Diego Figueiredo e as lágrimas de George Benson

Diego Figueiredo é considerado um dos melhores guitarristas da atualidade pela crítica especializada e músicos do quilate de Paulo Bellinati, Guinga, Roberto Menescal, Hermeto Pascoal, George Berson, Al Di Meda, Pat Metheny…

Em 2005 foi aclamado pelo “Montreux Jazz Festival” um dos três maiores guitarristas do mundo e em 2007 conquistou o 2º lugar no “Montreux Jazz Guitar Competition”, um dos concursos mais conceituados da atualidade que, nesta edição, foi presidido pelo guitarrista norte-americano George Benson.

Relata o jovem músico: “Foi uma honra muito grande. Eu me apresentei solo e com banda, tocando arranjos originais para ‘standards jazz’. O momento mais marcante foi quando interpretei em guitarra solo o tema “Round Midnight”. O George Benson chegou a chorar. Isso me emocionou muito também“.

– “Na baixa do sapateiro” (Ary Barroso) # Diego Figueiredo.

– “Lamentos do morro” (Garoto) # Diego Figueiredo.

– “Sons de carrilhões” (João Pernambuco) # Diego Figueiredo.

– “Tico-Tico no Fubá” (Zequinha de Abeu) # Diego Figueiredo (violão) / Milton Batera (bateria).

Fontes:

– Revista Violão PRO – números 15 e 16.
– Site Oficial de Diego Figueiredo.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome