7 comentários

  1. GENERAL Heleno diz que não havia como prever drogas em avião: não tenho bola de cristal

    Em entrevista, ministro chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno disse que “só se o GSI tivesse bola de cristal para prever” o carregamento de drogas na aeronave da comitiva presidencial

    https://www.brasil247.com/brasil/heleno-diz-que-nao-havia-como-prever-drogas-em-aviao-nao-tenho-bola-de-cristal

    GENERAL Heleno, mesmo que o Sr. tivesse a sua disposição uma bola de cristal, ela não serviria para nada. A grande maioria dos aeroportos do mundo são dotados de sofisticados equipamento de raios X capazes de identificar 39 kg de cocaína com facilidade, principalmente quando transportados na forma de pacotes tabulares. O Sr. nunca fez uma radiografia do pulmão?

    Além disso, a inutilidade de uma bola de cristal para as pessoas que acham que a Terra é plana é óbvia: essas pessoas sempre veem um objeto esférico como um corpo achatado. O problema dessas pessoas é que elas também têm um cérebro plano e o movimento de rotação da Terra atrapalha demais o raciocínio das mesmas.

    Agora, o mais importante: nós, da sociedade civil, esperamos que o militar flagrado com 39 kg de cocaína seja julgado pela justiça comum. Não pode ser pela justiça militar. Existe um corporativismo (espírito de corpo, que meu pai chamava de espírito de porco) tão grande e tão nocivo nas forças armadas que não dá para acreditar em um julgamento justo quando se trata do julgamento de um militar por um tribunal militar. A prova cabal desse corporativismo é a rejeição uníssona dos militares à reforma da previdência proposta por Paulo Guedes.

    Quem conhece direitinho a justiça militar é o Gregório Duvivier, como mostrado nesse vídeo: https://youtu.be/dniQ2tIkzeo

    Por último, um aviso às autoridades daqueles países que Bolsonaro ameaça visitar: quando os dois aviões da comitiva aterrizarem, soltem a matilha de cães farejadores pra cima da comitiva. E usem o equipamento de raios x para examinar até mesmo o que Bolsonaro carrega no buraco da facada.

    • Ahhhhh! Se fosse um presidente progressista! Seria esta a resposta do general? Com toda certeza, NÃO! Quem nos garante que no outro avião não tinha o dobro, ou muito mais de droga? Por quê mudaram o rumo tão rápido? Esta droga pode ser dos milicianos, amigos do clã, ninguém questiona? O tal militar vai pagar pelos mandantes, e estes como sempre, continuarão com seu negócio. Encontraram outra mula qualificada.

  2. O GENERAL HELENO COMETEU GENOCÍDIO CONTRA OS MISERÁVEIS HAITIANOS?

    General Heleno, peça para sair ou seja exonerado! Por Eugênio Aragão
    Publicado por Diario do Centro do Mundo – 27 de junho de 2019

    Segue os dois parágrafos mais importantes da matéria de Eugênio Aragão
    sobre o General Heleno, anteriormente citada:

    “Notabilizou-se por arroubos políticos grosseiros, como o ataque ao Presidente Lula numa reunião de trabalho em que, visivelmente fora de si, esmurrou a mesa a exigir que seu suposto desafeto tomasse prisão perpétua.”

    “O mesmo Heleno foi comandante do pilar militar da MINUSTAH, a missão das Nações Unidas para estabilização do Haiti. Nessa condição, conduziu suas tropas ao ataque à Cité du Soleil, bairro de extrema pobreza em Porto Príncipe, promovendo verdadeiro massacre contra a população civil. Nunca foi oficialmente cobrado por isso. Não, voltou ao Brasil e tornou-se Comandante da Amazônia, quando fez uma série de declarações politicamente motivadas, voltando-se contra a proteção das populações indígenas”.

    “Mas, isso não foi tudo. Foi para a reserva e esteve à frente, como adjunto do Sr. Nuzman, do Comitê Olímpico Brasileiro, o que dispensa comentários sobre as lambanças na gestão de recursos públicos ali constatadas”.

    Matéria completa do Eugênio Aragão:
    https://www.diariodocentrodomundo.com.br/general-heleno-peca-para-sair-ou-seja-exonerado-por-eugenio-aragao/

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome