Eleição no Peru: com votos rurais, Castillo, da esquerda, toma a dianteira contra Keiko Fujimori

Com 94% das urnas apuradas, o candidato da esquerda soma 50,1% dos votos válidos, ante 49,9% da rival

Imagem: Clarín

Jornal GGN – O jornal Clarín informa na tarde desta segunda (7) que a eleição no Peru está sendo disputada voto a voto e o final está embolado, com o candidato da esquerda, Pedro Castillo, tomando a dianteira com 50,1% dos votos válidos, em placar apertado contra Keiko Fujimori, que teria 49,9%.

A diferença entre os candidatos representa cerca de 52 mil votos, segundo um relatório do Escritório Nacional de Processos Eleitorais. A votação foi concluída no domingo (6) e há expectativa de que o resultado oficial seja declarado até a próxima quarta (9).

Fujimori, filha do ditador Alberto Fujimori, liderou a corrida presidencial após abertura das urnas durante a maior parte da apuração, porque a contagem começou por bairros mais ricos.

Porém, Castillo conseguiu, na tarde de segunda, alcançar a candidata da direita com a abertura dos votos do campo, da selva e do exterior, que ainda não foram totalmente computados, diz o Clarín. São esses os votos que “podem definir a eleição” no Peru.

Uma pesquisa de opinião da Ipsos divulgada pela manhã apontou que Fujimori teria vencido a eleição com 50,3% dos votos, ante 49,3% de Castillo. Depois, o mesmo instituto fez “uma rápida contagem de votos” e obteve um resultado inverso: 50,2% para Castillo e 49,8% para Fujimori.

Se vencer, Castillo seria o primeiro presidente peruano sem “laços com a elite política e econômica” do País. Professor, ele ficou conhecido após liderar greves. Já Keiko tenta reconstruir o legado do pai, enquanto o sobrenome da família é arrastado para ações judiciais em desdobramento da Operação Lava Jato pela América Latina.

O presidente eleito ou presidente eleita será empossado no Peru em 28 de julho.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

2 comentários

  1. Oficina Nacional de Procesos Electorales – ONPE, es creada por la Constitución Política del Perú,(https://www.resultadossep.eleccionesgenerales2021.pe/SEP2021/EleccionesPresidenciales/RePres/T)

    Fazendo uma projeção do resta apurar Castillo vai vencer por 165 mil votos, o que deve provocar uma recontagem dos votos.

    Apenas em uma das regiões onde ainda não foi encerrada a apuração Castillo não está na frente, em algumas regiões, como Cusco por exemplo, Castillo está vencendo por 83% a 17%, com 93% dos votos apurados.

  2. Ainda restam os votos do exterior, cerca de 850 mil eleitores habilitados, mas a abstenção está em cerca de 73%, o que deve totalizar cerca de 310 mil votos.
    Com 32% dos votos apurados, Keiko está vencendo por 64,4% a 35,6%.
    O que vai resultar em mais 65 mil votos para Keiko, mantida está tendência da apuração dos votos no exterior

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome