Embaixador dos EUA trabalha pesado por tarifa zero em etanol americano

A decisão, que seria função da equipe econômica e do Ministério da Agricultura, terá a palavra final de Jair Bolsonaro.

Jornal GGN – Depois das ameaças veladas ao governo brasileiro caso abrisse portas para o 5G da Huawei, agora o embaixador Todd Chapman, dos Estados Unidos, promove lobby pesado para derrubar tarifas de importação do etanol americano. Quer tarifa zero. As informações são de Lauro Jardim, em O Globo.

O governo brasileiro dá isenção para até 750 milhões de litros por ano e, a partir daí, a tarifa é de 20%.

Chapman usa como argumento para a derrubada da tarifa a relação de Bolsonaro e Trump, e diz o quanto é importante para o governo Bolsonaro a permanência de Trump na presidência dos EUA.

A defesa gruda na eleição americana e vai direto a Iowa, maior produtor de etanos dos EUA e estado fundamental na reeleição de Trump. Se Chapman conseguir de Bolsonaro um prêmio desses, vai dar mais forças à reeleição.

O embaixador norte-americano tem visitados os ministérios da Fazenda, Relações Exteriores e tido solilóquios com Eduardo Bolsonaro, pressionando para que a isenção seja aprovada até agosto.

A decisão, que seria função da equipe econômica e do Ministério da Agricultura, terá a palavra final de Jair Bolsonaro.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora