Do Natal ao Dia de Reis, com a brasilidade à flor da pele

Desde menino  venho matutando sobre a imposição européia e americana no nosso NATAL. No nordeste não há neve. Ficamos felicíssimos quando há chuva. Então porque sempre representar o nascimento de Cristo com neve e pinheiros?

Minha avó, dias antes do natal, plantava milho e alpiste em pequenas caixas de madeira, a fim de enfeitar o presépio com vegetação “de mesmo”. Fazia um jeito de esconder as caixas com pedras imitando morros e o efeito era fabuloso. Fazia os carneirinhos com armação de arame e algodão. Jamais vi carneiros tão maravilhosos. Havia todos os personagens do tradicional presépio, por óbvio, porém não tinha nada de neve ou pinheirinhos. Era uma lapinha bem nordestina, com bonecas de pano e animais representativos da nossa região. Inesquecível.

Pensando nisso, caí em campo e resgatei uma porção de músicas alusivas às festas natalinas, que terminam em 06 de janeiro com o tradicional Dia de Reis, e as trago aqui, para conhecermos ou relembrarmos o Natal Brasileiro, na maior parte sem neve e sem pinheirinhos, mas pleno de muita confraternização e muito amor.

A todos e a qualquer um, desejo um FELIZ NATAL como bem o merecemos, repleto principalmente de PAZ e LUZ!

 

luciano

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

14 comentários

  1. Ho Ho Ho amiga Vânia!

    Adoro essa interação do Blog! A foto que mandaste do “meu” sósia serviu como uma luva para o arquivo que não estava ainda editado à mingua de uma boa imagem… Aí vai o Papai Noel verdadeiro e, ainda por cima, cabeça chata, em merecidas férias na Ilha de cuba!

    Abraço enorme do luciano

     

     

     

     

     

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=agJsz3TKUY4%5D

  2. Que saudade das Folias de

    Que saudade das Folias de Reis lá na minha Minas Gerais,era menino e saía atrás da folia encantado com os marungos !

    Tempos difíceis,porem tenho saudade.

     

  3. Uma estrelinha apareceu no céu

    Mais um natal… Aqui em casa, o pinheirinho ja esta piscando e, em casa de ateus, tem até uma presepinho ‘para dizer que não falamos nas flores’.

    O ultimo natal feliz com minha voh ( até parece que ela advinhava que no ano seguinte não estariamos mais todos la), ela enfeitou a casa toda e as arvores do jardim  (laranjeira, limoeiro), exatamente com essa ideia de que nosso natal é tropical, e tocou tanto seus discos de natal, principalmente Boas Festas, que toda vez que ouço, me remete aquele ano la.

    Feliz natal, dom Luciano! 

  4. NATAL BRASILEIRO SEM NEVE

    Natal Brasileiro Sem Neve, foi uma obra de arte de minha autoria que ganhou um concurso na Caixa Economica Federal alusiva ao Natal.

    Esta obra participou da mostra GALERIA CAIXA BRASIL, em 27 estados brasileiros e foi votada pelo público em Maceio, participando assim de outra mostra promovida pela CEF. 

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome