Rovai: JN negociou com Temer repercussão do áudio de Jucá

Jornal GGN – De acordo com o jornalista Renato Rovai, diretores da Globo realizaram uma reunião de emergência para definir como o Jornal Nacional trataria o diálogo entre Romero Jucá e Sérgio Machado. “Durante o dia a Globo foi cobrindo o tema de uma maneira bem menos explosiva do que, por exemplo, o áudio vazado do ex-senador Delcídio. Ou do grampo ilegal da conversa entre Lula e Dilma. Só ao final da tarde, quando a solução do afastamento de Jucá já havia sido negociada por Temer é que se decidiu por fazer um Jornal Nacional onde o caso teria destaque relevante. E que se liberou os âncoras e comentaristas da GloboNews para que pudessem tratar de forma mais intensa do assunto”.

Da Revista Fórum

Exclusivo: Jornal Nacional de ontem foi negociado com Temer

Por Renato Rovai

O Jornal Nacional de ontem foi fruto de uma intensa negociação, é o que revela uma fonte do blogue.

O áudio da conversa entre Romero Jucá e Sérgio Machado fez com que os luas pretas da Central Globo de Jornalismo trocassem inúmeras mensagens e realizassem uma reunião de emergência logo cedo.

A primeira decisão foi esperar para ver qual seria a repercussão. E pela manhã tanto a GloboNews quanto o G1 trataram do assunto de forma suave e sem muito destaque.

Na Globo, porém, a avaliação era de que não havia saída para o agora licenciado ministro do Planejamento. E a mensagem foi enviada para Temer através de Wellington Moreira Franco.

Leia também:  Cadê a autocrítica dos fariseus arrependidos?, por Francisco Celso Calmon

O carioca não precisava ser convencido.Teria dito que iria buscar convencer Jucá a se afastar ou renunciar ao cargo, mas que não seria uma tarefa tão simples.

Durante o dia a Globo foi cobrindo o tema de uma maneira bem menos explosiva do que, por exemplo, o áudio vazado do ex-senador Delcídio. Ou do grampo ilegal da conversa entre Lula e Dilma.

Só ao final da tarde, quando a solução do afastamento de Jucá já havia sido negociada por Temer é que se decidiu por fazer um Jornal Nacional onde o caso teria destaque relevante. E que se liberou os âncoras e comentaristas da GloboNews para que pudessem tratar de forma mais intensa do assunto.

Até aí, nada muito surpreendente. A não ser pelo fato de que o sinal de que não seria necessário aliviar para Jucá teria partido da equipe de Temer, segundo a fonte do blogue.

A avaliação dos que fizeram a ponte com a Globo era a de que o tratamento da saída de Jucá não deveria ser o de um simples afastamento, mas o de uma demissão, para que Temer não saísse tão desgastado.

Não foi à toa que a apresentadora do JN, Renata Vasconcellos, abriu a nota sobre o caso fazendo bico para falar que Jucá foi “e-xo-ne-ra-do”.

E que o presidente interino apareceu no meio da reportagem dizendo ao repórter da GloboNews “que tudo iria se resolver e que estava tudo tranquilo”.

A narrativa que ficou acordada era de preservar Temer e rifar Jucá.

E por isso, o restante do bloco, não por acaso o último, foi dedicado a noticiar os principais trechos do áudio da conversa divulgada pela Folha, evitando repercutir muito o assunto e a crise que o áudio gerou.

Leia também:  “Hércules” de Eurípedes: o desprezo pelos tiranos, por Carlos Russo Jr.

Antes, porém, houve tempo para falar muito da crise da Venezuela e do caso que pode levar o governador de Minas, Fernando Pimentel, a ser cassado.

Segundo a fonte deste blogue, Jucá percebeu que seria rifado e falou grosso na reunião que teve com Moreira Franco e Eliseu Padilha. E num momento mais explosivo teria dito que se fosse jogado ao mar poderia fazer o mesmo que Sérgio Machado, referindo-se a delação que o ex-presidente da Transpetro negociou.

Também não por acaso, ontem, depois disso tudo acontecer e quando dava uma entrevista conturbada no Congresso que um repórter da GloboNews se aproximou dele e perguntou à queima roupa:

– O senhor está pensando em fazer delação premiada?

Jucá ficou atordoado e saiu sem responder. Mas a pergunta não estava fora de contexto. Teria sido pedida por um dos editores ao jovem jornalista.

Era um aviso para Jucá dos seus amigos do PMDB de que a ameaça já havia vazado. E de que a Globo não iria preservá-lo.

Jucá não tem mais condições de voltar ao governo e sabe disso. O que ele busca agora é se livrar da prisão. E para que isso não aconteça ele vai precisar da Globo e da mídia que citou como parte da articulação do impeachment.  Por isso, muito provavelmente, mesmo tendo entendido tudo que lhe aconteceu, vai ficar quieto. Mas só se escapar. Caso não, toda essa operação pode virá à tona e ainda com um número muito maior de detalhes.

11 comentários

  1. assunto na globo: Jucá, apenas Jucá.

    Na globo o assunto é tratado apenas sob a otica particular do Jucá. Ju´ca pede para sair. Dialogo de Jucá poderia prejudicar Temer, Jucá dá declaração assim, assado, etc. Ou seja, em momento nenhum o DIALOGO é noticia, como se Jucá e Mendonça tivessem falado sobre a dama do lar do Temer.

    Sim, assista a globo e torne-se um imbecil mentecápito.

  2. Ontem,o jornal nacional

    Ontem,o jornal nacional global assinou o seu suicidio como informativo jornalistico.

    Quem assistiu e entende um pouco de jornalismo constatou que a globo chegou ao ponto maximo de cinismo e de manipulação de informação.

    Mesmo diante de um fato tão grave como a divulgação do audio do ministro do planejamento, os jornalistas o escondeu ate o final do programa.

  3. O culpado

    “Ontem,o jornal nacional global assinou o seu suicidio como informativo jornalistico”

    Pelo o que se fala por aqui , o JN já se suicidou várias vezes.

  4. Padrão globogolpista

    Em Editorial, o Globo escreve em relação à “licença” concedida a Jucá:

    “Não era mesmo possível mantê-lo, pois significaria dar força à tese lulopetista de que o impeachment de Dilma seria uma conspiração para substituí-la por Temer, a fim de que se pudesse conter a Lava-Jato. Algo delirante, porque precisaria que o Judiciário e o Ministério Público não fossem independentes. E a imprensa profissional não continuasse a fazer o seu trabalho.”

    O Globo continua com sua tentativa de fazer valer sua narrativa de que o golpe foi legal apelando, entre outras coisas, para expressões reducionistas que procuram fazer crer que a tese é fruto de “lulopetistas” (sic).

    Eu acho que já é tempo de deixarmos claro que aquilo que o jornal chama de “imprensa profissional” nada mais é do que a manifestação retógrada do globogolpismo.

    Foi o globogolpismo que produziu essa legião de zumbis (G)lobotomizados (com a licença do MarFig) que saíram às ruas para se manifestar “contra a corrupção”  e dar sustentação ao golpe que seria dado em seguida para colocar os bons e velhos corruptos, amigos da casa, de volta ao poder.

    A tese que o globogolpismo denomina de “lulopetista”, é a tese que a imprensa internacional, livre do globogolpismo, hoje escancara ao resto do mundo.

    Michel Temer não tem moral para tentar se distinguir de Romero Jucá. E não será o globogolpismo que irá nos vender este “homem santo”.

  5. nada de novo

    Não assisto esse lixo, mas já sabia que iriam manipular a noticia. Nada de novo!

    Jornalista que se preze não tem intimidade com politicos! Muito menos do quilate de temer, jucá etc

    Acho engraçado leitores do blog perdento tempo com o globo e seus pseudo jornalistas.

    Hoje mesmo tinha varios comentarios sobre o merval. 

    Desde quando merval é jornalista!. Para mim é um lambe botas bem pago, só isso!

  6. muito estranho esse PIG, por

    muito estranho esse PIG, por que ele mandou o Aecim pra jaula dos leões? Intrigante.. aí tem.

  7. Boicote

    Venho propor a todos os aqueles que fazem os blogs, para encamparmos um movimento de boicote ao televisionamento das olimpíadas pela Rede Globo. Acho que de alguma maneira isso poderá surtir algum efeito nos índices de audiência  e por consequência afetar a essa emissora golpista, assim como, os fiéis patrocinadores. A criação de posts originais e o compartilhamento deles a todos,  é vital para o sucesso.  A tempo e fora de tempo, temos que usar das ferramentas que nos são ofertadas.

    Alberto Cesar do Nascimento (cesarhzs@yahoo.com.br)

  8. Arquivo Vivo…

    Nassif: a batata do Jucá tá quente demais. O caso é diferente ao do Delcidio. Esse dedo-duro foi escalado para desmontar a Presidenta (eleita) ecolocar o Vice (acessorio eleitoral). As diferenças são enormes. Enquanto o x9 Delcídio tem que ser preservado como a galinha-dos-ovos-de-outro, o x9 Jucá corre contra o relógio. Se for em cana terá por moeda de barganha (delação) só o pessoal da “Abre-te Césamo”. Inclusive, o Alí Babá. Ai o bicho pega. E a integridade desse arquivo vivo fica pesado demais e pode não valer tanto assim…

  9. o mais infame é que dizem que

    o mais infame é que dizem que a globo não

    falou de golpe,  mesmo com essa escrachada gravação em que jucá

    diz com todas as letras que foi  golpe mesmo…

    digo que dizem porque já não me assusto mais nem tenho

    medo da globo ,

    simpllesmente desliguei minha tv….

    sóv ejo futebol –

    a moça do ibope até se incomodou quando

    eu disse várias vezes que só via futebol….

    ela não conseguia ntender!!!!

    espero que pelo menos um comentarísta veja pra gente saber

    as mentiras e as invenções, as sacanagens e as infamias de sempre da globo….

  10. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome