado em dois momentos:

  1. Pouco antes da entrega para as autoridades suíças e também
  2. no período em que esteve de posse do Ministério Público Federal (MPF).

No relatório, há duas alterações ocorridas no período em que o sistema já estava de posse do MPF.

Arquivos apagados

Arquivos copiados


Como se recorda, as manipulações de extratos do Meinl Bank tinham o mesmo formato das planilhas utilizadas pelo Departamento de Operações Estruturadas da Odebrecht, inclusive com as datas em português.

O laudo tem a preocupação em preservar os arquivos “Beluga”, que se referem à suposta compra de terreno para a instalação do Instituto Lula.

Leia: “Xadrez da grande manipulação da Lava Jato

A tentativa de compartimentalizar as provas, criando a versão de que uma parte é boa e a outra não, é inútil. A prova tornou-se imprestável em termos técnicos.  Foram periciados 800, de um total de um milhão de arquivos. Como afirmar que, nos arquivos não periciados, não apareça outro capaz de contradizer o “Beluga”?

Os desdobramentos são imprevisíveis. Em circunstâncias normais, o laudo da PF anula toda a delação da Odebrecht. Quantas pessoas foram presas e condenadas com base nessas provas? Bastará um réu condenado pela STF (Supremo Tribunal Federal) questionar as provas para se ter o efeito-dominó.

Leia também:  STF suspende medida de Bolsonaro que restringe acesso à informação

Peça 2 – as trapalhadas da Lava Jato

A Lava Jato sabia há meses que a perícia da Polícia Federal iria comprovar a manipulação do banco de dados da Odebrecht, confirmando as denúncias do advogado Tacla Duran.

O banco de dados foi apreendido por autoridades suíças e submetidas a uma empresa, especializada em analisar dispositivos eletrônicas, a Forensic Risk Alliance – FRA

O material suíço e o analisado pela FRA foram enviados para a Procuradoria Geral da República (PGR). De imediato, constatou-se que houve manipulação de arquivos pela Odebrecht, antes mesmo da entrega para as autoridades suíças.

Antes mesmo de conferir a consistência dos arquivos, a Lava Jato aceitou o acordo estapafúrdio da delação de mais de 70 executivos da Odebrecht, típico de quem quer produzir manchetes no dia, à custa do comprometimento do futuro. O feito foi saudado pela Reuters como “o maior acordo de delação do mundo”.

Operações dessa natureza, de pagamento de propinas, envolvem poucas pessoas-chave, os chamados prestadores de serviços, que controlam e conhecem o sistema. Os Executivos que recorrem aos seus serviços são chamados de clientes, e pouco têm a contribuir para uma investigação.

Ao incluir todos na história, como delatores, a Lava Jato conseguiu complicar as investigações, incriminar inocentes, diluir a responsabilidade dos culpados – os responsáveis pelo Meinl Bank, que lavou bilhões de dólares, foram soltos mediante multas irrisórias – dispersar energias e dar armas ao “inimigo”, na medida em que seria muito mais fácil para os acusados identificar contradições.

Mas o método de investigação fordista da Lava Fato não admite análises mais sofisticadas ou mais profissionais.

Consiste no seguinte:

  1. O sujeito faz a delação, que tem que que conter, em algum trecho, a frase “Lula sabia disso”.
  2. Depois, apresenta uma prova qualquer para reforçar a delação.

E corre-se para o meio do campo para comemorar mais um recorde mundial.

Peça 3 – a Lava Jato e a falsificação das provas

Quando se deu conta da enrascada em que se metera, a Lava Jato foi à Suíça tentar recuperar os servidores, já que recebera apenas cópias dos bancos de dados. Em vão! A própria perícia da PF constatou que as autoridades suíças – e a FRA – entregaram os arquivos como receberam, já fraudados.

Leia também:  Bolsonaro tentou confiscar ventiladores de Recife, e o TRF-5 impediu

Não há dúvida que os procuradores foram cúmplices da fraude. Apenas não se sabe até que nível, se participando da confecção das planilhas falsificadas ou se, descobrindo a manipulação e tratando de ocultá-las. É mais provável a segunda hipótese.

A questão da fraude só veio à tona a partir das denúncias do advogado Tacla Duran.

Peça 4 – a estratégia de despiste

Para tentar contornar o desastre, foram planejadas várias ações.

No dia 19/01/2018, a Lava Jato diz que será impossível abrir os dados do MyWebDay, porque as chaves de criptografia foram perdidas. A constatação deu-se 945 dias depois da prisão de Marcelo Odebrecht.

Já se sabia, desde fins do ano passado, que a perícia da Polícia Federal descobriria as irregularidades nos arquivos.

Para tentar reduzir o impacto das revelações da perícia, os preparativos começaram antes,

No dia 18/12/2017 o Ministério Público Federal exigiu de Marcelo Odebrecht a entrega de mais documentos, para ter direito à prisão domiciliar (clique aqui). A exigência foi feita 913 dias após a prisão de Marcelo.

No dia 12/02/2018, 56 dias após a intimação, Marcelo entrega notas fiscais supostamente referentes ao financiamento do filme sobre Lula. E?

No dia 21/02/2018, Marcelo Odebrecht entrega supostos e-mails que estavam guardados no seu computador pessoal, sobre a compra do terreno para o Instituto Lula. A Lava Jato, que foi até a Suíça buscar os servidores da Odebrecht, supostamente não havia periciado o computador pessoal de Marcelo.

Leia: “A Pantomima de Moro e do TRF4 com os e-mails de Marcelo Odebrecht”.

Paralelamente, a Lava Jato do Rio de Janeiro deflagra uma operação contra o presidente da Fecomercio-RJ, que estava sendo investigado desde o ano passado.

Faz-se um alarde sobre 6 funcionários contratados pela Fecomércio-RJ supostamente a pedido do ex-governador Sérgio Cabral, caracterizando o fato como lavagem de dinheiro de propina. Mas os alvos da coletiva foram os advogados de Lula – que também advogam para a Fecomércio-RJ.

Na coletiva, procurador insistiu em lançar suspeitas sobre os honorários recebidos, insinuando que poderiam ser disfarce para lavagem de propinas; ao mesmo tempo em que enfatizava que a operação não tratava dos honorários e do próprio juiz admitir que havia comprovação dos serviços realizados. Então, qual a razão para disseminar suspeitas sobre os contratos? Evidentemente, contrabalançar o impacto das revelações da pericia da PF.

Leia também:  Xadrez do incêndio lavrando e do presidente pirado

Na tentativa de criminalizar advogados, invadiram um escritório em São Paulo, de respeitado advogado, exclusivamente para obter documentos comprovando a prestação de serviços à Fecomércio-RJ. O que poderia ter sido obtido meramente solicitando ao escritório.

Na tentativa de criminalizar escritórios de advocacia, a Lava Jato Rio divulgou também pagamentos de R$ 12 milhões ao escritório Basílio Advogados, para atuar junto ao Tribunal de Justiça do Rio, ao STJ e à Justiça Federal. Tardiamente, descobriu que a banca pertence a  Ana Basília, esposa do desembargador André Fontes, presidente do Tribunal Federal da 2ª Região e grande apoiador da própria Lava Jato. Depois do estrago feito, correram para corrigir informando que “o desembargador federal André Fontes, no exercício da Presidência do TRF2, vem apoiando administrativamente, de maneira significativa, os trabalhos desenvolvidos no âmbito da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro“.

Enquanto isto, Sérgio Moro rejeitava novo pedido de prisão para Tacla Duran, ao mesmo tempo em que solicitava nova perícia da PF para extrair dos bancos de dados da Odebrecht, informações sobre os gastos com o sítio de Atibaia.

Peça 5 – o final imprevisível

Todo esse jogo de cena visou contrabalançar as descobertas da PF e, ao mesmo tempo, pressionar o STF (Supremo Tribunal Federal), que está para analisar a questão da prisão após condenação em 2ª instância. E isso em um momento em que a organização Michel Temer consegue desviar o foco da mídia da corrupção para o combate ao crime desorganizado.

Os próximos dias serão prenhes de factoides e arbitrariedades. E por sobre as ações, pairam as sombras das suspeitas lançadas por Tacla Duran.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

58 comentários

    • É claro que tem…

      Desde que foi deflagrada chamo essa “operação” pelo que ela é: uma Fraude a Jato, uma ORCRIM institucional.

  1. Xadrez do futuro do Brasil.. quem arrisca?

    Nassif, tá na hora de tentar um “xadrez do futuro do Brasil”..

    Recentemente, discutindo com um colega sobre o futuro do ensino superior no Brasil, lanceis as hipóteses abaixo:

    Hipótese 1: permanecer esse governo ou semelhante, a tendência é que as coisas piorem para o ensino público.

    Hipótese 2: o Lula ganhar as eleições/2018, iniciar um processo de reconstrução do país, mas aí ele precisa do congresso, porque a PEC 55 virou constituição, e para desfazer precisa de 2/3 dos parlamentares, e eu acho isso improvável, o Lula pode até conseguir se eleger, olhe lá, mas o congresso vai estar lotado de pastores, procuradores, promotores da lavajato, ruralistas, essas coisas.. e mesmo assim, se conseguir passar por todos os obstáculos, acho que a reconstrução do patrimônio acadêmico será lenta..

    Hipótese 3: acontecer uma revolução, mini, com parte das forças armadas + lulismo + parte do MDB + China + Rússia, ou macro, com o povo.. bem esse tipo de coisa ninguém sabe direito nem como começa e nem como termina, mas, seria uma coisa melhor do que o que está aí..

     

    Eu acho que o mais provável será algo entre as hipóteses 1 e 2..

    .. talvez nem tenha eleições em 2018 (somente indireta, através do congresso) e aí haverá uma continuidade do governo atual, ou..

    .. o Lula, que ainda será preso, vai se candidatar e, cambaleante, se eleger, vai acabar virando uma espécie de “rainha da inglaterra”, talvez criem um semi-parlamentarismo, enfim, sem nenhum poder para mudar nada..

    .. e o Brasil caminha para se transformar em um tipo de México, dominado pelo crime organizado, e ainda, talvez, vai se dar ao luxo de estampar um presidente progressista na capa..

    .. não sei quando isso vai mudar, o próprio PT virou uma geléia, eu não vejo no Brasil uma esquerda capaz de deter o avanço da direita..

    .. um dia vai mudar, claro, mas acho que vai demorar um pouco, alguns anos.. talvez vários anos.. é difícil prever..

    .. na verdade, se eles “deixam” o Lula se eleger, mas mantendo o controle (muito inteligente), o próprio Lula vai ser um freio para a revolução, então isso pode levar décadas..

    E se essa hipótese do Lula se eleger se concretizar, acho vamos viver um “recall” da última década, com toda aquela propaganda de ódio, juiz prendendo deputado, corrupção pra lá e pra cá, enfim, toda a putaria que a gente viveu nos últimos 10 anos, provavelmente agravado pela crise econômica e estrangulamento das contas públicas.. incrível, não?

    • Como é que o Lula vai se

      Como é que o Lula vai se eleger se os seus direitos políticos serão cassados pelos fuxes do TSE. O máximo de vitória que ele poderá ter nesse processo de perseguição é a revogação da prisão em segunda instância. Mas a $antarrona das farmacêuticas e o Barroso, cujo nome diz o que é, estão em campanha junto com a Globo para que isso não ocorra.

    • Para a hipotese 3 funcionar precisa-se de Povo

      O que nos precisamos no momento é que ocorra a hipotese 3 porque a situação esta muito grave para todos aqueles que querem um Pais democratico e, no minimo, Republicano. A historia de Getulia Vargas se repete, cristalinamente, com Lula. 

      Vendo essas imagens dos cidadãos das favelas cariocas sendo fichadas pelo exército provoca indignação e que me ocorra pensar no porquê que os cidadãos da favela e das periferias no Brasil todo sempre se mostraram passivos. Quem se revolta torna-se marginal. A população que come diariamente o pão que o diabo amassa, essa, nunca desce do morro ou sai da periferia, de cabeça erguida, em massa, para protestar contra nada!

      O povo brasileiro foi formatado para ser subserviente, para obedecer e não perguntar. Eh o tal do “sim senhor, patrão”. Quantas vezes ja presenciei um desses “jovens iracundos” como classificou Darcy Ribeiro os nossos sinhozinhos a sinhazinhas falando de forma prepotente, às vezes gritando, com uma pessoa humilde? E sempre elas abaixam a cabeça! Todas vezes que isso aconteceu na minha frente fui defender essas pessoas e soh vejo uma forma de mudar essa situação: uma revolução no Brasil de sinhas e de sinhôs.

      A Lava Jata tem feito de tudo para embaralhar as cartas, incluindo essa tentativa de criminalizar os advogados de Lula, passando assim a ideia à população em geral de que até os advogados de Lula são corruptos. Não ha inocentes entre os operadores da Lava Jato e se o STF fosse indepentente, ja teria colocado fim nas ilegalidades cometidas por procuradores, delegados e juizes que operam a Lava Jato.

      • Onde estão as lideranças?

        Olá, Maria Luisa, eu acho que o povo não desce o morro porque não tem quem o lidere.. há um apagão nas esquerdas.. e esse apagão está relacionado com a decadência do sistema.. se por um lado as pessoas não aceitam mais as relações políticas tradicionais, com o político no centro das atenções, por outro, as organizações de esquerda não tem nada de diferente para oferecer, não criaram caminhos alternativos, então ocorreu um divórcio.. as pessoas rejeitam os partidos e os políticos, mas qualquer reação (organizada) neste momento prescinde de ambos.. então não há reação.. agora, vale o registro para os livros de história: neste momento, existem lideranças dentro dos partidos de esquerda, especialmente PT que é grande e eu conheço, que impedem o desenvolvimento dessas “novas relações com o povo”.. esses, eu os considero tão nocivos quanto os golpistas..

        • Mas, e o povo, nao tem “agencia” nenhuma ?

          “o povo não desce o morro porque não tem quem o lidere..”

          Nao Jruiz. A esquerda foi totalmente desempoderada pela operacao de guerra psicologica implementada pela midia, visando exatamente desmoralizar a narrativa da esquerda e solapar a capacidade do PT para liderar qualquer coisa. Nao havia, e me parece que ainda nao ha’, as chamadas “condicoes objetivas” para mobilizar as massas para fazer qualquer coisa, exceto Parada Gay (3 milhoes de pessoas), ou Parada por Jesus, (idem). Refletindo bem uma certa polarizacao, a guerra cultural.

          Em abril de 2016, 79% da populacao apoiava o impeachment; 10% nao sabia o que pensar; 11% eram contra.

          Os resultados eleitorais no sul do pais em 2016 nao deixam margem a duvida quanto a isso. Um massacre da esquerda.

          Como e’ que a esquerda poderia liderar essa massa perplexa, atordoada, supermanipulada e confusa ao extremo. Ate’ os que eram contra o golpe estavam intimidados com o terrorismo, fascismo que dominava/domina o pais. Ainda hoje, 55% querem que o Lula seja preso.

          Em Porto Alegre, Sao Paulo, Belo Horizonte, Brasilia, nao vimos UMA manifestacao sequer digna desse nome, considerando os estragos, os retrocessos involutivos gigantescos que estao sendo impostos ao pais. A greve do ultimo dia 19 contra a previdencia foi absolutamente pifia.

          Me parece que sua responsabilizacao do PT pela falta de mobilizacao popular e’ injusta, e reflete uma abordagem extremamente voluntarista de sua parte. A direita so’ conseguiu botar um milhao de pessoas na rua por causa da Globo, voce nao concorda ? E tambem por causa do animus contra o PT por parte da classe media, tambem instrumentalizado e fomentado pela Globo.

          O povo brasileiro, seja por causa da midia, das igrejas evangelicas/catolica/e ate’ os espiritas, passou a ter uma grande ojeriza pela esquerda. Esses religiosos, em sua maioria, entraram com tudo no discurso moralista/reacionario. Os propagandistas politicos da direita, do neo-liberalismo, do imperialismo, fizeram a cabeca da populacao martelando que o PT e’ contra a familia, e pelo aborto, pelas paradas gay e propaganda gay nas escolas, e pela imposicao de uma “ideologia de genero” ‘as criancas e jovens brasileiros. Dividir para reinar, o velho recurso do imperialismo, triunfou mais uma vez.

          A psicosfera do povo brasileiro foi intoxicada, entorpecida de uma forma absurda; uma lavagem cerebral muito bem arquitetada e implementada. O Lula chamou isto de anestesia. Sim, e’ isto mesmo, e o resultado e’ que nem uma super-esquerda, com uma super vontade conseguiria evitar o tsunami que vivemos, e que ainda nao exauriu o seu curso.

          ********

          De acordo com David Harvey, a “politica de identidade”, segmentacao da sociedade mais ativa politicamente em campos feministas, anti-racistas, LGBT, e ate’ mesmo ambientalista – cada um so’ pensando em seus temas de preferencia -foi uma estrategia da direita neo-liberal para fragmentar a esquerda. Veja que nos Estados Unidos, Canada’, Escandinavia, e outros paises da Europa essa “esquerda” ficou irreconhecivel; ela nao se preocupa mais com a classe trabalhadora, e nem os interesses gerais da populacao. A esquerda foi descaracterizada e passou a ser identificada com essa “politica de identidade” – que passou a ser a “nova esquerda”. Houve um usurpacao da marca esquerda. Enquanto que muitos eleitores da classe trabalhadora, que apoiavam a esquerda tradicional, a esquerda que pensa no todo, comecou a imigrar para a direita, que passou a vocalizar assuntos que eram temas exclusivos da esquerda no passado.

          Esta e’ uma das razoes, junto com a adesao da social-democracia ao neo-liberalismo, do ocaso da esquerda no hemisferio norte. Uma situacao bem diferente do ocorreu no Brasil.

           

          • Xadrez da encruzilhada da Lava Jato

            -> Em abril de 2016, 79% da populacao apoiava o impeachment; 10% nao sabia o que pensar; 11% eram contra.

            -> A direita so’ conseguiu botar um milhao de pessoas na rua por causa da Globo, voce nao concorda ?

            vou lhe afirmar algo que, muito provavelmente vc vai discordar porque sequer vai compreender:

            – ainda pior do que a obsessão com a via parlamentar, é o feito hipnótico provocado pelas pesquisas de opinião pública. qualquer movimento coletivo que precise se orientar por pesquisas, é porque já está fracassado de antemão.

            tudo isto deveria ser óbvio. e isto também é algo que já se sabia desde a época da fundação do PT… a Esquerda desaprendeu tudo.

            .

      • Xadrez da encruzilhada da Lava Jato

        -> e que me ocorra pensar no porquê que os cidadãos da favela e das periferias no Brasil todo sempre se mostraram passivos.

        -> nunca desce do morro ou sai da periferia, de cabeça erguida, em massa, para protestar contra nada!

        -> E sempre elas abaixam a cabeça!

        vc conseguiu expressar de forma brilhante o imenso preconceito que a classe média Lulista tem do povo pobre, no que se iguala a Elite do Atraso.

        nada mais distante dos fatos do que esta narrativa. além de preconceituosa, injusta e completamente ignorante de uma História do Brasil marcada por constantes e repetidos levantes dos pobres em luta contra sua opressão.

        pior: uma amnésia bastante seletiva das barbaridade que Lula e Dilma cometeram contra a população pobre das favelas do Rio de Janeiro! inclusive com os mandados de busca coletivo na Maré expedidos no governo Dilma.

        p.s.: enquanto na campanha do “Cadê o Amarildo?” os pobres da Rocinha desciam o morro para se unirem no asfalto ao “Ocupa Cabral”, onde estava a classe média apoiadora incondicional do Lulismo? delirando que tudo aquilo não passava de uma armação da CIA para derrubar o “nosso governo”… e agora a culpa é dos “pobres submissos”? não! a responsabilidade é da classe média Lulista.

        vídeo: Moradores da Rocinha Fazem Manifestação Cade o Amarildo no Rio de Janeiro 01/08/2013

        [video: https://www.youtube.com/watch?v=OppWwgQ6-e8%5D

         

        • So com luta se emanciparão

          A questão Arkx é instigar essa parcela da população a reagir às todas as formas de violência que ela sofre: seja por parte do Estado, seja social, seja fisica. Parece-me razolvel o pensamento de que so a militância não fara nenhuma revolução. Eh , preciso ir até às favelas, às periferias, aos bairros, fazer encontros, consicentizar essa parcela da sociedade de que ela tem direitos e que deve lutar por eles e por sua propria emancipação. Pode ser que a visão seja distorcida, mas me parece que o caminho é esse. Sem apoio popular de todos os setores, Lula sera preso, as eleições de 2018 acontecerão sem PT e tudo ficara na mesma.

          • Xadrez da encruzilhada da Lava Jato

            -> Eh , preciso ir até às favelas, às periferias, aos bairros, fazer encontros, consicentizar essa parcela da sociedade de que ela tem direitos e que deve lutar por eles e por sua propria emancipação.

            tenho argumentando incessantemente sobre isto aqui no Blog do Nassif, e alhures.

            sem querer lhe encher o saco, mas este contato com o povo foi justamente o que não foi feito nos 13 anos de Lula e Dilma.

            agora há de se recuperar o terreno perdido.

            só que não é tão simples. é toda uma discussão e principalmente uma prática que ficou abandonada.

            antes de mais nada, é preciso considerar o ponto principal:

            a “conscientização” não antecede a luta. não é a conscientização que leva à luta. é no processo de luta que a conscientização se dá, e se aprofunda e se expande.

            a única pedagogia que importa é a pedagogia da luta.

            não se trata de um jogo de palavras, nem de algo menor. ao contrário: compreender isto, e agir conforme esta compreensão, é o cerne da questão.

            .

          • sim, vc tem razão, mas é

            sim, vc tem razão, mas é preciso lembrar que essa aproximação ao povo não foi feita nem por Lula, nem por Dilma, nem pelo PT, nem pelo Psol, Pc do B, ou qualquer outro partido de esquerda.. quem teve sucesso na aproximação com o povo foi a direita, por incrível que pareça.. hoje, a gente fala em se aproximar do povo nas reuniões do partido, o pessoal até aceita, todos concordam, mas é algo do tipo “vamos lá para o povo nos saudar”, e aí não rola.. não é isso que o povo quer.. o povo quer protagonismo.. e sem isso, não vai.. pode escrever.. tem mais de 2 anos que eu repito, infelizmente sem conseguir convencer lideranças partidárias: o povo não aceita mais o jogo político tradicional.. já era.. não tem ninguém na face da terra que consiga reconstruir essa relação.. o povo quer exercer a política mais de perto, no mínimo, político é mero representante da opinião dos eleitores.. enquanto não promoverem essa mudança, não vão a lugar algum.. vão se passar décadas, aí vão acabar desenvolvendo um sistema político mais participativo lá na Europa, aí sim, aí os caras aqui podem até adotar..

          • Xadrez da encruzilhada da Lava Jato

            -> mas é algo do tipo “vamos lá para o povo nos saudar”, e aí não rola.. não é isso que o povo quer.. o povo quer protagonismo..

            pois é.

            é preciso não se deixar confundir, pois trabalho de base não é assumir uma postura de catequista ou pregador, levando a verdade ao povo para convertê-los a uma causa.

            por isto, a política nunca pode estar separada da vida. militar é viver.

            prioritariamente se faz política onde se vive e onde se trabalha. onde também se desenvolve laços, seja com um território ou com um coletivo.

            assunto complexo. acho que deveria ser continuamente abordado e debatido. o trágico é que esta mesma discussão já foi feita exaustivamente no período de fundação do PT. simplesmente voltamos no tempo, como se nada daquilo tivesse acontecido.

            .

             

    • Xadrez da encruzilhada da Lava Jato

      por coincidência, durante o almoço de ontem conversamos sobre o mesmo assunto. inclusive abordando alguns cenários semelhantes ao que vc apresentou.

      porém, acrescentamos também os fatores externos, pois consideramos que o cenário interno está sob forte determinação do cenário global.

      de tudo, o principal do qual tudo o mais decorre:

      – o atual Presidente do Brasil é um general sionista, como procurador do Imperium no Brasil;

      – as ligações perigosas do governo Temer com o cartel internacional do narcotráfico.

      .

    • Sérgio, isso será feito no

      Sérgio, isso será feito no momento certo. Lembre-se! O Tio Sam sempre se livra de seus “empregados” jogando-os aos leões no final do “trabalho sujo”…isso é histórico e fato. Abç

    • Grana que rolou “por fora” na Farsa a Jato

      A minha intuição diz que não resistiriam a uma devassa. Este vai e vem dos membros da Farsa a Jato aos EUA, pra mim, tem a ver com grana que rolou (e rola) “por fora” e está escondidinha nos paraísos fiscais estadunidenses. Eles vão lá pra ver o saldo, fazer investimentos, comprar imóveis, coisas assim. Lembrem-se que no mais recente ranking de paraísos fiscais os EUA já se colocaram em segundo lugar, atrás apenas da Suiça. E alguém duvida que estas contas estão superprotegidas, como estão as de vários criminosos internacionais refugiados nos EUA? Só de cabeça lembro-me do autor intelectual de uma bomba colocada num vôo de uma empresa aérea cubana que matou mais de cem passageiros; um ex-assessor do falecido líder Hugo Chávez responsável pelo seu envenenamento (segundo a jornalista Eva Golinger); um desafeto de Erdogan, um clérigo do qual não me lembro o nome e muitos outros terroristas que fizeram atentados de falsa bandeira encomendados pela CIA.

  2. Sob o desaranjo institucional

    Sob o desaranjo institucional vigente hoje no país não creio que a Lava Jato esteja numa encruzilhada. Tanto que o arquivo Beluga foi preservado com objetivo específico de dar suporte ao Moro no caso do terreno. Condena-se o Lula e toda a cúpula do PT e depois a Lava jato encontrará uma fórmula daniel dantas para proteger os maiores ladrões do país, mais isso não constrangerá nem os lavajateiros, nem a grande mídia e menos ainda o STF. É o não vem ao caso vigente desde o inicio da operação.

    E o Nassif continua otimista; os procuradores descobriram a manipulação e a ocultaram? Não, não. O crime é maior. A Lava Jato foi montada por gente que teve por objetivo destruir a Petrobrás e as maiores empreiteiras do país. Por gente que impôs o golpe passo a passo, por gente que não se indigna com a quadrilha que colocaram poder, por gente que tolera a militarização do golpe. É gente que não  tem remorso em causar a morte e perseguição de inocentes. Que não tem a dignidade de se envergonhar com a humilhação de pessoas e o desemprego que causaram. Que não se envergonha em destruir os preceitos fundamentais que estruturam um país através de suas instituições jurídicas. Que destruiram a Constituição de 88, código principal da evolução humanitária do país.

    E só ocultaram a manipulação? Não, não. São bandidos partícipes, não cúmplices. Além do que tem muito dinheiro depositado em contas de paraísos fiscais para destruir esse país como destruiram.

     

     

    • Mas, Vera,
       

      com toda a indiscutível razão que lhe cabe, essa gente (se é que se pode chamar de gente), tão logo o trabalho esteja terminado, numa só semana vai pegar um advogado, ou alguns,  versado em power point, juntar todas essas fraudes cometidas na lava-jato, fazer as diversas setinhas convergentes com o dalagnol, o carlos sei lá o que, o moro et caterva no meio,  sob a justa acusação de prevaricação, denunciação caluniosa e outros ilicitos condizentes.

      Esse trabalho há de contar com o trabalho interno dos coleguinhas da hora certa.

      Claro que a denúncia será precedida de sindicância, processo administrativo disciplinar, foro privilegiado mas, assim como o denunciante  e investigador de daniel dantas, os lavajateiros conhecerão a roça.

      E “se for  demorar,” pode até cair o avião de algum deles ou com eles.

      Essa “gente” não dorme em serviço.

       

  3. Considerando que atualmente a

    Considerando que atualmente a lei no Brasil é redigida como na Revolução dos Bichos de Orwell, capaz de usarem isso para livrarem a todos, até o Cabral, desde que mantenham a condenação do Lula.

    Claro que com o PIG criando uma narrativa bonitinha para ser declamada no jogral dos leitores de teleprompter das 20:30, justificando tudo para os manifestoches.

     

  4. “os responsáveis pelo Meinl

    “os responsáveis pelo Meinl Bank, que lavou bilhões de dólares, foram soltos mediante multas irrisórias”

     

    Fora o caixa 2 de multas, claro, tipo aqueles 5 milhões do padrinho do DD, padrinho e cia.

  5. Com a palavra, a PGR…

    “A perícia da PF constatou que o banco de dados foi alterado em dois momentos:  (…) no período em que esteve de posse do Ministério Público Federal (MPF).”

    Se isso é verdade, é gravíssimo!
     

    Quem alterou no âmbito do MPF?

    Para que?

    Participaram mais de 3 pessoas nessa prática criminosa?

    Quais seus cargos públicos?

    Com a palavra a Procuradora-Geral da República e a Procuradora Federal dos Direitos do Cidadão!!!

    • ESSA POHA

      O que será que quer dizer:

      -Com o congresso, com os militares, com a justiça, com toda a mídia, com as igrejas e igrejinhas, com a fiesp e as outras fie, com a OAB, com o supremo, com tudo!

  6. EQUÍVOCO?

    “Enquanto isto, Sérgio Moro rejeitava novo pedido de prisão para Tacla Duran,”

    Acho que houve um equívoco. Moro rejeitou novo pedido para ouvir depoimento de Tacla Duran por vídeo conferência, não?

      • É melhor explicar de forma detalhada

        O torquemada negou mais um pedido, feito pela defesa do Ex-Presidente lula, para que Rodrigo Tacla Durán fosse ouvido como testemunha. Esse é o fato mais importante, que torna lógica e verossímil a análise in comento. Já o (novo) pedido de prisão feito pelos lavajateiros do MPF faz parte dessa pantomima e dessa estrtégia diversionista da ORCRIM lavajateira, para desviar o foco das perícias que PROVAM os crimes de fraude processual e falsificaçao de documentos.

        Faço crítica, mas continuo respeitando e admirando teu trabalho.

  7. bom post

    Passou na Globoe e demais tvs?

    Não? o Brasil não tomou conhecimento!. 

    O Brasil não tomando conhecimento a farsa-a- jato vai seguindo seu caminho…

    E nos seguindo o nosso… afundando.

     

     

     

  8. É difiícil até comentar uma

    É difiícil até comentar uma coisa dessas… Qualquer coisa que se diga é pouco pra definir o que esses imbecis fizeram com o país.

    • Isso já havia sido dito pelo Duplo Expresso há semanas…

      Pois é, outro dia, fizeram uma confusão danada, dizendo que a FRA era uma empresa brasileira que estaria envolvida com as falcatruas. Com o detalhe que o Duplo Expresso já tinha falado bastante sobre a FRA semanas antes.

      https://twitter.com/romulusmaya/status/960857744759717888

      Pega na mentira: empresa de investigação americana desmente Lava Jato e afirma que resgatou arquivos da Odebrecht (sonegados à defesa de Lula!)

       

      11 de Fevereiro de 2018 Romulus Maya 33 Comments 

      Por Romulus Maya, para o Duplo Expresso
      Publicado – 6/fev/2018 – 10:47
      Atualizado – 14/fev/2018 – 17:40

      Os furos na “narrativa” sobre os “lapsos” na “investigação” (combinada) Lava Jato/ Odebrecht ficam cada vez mais evidentes. O alarme em Curitiba soou quando, no final do ano passado, o Duplo Expresso começou a tratar do relato da fonte do TI da própria Odebrecht contando como a fraude (conjunta) se dera. Em 22 de janeiro passado finalmente pudemos publicar a primeira parte do depoimento. E, dias depois, a sua transcrição.

      Desde que inauguramos essa pauta, em dezembro passado, veículos da grande imprensa – com destaque para a Folha de S. Paulo – vêm tentando fazer “hedge”. A Folha – na virada do ano! – correu para reunir alguns dos (muitos) “lapsos” na “narrativa” da Lava Jato em um par de matérias curtas, apressadas e assinadas – em conjunto! – por meia dúzia de freelancers.

      Notem bem: a descrição acima das condições em que foram redigidas tais “matérias” – (lava) “a jato” – é literal:

      Apesar de, inexplicavelmente, as denúncias do Duplo Expresso não terem pautado o “lado de cá”, o “lado de lá” só faz passar recibo das mesmas. Um atrás do outro, principalmente na forma de tentativas, patéticas, de “vacina”. Temos registrado, inclusive, esse “bate-bola” entre nós e os veículos da grande imprensa que fazem “assessoria de comunicação” da Lava Jato. Acaba por constituir um verdadeiro “ping pong” noticioso!

      A tentativa mais recente de “vacina”, comentada aqui no Duplo Expresso na semana passada (29/1/2018), foi em “artigo” (grotesco) publicado pelo Jornal O Globo “explicando” por que a Lava Jato “não teria acesso” aos “documentos” que – alegadamente – sempre “embasaram” suas acusações: as tais planilhas do programa “mywebday”, desenvolvido no ambiente Oracle para a Odebrecht fazer seus lançamentos contábeis.

      O procurador Carlos Fernando dos Santos Lima teve a desfaçatez de dizer, então, que o MPF “nunca pôde” acessar os arquivos depositados em pendrives – repito: em “pendrives”! – entregues por funcionários da Odebrecht porque “não teriam sido repassadas” as respectivas “senhas”. Para coroar a mentira, “eximiu-se” da obrigação de exigir tais senhas aludindo à garantia constitucional de um réu não precisar produzir prova contra si. Piada, por óbvio: tal direito é, evidentemente, derrogado no caso de delação premiada/ acordo de leniência, visto que esses estabelecem, em troca, a redução das sanções (antes!) aplicáveis.

      Por incrível que pareça, o acordo de leniência celebrado pela Odebrecht com o MPF impede até mesmo a Polícia Federal (!) – “aliada” tática do MPF na qual esse não confia plenamente – de ter acesso ao banco de dados da Odebrecht!

      Notem a questão chave: diversas “cópias” – serão elas fidedignas? – das planilhas do tal “mywebday” foram utilizadas pela Lava Jato nos processos e também vazadas para a grande imprensa, seguindo as finalidades políticas, claras, da Operação. Contudo, o acesso ao sistema sempre foi negado aos acusados. Notadamente, à defesa do ex-Presidente Lula, malgrado seus insistentes requerimentos nesse sentido.

      Ou seja: a Lava Jato nunca permitiu a confrontação de suas “alegações”. Seja nos processos, seja na imprensa, na forma de “vazamentos”.

      Mais aqui: https://duploexpresso.com/?p=87475

  9. O juiz tem rabo preso.

    O juiz tem rabo preso. Somente o fato de rejeitar todos os pedidos para ouvir Tacla Duran já coloca o juiz em uma situação muitíssimo suspeita. Em nenhum lugar do mundo um juiz rejeita uma testemunha tão importante para a compreensão de todo o processo. Repito, o juiz tem rabo preso.

    • Repito, o JUIZ É

      Repito, o JUIZ É LADRÃO.

      Tacla Duran acusou a lava jato de ROUBAR dinheiro dos delatores.

      Publicava contas encontradas com poucos recursos e escondia aquelas recheadas de dinheiro. Das segundas contas eram exigidos valores para aceitação da delação sob medida e alivio das penas de delatores que ainda poderiam continuar com grande parte do dinheiro roubado.

      A lava jato é composta por ladrões golpistas. Possivelmente estão rachando os bilhões entre membros do judiciário. 

  10. Revolta

    O que mais revolta nesse país é se dar conta que aqueles que têm o dever de praticar justiça também são criminosos. Revolta quando eles formam uma casta de inatingíveis, legislando em causa própria e afrontando a todos com salários nababescos, enquanto milhões de brasileiros estão desempregados. Revolta quando ameaçam ir à greve por conta de um imoral auxílio moradia enquanto milhões não têm um teto, ou vivem em condições de miséria em locais insalubres. Revolta quando eles condenam à prisão alguém por portar um cigarro de maconha e quando se trata de um par este é condenado a uma aposentadoria com proventos integrais. Será que não há um brasileiro sequer para mostrar toda a nudez do judiciário?

  11. os farsante e infames da

    os farsante e infames da turma da lava-jato praticam  arbitrariedades

    cotidianamente e todas essas mentiras são  divulgadas como supostas

    verdades pela mídia golpista encbeçada pela globo.

    até quando?

     

  12. A lava jato não está em

    A lava jato não está em nenhuma encruzilhada.

    A lava jato é a propria encruzilhada para pegar as esquerda, Lula/PT.

    Mesmo com todas as armações que envolvem a operação, duvido que algum tribunal superior terá coragem de anaular toda operação.

    A lava jato é ratoeira para pegar o Lula, com ou sem prova. Ponto final.

    • Concordo.
      Deram um golpe de

      Concordo.

      Deram um golpe de estado com esta finalidade(tirar o Lula do jogo) e não voltarão atrás pacificamente.

      Resta a opção de terrorismo contra estes bandidos.

  13. Era uma vez um pais republicano

    Atualizado – 21:25

    Era uma vez um pais republicano que fora tomado de assalto num Abril de 2016,….a partir desse dia se aprofundou a conversão de nossas Instituições em organizações criminosas agindo contra Lula e seu partido….destituido da sua condição de cidadão e transformado-o em objeto a ser vilipendiado, o ex-prresidente não teve sequer um dia de trégua nestes ultimos anos de guerra ou lawfere, como queiram: nem no dia da morte(https://blogdomello.blogspot.com.br/2017/02/hoje-na-folha-moro-intima-lula-depor.html) e muito menos a véspera de 1 ano da morte de sua querida Marisa(https://www.revistaforum.com.br/coincidencia-julgamento-de-lula-acontece-exatamente-um-ano-apos-dona-marisa-ser-internada-com-um-avc/), quando Lula foi guilhotinado pela Suprema Corte de Curitiba, o TRF4, um puxadinho da Globo, última instância de recurso para petistas, segundo a CF de Moro e CIA……,……. os fascínoras que se apoderaram do poder estatal não tiveram a dignidade de respeitar isso que para nós é sagrado: o direito de velar prantear nosso mortos queridos….

    nestes últimos anos, jamais houve sequer um minuto de  bandeira branca para Lula, aliás, isso nunca houve desde o seu primeiro dia de presidente, em janeiro de 2003, no últimos anos o que houve foi apenas um aumento da intensidade dos ataques a esse Cabra Marcado para Morrer e aos membros do seu partido…,,são coisas como estas que precisam de denúncia antes que caiam no esquecimento e, como sabemos, o cinema é a melhor forma de compreensão dessa realidade, tanto que a Globo produziu um filme contendo sua narrativa, o filme A Lei é Para Todos……..esse momento triste do nosso pais não pode cair no esquecimento: somente através de um filme como O Processo, sobre o golpe que derrubou Dilma há quase dois anos, pode ser compreendido pelo mundo e pelo povo brasileiro: mãos à obra…

    ……por ignorarmos o poder do imperialismo e seu jogo sempre jogado nas sombras, pensávamos que a democracia fosse durar no minimo 50 anos, o que nunca havia ocorrido no Brasil, uma vez que, da Proclamação da República até nossos dias, temos um golpe de estado de 20 em 20 anos, por ai…

    Urgente!

    Lava Jato não respeita o sigilo profissional de advogado que criticou….a Lava  Jato…

    https://www.ocafezinho.com/2018/02/24/lava-jato-ataca-professor-da-puc-sp/

     

    Isso também: Direito Penal do Inimigo: da Alçada à Lava Jato

     

    https://jornalggn.com.br/blog/jose-carlos-lima-spin/direito-penal-do-inimigo-da-alcada-a-lava-jato

     

    E isso:

    Eduardo Guimarães: pedido de Lula ao STF vencerá por 7 a 4

    https://blogdacidadania.com.br/2018/02/pedido-de-lula-ao-stf-vencera-por-7-4/

    José Carlos Lima disse: se a Carmem Lúcia tirar o bundão de cima do pedido de habeas corpus de Lula…aliás, foi ali por volta do dia 12 de fevereiro que o pedido chegou ao STF….e como se sabe, HC tem que ser analisado em regime de urgencia, por se tratar de pedido imediato diante de risco que corre o paciente em ter seus direitos constitucionais negados, como se vê no caso Lula….será que Carmem vai deixar que a coisa morra na Suprema Corte de Curtiba, o TRF4 um puxadinho da Globo…

    ……………………………………..

    Os dados do HD da Odebrecht foram fraudados para ferrar Lula, sim

    Como Moro exerce papel de Suprema Corte de Curitiba com apoio da Globo e Carmem Lucia e com infringência a CF que reza direito a julgamento que não apenas na segunda instancia, sim

    Mas em se tratando de guerra em que Lula e seu partido são tratados como inimigos, cuidados no trato das provas são dispensados

    Emails exigem cuidados específicos para que sirvam como prova 

    https://jornalggn.com.br/blog/jose-carlos-lima/e-mails-exigem-cuidados-especificos-para-que-sirvam-como-prova-por-marcelo-stopanovski-0

     

  14. My friend Trump (se pronuncia
    My friend Trump (se pronuncia “Tuamp”),(explico para os leigos)vc poderia por favor nos dar a “cabeça de Moro”!? Em troca Lula fecha com vc TB,ele tem muita credibilidade no mundo,o judiciário brasileiro precisa de um freio e não é confiável nem para vcs pq como se sabe o judiciário aqui ganha melhor q os juízes de seu país e mesmo assim se envolvem com o crime organizado,fora q Lula é perseguido pela mídia igual a vc,dê condições a Lula e ele saberá colocar eles no lugar devido!
    Obs:Inauguro o Português de equação do segundo grau em minha escrita acima(por causa dos parentêses)ou simplesmente PORTUGUÊS MATEMÁTICO!

  15. Perícia da PF
    Na lava jato é tudo factóides, armação, os santos políticos e empresários não fizeram nada, declaração de culpa também não vale nada.pela sua análise, todas as provas devem ser descartadas e o Estado ainda deve indenizar os pobres coitados que foram presos.
    Sinceramente, se isso for cogitado e acontecer, sou contrário mas, o jeito será uma intervenção (não golpe) militar. Os caras já tem inúmeras apelações, processos que se arrastam por anos, quando não, prescrevem e ainda tem uma matéria dessas insinuando que a lava jato seja colocada no lixo??? Haja tanta cara de pau!!!

    • Perícia da PF

       Há muitas inconsistências e desvio processual  na operação desde o início, os sistemas My Web Day e Drousy são uns deles, o comportamento em relação à Mosack Fonseca; o DD’s power-point ; o desrespeito à paridade de armas no rito processual; limitação de acesso à documentação do processo para a Defesa; em contrapartida a postura previamente punitivista do magistrado se confundindo com o MP, este sim por competência legal tem o caráter inquisidor; o medo da  operação com as denúncias de Tacla Duran. Buscar o esclarecimento deste manto nebuloso envolto da LJ, não é ter cara de pau e sim querer esclarecimentos importantes que devemos saber. Estão quebrando o Brasil, nossa indústria de ponta foi dizimada, nossas riquezas estão sendo entregues a troca de penca de um fruta bem popular. Procuradores e Juízes vivem viajando para os E.U.A  ganhando prêmios enquanto o povo brasileiro perde sua possibilidade de futuro. Indignar-se ante isto  não é ter cara de pau. Deve se combater a corrupção sim, lamentavel e paradoxalmente não foi isto que esta operação realizou.

  16. Como já comento aqui há

    Como já comento aqui há meses, TODOS os integrantes da LAVA RATO devem ser afastados do serviço público, processados e presos. Digo TODOS aqueles que tiveram o menor contato que seja com esta operação.

    O que estes funcionários públicos concursados fizeram ao país não pode ser perdoado nem esquecido. TODOS devem passar LONGOS anos na cadeia para  que reflitam sobre o que fizeram.

    Também deve-se criar leis, alterar leis para que NUNCA MAIS seja possível que funcionários públicos de segundo escalão cometam tal atrocidade contra o país. Não podemos permitir que outra lava rato aconteça neste país.

    O Núcleo de curitiba é composto por bandidos que blindam crimes do psdb e inventam crimes para atacar o PT. Extorquiram delatores, roubaram dinheiro de contas no exterior, forjaram provas, esconderam provas, chantagearam ministros do supremo e políticos, etc etc

    Cadeia é pouco para estes criminosos.

    E mais, TUDO o que foi escrito pelo Nassif no post acima já vem sendo noticiado há vários dias pelo Programa Expresso da Manhã, com Welington Calazans e Romulus Maya.

  17. Mais um Xadrez brihante

    Mais um Xadrez brilhante do Nassif. Lembro de um artigo do Jeferson Miola em 14.02 que fez cinco perguntas  para a lava-jato. Perguntas que apontam a enganação da operação e servem como base para ações politicas do campo progressista. A melhor defesa do Lula é a desmoralização da lava-jato como bem diz Romulus.
    1.Sérgio Moro e os procuradores da turma do Deltan Dalagnoll têm a obrigação de esclarecer quem é o intermediário da força-tarefa da Lava Jato apelidado de DD no email em que Carlos Zucolotto, padrinho e amigo do Moro, promete a Rodrigo Tacla Duran a redução de multa para acordo de delação premiada e privilégios legais em troca de US$ 5 milhões em propina. Note-se que o único integrante da Lava Jato cujas iniciais coincidem com DD é o pregador fanático Deltan Dalagnoll, não por acaso colega de instituição do “jacobino incorruptível” Demóstenes Torres [sic];
    2. a turma de Curitiba, assim como os 3 verdugos do tribunal de exceção da Lava Jato em Porto Alegre têm a obrigação de esclarecer porque blindam Carlos Zucolotto e impedem que ele seja inquirido nos processos em que o Lula é injustamente condenado;
    3. a Lava Jato em Curitiba e na sucursal de Porto Alegre deve explicar categórica e convincentemente porque não atende a outro pedido da defesa do Lula, de oitiva de Rodrigo Tacla Duran – o ex-Odebrecht que denunciou o pedido de propina do Zucolotto; que informou que Rosângela Moro, advogada que se orgulha no facebook que “mora com Moro”, recebeu honorários dele e, mais importante, aquele que denunciou a gigantesca manipulação dos sistemas de registros de dados de propinas da empreiteira [drousys e my web day] usados para condenar injustamente Lula;
    4. a força-tarefa da Lava Jato tem de explicar porque desistiu de comparecer à audiência de 4 de dezembro de 2017 na Espanha, que ela própria solicitou à justiça espanhola, para ouvir Rodrigo Tacla Duran. Estavam escalados para a excursão com polpudas diárias 3 procuradores da república, entre eles o implacável justiceiro Roberson Pozzobon e Orlando Martello; e, finalmente,
    5. a Lava Jato deve explicações aceitáveis para o sumiço das senhas de acesso ao sistema my web day, que armazena os registros de propinas pagas não somente a políticos, mas supostamente a gente do mundo judicial e da mídia. Este é um aspecto crucial da Lava Jato. A turma da Lava Jato em Curitiba e Porto Alegre, assim como o STJ e o STF, têm de explicar porque proíbem o acesso da defesa do Lula à integralidade do sistema, uma vez que os justiceiros usam dados nele constantes para condenar injustamente o ex-presidente.

      

  18. Análise redigida às pressas, com erros.

    Na Peça 3 lemos:

    “Não há dúvida que os procuradores foram cúmplices da fraude. Apenas não se sabe até que nível, se participando da confecção das planilhas falsificadas ou se, descobrindo a manipulação e tratando de ocultá-las. É mais provável a segunda hipótese.”

    Não existe razão alguma para a última frase, uma atenuante para os procuradores da ORCRIM lavajateira.

    Já a Peça 4 é terminada com um parágrafo que contém um grave erro. Seguem abaixo a versão publicada (com erro) e a versão correta.

    “Enquanto isto, Sérgio Moro rejeitava novo pedido de prisão para Tacla Duran, ao mesmo tempo em que solicitava nova perícia da PF para extrair dos bancos de dados da Odebrecht, informações sobre os gastos com o sítio de Atibaia.”

    “Enquanto isto, Sérgio Moro rejeitava novo pedido, feito pelos advogados de defesa do Ex-Presidente Lula, para que o advogado Rodrigo Tacla Duran fosse ouvido como testemunha, ao mesmo tempo em que solicitava nova perícia da PF para extrair dos bancos de dados da Odebrecht, informações sobre os gastos com o sítio de Atibaia.”

    Por fim observo que NÃO HÁ razão alguma para que o analista conceda mérito à perícia feita pela PF, já que foi o advogado Rodrigo Tacla Durán quem denunciou e PROVOU (por meio de perícia técnica que ele mesmo contratou) que a ORCRIM Fraude  a Jato cometeu fraudes processuais e falsificação de documentos, além de extorsão. Vale dizer que perícia técnica contratada pela defesa de Lula já havia mostrado outros exemplos de fraudes processuais e falsificação de documentos cometidos pelos criminosos lavajateiros. Se a perícia da PF não confirmasse tais fraudes e falsificações, a equipe de peritos dessa polícia é que ficaria em maus lençóis.

    • O acordo de delaçao do
      O acordo de delaçao do segundo irmao foi cancelado devido a nao informar a participaçao de Miller, braço direito de Janot. Emails tratando do acordo, antecipando acertos devido a informaçao privilegiadas de dentro da Pgt qd aquele nao era mais procurador. 40 milhoes de dolares como premio pelo acordo acertado com os futuros patroes..
      Mas o blogueiro, depois de ter perdido patrocinio federal, continya dando o beneficio da duvida a dois cadaveres putrefatos responsaveis diretos pelo golpe contra Dilma e Lula e tratando como lambança e trapalhadas.
      Fala grosso contra Raquel Dodge e fino contra Janot e Miller. Alias, nem fino fala mais devido ao mau cheiro que exalam e impossibilidade de fazer comentarios sem comprometer o acordo e a manter um resto de dignidade.

  19. Tucano comete falta e juiz ladrão dá cartão vermelho

    Tucano Serra comete falta e juiz ladrão dá cartão vermelho para petista

    Por Robinson Almeida

    1 – O inquérito que motivou o mandado de busca e apreensão é de 2013. Wagner foi ouvido como testemunha em 2017. Nunca foi intimado a depor ou responder perguntas. 

    2 – Depois de 5 anos, na boca da eleição, é deflagrada operação midiática, em que a TV Bahia, de Neto, chegou no local antes da Polícia Federal. 

    3 – Wagner, cotado pra ser o candidato a Presidente da República numa eventual interdição de Lula, virou bola da vez. 

    4 – Wagner lidera em todas as pesquisas a eleição pro Senado. Rui desponta como o principal governador do PT a ser reeleito nesse ano. A Bahia virou o alvo político do golpe em curso no Brasil. 

    5 – Só após a apuração das denúncias sobre a construção da Arena Fonte Nova, com rigor técnico e lastreada em provas, será possível incriminar alguém.

    6 – Não se vê o mesmo rigor e pirotecnia midiática nas investigação das denúncias contra Aécio, Serra, Alckmim e ACM Neto. 

    7 – Infelizmente, vivemos um estado de exceção e setores de algumas instituições funcionam com interesse político e não republicano.

    8 – Não nos iludamos. A operação da PF de Temer quer tirar Jaques Wagner do processo político e derrotar o PT na Bahia.

  20. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome