IMPRENSA EM QUESTÃO A ética jornalística e o interesse público da mídia baiana em debate

 

Por Antonio Nelson*

 

Vermelha é a cor do semáforo na imprensa baiana. É indipensável desconfiança no conteúdo jornalístico das confecções impressas. “Existem interferências, sobretudo do setor imobiliário”, asseverou em entrevista exclusiva o jornalista, mestre em História Social, pesquisador de História da mídia e blogueiro Zeca Peixoto, no Observatório da Imprensa, ao tratar da interferência do poder econômico e político, e a credibilidade de A Tarde, do Correio, da Tribuna da Bahia e demais veículos no país.

Sob o olhar da ética, até que ponto o jornalismo local contribui para a memória social? Cabe também ao leitor analisar os títulos dos jornais Correio e A Tarde desta sexta 11. Confira imagens abaixo.

Ouvir as partes, assegurar o contraditório, garantir o direito de defesa pública, não confundir opinião com informação são alguns princípios básicos para o exercício da ética jornalística e do interesse público, exarado pelo jornalista Sidnei Basile, no Observatório da Imprensa, com o artigo: IMPRENSA E JUSTIÇA I Os jornalistas e a lei

Na era digital os monopólios midiáticos estão em constante questão. Na última quinta 10, o jornalista e blogueiro Luis Nassif debateu sobre o “novo” modelo informacional na internet, entre outros assuntos, alertou sobre a dramatização da notícia. Nassif, ao lado do sociólogo e jornalista espanhol Ignacio Ramonet – fundador de Le Monde Diplomatique -, participou do Debate A Explosão do Jornalismo, onde Ramonet lançou a obra A Explosão do Jornalismo – da mídia de massas às massas de mídia (Editora Publisher), em visita ao Barão de Itararé (Centro de Estudos de Mídia Alternativa).

Na alba – na primeira luz da manhã – o Showrnaslimo – a notícia como espetáculo – está em jogo!

 

 

 

*Antonio Nelson é jornalista, ciberativista da liberdade na rede e do software livre.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome