Em São Paulo, praças públicas tornam-se palco para as histórias de Lampião

A dramaturgia de Solange Dias converte o bando mitológico em trabalhadores informais. Largo da Batata recebe apresentação nesta quarta-feira, às 16h

Foto: Iarlei Rangel

Jornal GGN – As histórias de Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, irão ocupar as praças da capital paulista nos últimos meses deste ano. A temporada do espetáculo Relampião é gratuita e une, em cena, a Cia do Miolo e Cia Paulicea. Nesta quarta e quinta-feira, 30 e 31 de outubro, a dramaturgia chega no Largo da Batata, em Pinheiros, zona oeste de São Paulo. O local também recebe a montagem nos dias 6 e 7 de novembro, sempre às 16h.

Relampião, espetáculo assinado por Solange Dias, une as duas companhias teatrais para contar as lutas de “Lampião – O Mito do Cangaço”. Por meio do personagem sertanejo, a trama busca aproximar o público de questões cotidiana, relacionando o cangaço como símbolo de resistência contra a injustiça social. Durante as cenas, com uma cantiga de concreto, a montagem revela os múltiplos Lampiões e Marias Bonitas que cruzamos diariamente nas metrópoles.

O projeto, contemplado na 9ª edição do Prêmio Zé Renato de Apoio à Produção e Desenvolvimento da Atividade Teatral para a Cidade de São Paulo, da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, realizará 20 apresentações gratuitas, em praças e parques de São Paulo, com grande circulação de pessoas.

A peça passa pelo Largo da Batata, em Pinheiros; Elevado Presidente João Goulart – o Minhocão, no centro; Parque da Juventude, na zona norte; Praça Miguel Del’erba, no bairro da Lapa; Praça do Patriarca, no centro; Parque da Aclimação, no centro; Largo Treze de Maio, em Santo Amaro; e Parque do Carmo, na zona leste.

Leia também:  Carlos Bolsonaro apaga todas as suas redes sociais

A linguagem do espetáculo, figurinos e música são retratos da cultura popular brasileira, carregada de elementos como o cavalo-marinho, o samba, as carrancas de São Francisco. A estética remete ao imaginário de Lampião. “Acreditamos que assim se estabelece uma oportunidade singular para que nossa cultura seja apresentada, discutida e experimentada” explicou o diretor do espetáculo, Alexandre Kavanji.

Sinopse

Relampião traz a história de personagens que trabalham como ambulantes em uma praça, cada um carregando seu sonho e seu modo de resistir; cada um driblando sua maré, para não se entregar à deriva do “azar”.

É com essas histórias, entre músicas, narrativas e poemas que Virgulino, um artesão de carrancas, espera somar forças para avançar em seu dia a dia, para manter a cabeça presa ao pescoço e para com outros tornar-se um bando, capaz de enfrentar os macacos covardes que desprezam a importância dessa gente.

Ficha técnica

Direção: Alexandre Kavanji |Direção de Atores: Renata Lemes |Dramaturgia: Solange Dias |Direção Musical: Charles Raszl |Figurino, Adereços e Ambientação: Luiz Augusto dos Santos |Preparação Corporal: Alício Amaral, Juliana Pardo – Cia Mundu Rodá | Maquiagem: Guto Togniazzolo |Sonorização e Técnico de Áudio: Gabriel Kavanji |Atores: Aysha Nascimento, Chico Gaspar, Dudu Oliveira, Edi Cardoso, Flávio Rodrigues, Harley Nóbrega, Val Ribeiro, Marcos di Ferreira |Músicos: Fabrício Cardial, Glauber Coimbra|Composições: Charles Raszl, Antonia Mattos, Daniel Rodrigues e Harley Nóbrega |Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini |Assistente de Produção: Rafael Procópio |Direção de Produção: Iarlei Rangel

Temporada de circulação do espetáculo Relampião –  até 8 de dezembro | Programação gratuita | Livre para todas as idades

Apresentações no Largo da Batata – Pinheiros

Quando: 30 e 31 de outubro; 6 e 7 de novembro – quartas e quintas-feira, às 16h        

Próximas apresentações na cidade de São Paulo

Leia também:  Dez políticas que aprofundaram crise no Brasil em 300 dias de governo Bolsonaro

Onde: Parque da Juventude – zona norte

Quando: 1 de novembro, sexta-feira, às 16h 


Onde: Praça Miguel Del’erba – Lapa 

Quando: 8 de novembro, sexta-feira, às 15h. Dias 11, 12 e 13 de dezembro, de segunda a quarta-feira, às 16h


Onde: Praça do Patriarca – centro

Quando: 27, 28 e 29 de novembro, de quarta a sexta-feira; e 3 de dezembro, terça-feira; sempre às 15h 


Onde: Parque da Aclimação – Aclimação

Quando: 1 de dezembro, domingo, às 15h


Onde: Largo Treze de Maio – Santo Amaro 

Quando: 4, 5, 6 e 7 de dezembro, de quarta-feira à sábado,
às 15h


Onde: Parque do Carmo – zona leste

Quando: 8 de dezembro, domingo, às 15h

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome