Fluxo cambial fecha outubro com déficit de US$ 3,5 bi

Jornal GGN – A saída de dólares superou a entrada em US$ 3,5 bilhões em outubro, a maior saída líquida desde julho, quando houve uma saída de US$ 3,935 bilhões, segundo dados divulgados pelo Banco Central. Em outubro de 2014, o fluxo cambial havia sido positivo em US$ 6,927 bilhões.

Embora o volume de operações tenha perdido força no mês, o fluxo contabilizado ao longo de 2015 seguiu positivo, com um total de US$ 7,665 bilhões, ficando um pouco abaixo do saldo positivo de US$ 8,270 bilhões registrado no mesmo período de 2014. No período, o fluxo financeiro registrou saldo negativo US$ 9,506 bilhões e o comercial ficou positivo em US$ 17,171 bilhões.

Os dados foram diretamente afetados pelo desempenho da conta financeira (por onde passam os investimentos estrangeiros diretos, em portfólio e outros), que ficou negativa em US$ 3,263 bilhões no mês passado. Com isso, o saldo apresentado por tal conta ao longo de 2015 está negativo em US$ 9,506 bilhões, revertendo um saldo positivo de US$ 3,267 bilhões apurado em igual período no ano anterior.

Já a conta comercial (operações de câmbio relacionadas a exportações e importações) ficou negativa em US$ 237 milhões em outubro, interrompendo seis meses seguidos no azul. No ano, acumula saldo positivo de US$ 17,171 bilhões, ante US$ 5,004 bilhões no ano passado.

 

 

(Com agências)

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora