A saga de Joaquim Barbosa contra Genuíno

A saga de Joaquim Barbosa contra Genuíno

 

Quando a gente pensa que o sujeito não tem mais por onde se superar na sua saga aparentemente pessoal contra os petistas da ação penal 470, especialmente contra Genuíno devido a sua delicada situação física, Joaquim Barbosa acaba de deferir a prisão domiciliar de Genuíno fora de seu domicílio.

Não existe, ao meu sentir, uma mínima fundamentação plausível para isto. Genuíno não deveria sequer estar em Brasília, quanto mais a ser obrigado a lá ficar em prisão domicilar quandoo seu domicílio é em em São Paulo.

Segundo informam nossos ridículos meios de comunicação, o STF não divulgou a íntegra da decisão de Barbosa.

Enquanto isto Bob Jefferson continua soltinho, soltinho, podendo, se quiser, ir assistir a maravilhosa queima de fogos nas praias do Rio na passagem de ano.

Do Uol: http://www1.folha.uol.com.br/poder/2013/12/1390923-joaquim-barbosa-autoriza-prisao-domiciliar-por-90-dias-para-genoino.shtml

Do 
27/12/2013 – 20h25

Joaquim Barbosa autoriza prisão domiciliar por 90 dias para Genoino

PUBLICIDADE

SEBERINO MOTTA
DE BRASÍLIA

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, autorizou nesta sexta-feira (27) o ex-presidente do PT José Genoino a passar 90 dias em prisão domiciliar. Após o período, novos exames serão realizados para saber se o ex-deputado tem condições de cumprir o resto da pena num presídio ou terá de seguir casa.
 
 
Os 90 dias concedidos por Barbosa serão contados a partir de novembro. Mas, como a íntegra da decisão ainda não foi disponibilizada, não está claro se o prazo será contado a partir do dia 15, quando ele foi preso, ou do dia 21, quando passou mal e teve de deixar o presídio da Papuda rumo ao IC-DF (Instituto de Cardiologia do Distrito Federal), onde passou por exames.
 
 
Condenado a 6 anos e 11 meses de prisão no processo do mensalão, Genoino está desde o dia 25 de novembro, quando recebeu alta do IC-DF, na casa de um familiar, em Brasília. O presidente do STF havia autorizado a permanência dele em prisão domiciliar até que pudesse avaliar o pedido de sua defesa, que quer o cumprimento integral da pena em casa.

A opção da prisão domiciliar por 90 dias está de acordo com um parecer do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Devido ao estado de saúde de Genoino, que é cardiopata e passou por uma cirurgia em julho, ele havia sugerido a Barbosa que mantivesse o ex-presidente em casa por três meses e depois fizesse novos exames para avaliar o ex-deputado.

Leia também:  Esquerda tem capilaridade, mas falta narrativa própria e estratégia nas redes sociais, diz Letícia Sallorenzo

SÃO PAULO

A defesa do ex-presidente do PT enviou na quinta-feira ao STF um pedido para que ele pudesse ir para São Paulo durante o período de indefinição sobre seu pedido de prisão domiciliar.

Tal pedido não foi deferido por Barbosa, que autorizou os 90 dias de domiciliar desde que o ex-presidente do PT fique em Brasília.

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

1 comentário

  1. O destemor do covarde

    Tem um tipo de autoritário que gosta de falar grosso com quem é respeitoso e cumpre as leis, com pessoas honestas, que para eles são bobos. Mas, sai correndo se alguém o encara e fala grosso com ele, e, coincidentemente, é daquele tipo que é valente também com mulheres. É do tipo torturador, que é bem macho com o Outro completamente submetido, dominado, à sua mercê. Certamente, neste caso, alguém o ordenou, atribuindo-lhe poder ilimitado na missão; dai o destemor do covarde em afrontar a tudo e a todos. Covardes costas-quentes, não parece bem a síndrome do jagunço, valente ao defender seu coronel ? Me lembra o filme O Sargento Getúlio. Vamos ver que fim vai ter isso …

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome