Coronavirus poderá derrubar o saldo comercial brasileiro em até 33%

Se mantidos esses 15% de queda, o impacto adicional no superávit comercial brasileiro poderá chegar a US$ 15 bilhões, ou 33% de queda.

Pelas informações de hoje, o alastramento da coronavirus derrubou em 15% as cotações de commodities, devido ao grande peso da China na compra de produtos.

Pode ser uma queda passageira. Em geral, em momentos de grandes rumores, há uma queda nas cotações mais acentuada, que tende a ser revista nas semanas seguintes.

Em todo caso, se mantidos esses 15% de queda, o impacto adicional no superávit comercial brasileiro (que já está em queda) poderá chegar a US$ 15 bilhões, ou 33% de queda.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não é uberista (ainda)

- 2020-02-04 14:01:18

Ainda mais, com essa política de desaquecimento interno, desemprego e queda do poder aquisitivo...

Jackson da Viola

- 2020-02-04 13:15:42

EXCLUSIVO-Conforme repercussão de vírus aumenta, China prepara mais medidas para estabilizar economia https://br.reuters.com/article/topNews/idBRKBN1ZY1T7-OBRTP

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador