Governo Federal anuncia repasse de recursos ao RS pela Defesa Civil

Prefeituras e governo estadual poderão cadastrar no sistema demandas para recuperar escolas, creches, hospitais, unidades de saúde e equipamentos

Crédito: Ricardo Stuckert/ PR

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou, nesta terça-feira (7), que vai disponibilizar verbas para auxiliar os municípios do Rio Grande do Sul a enfrentar as consequências das fortes chuvas que colocaram 330 cidades em estado de calamidade pública. 

De acordo com o chefe do Executivo, os recursos serão enviados pela Defesa Civil nacional, a partir de um sistema em que prefeitos e governo estadual podem cadastrar demandas para recuperar escolas, creches, hospitais, unidades de saúde e equipamentos. 

“O emergencial vai ser liberado a partir de hoje. Vários ministérios já têm autorização para liberar recursos para primeiros socorros. E depois a gente vai trabalhar em projetos”, garantiu Lula.

Ainda na última segunda-feira (6), o presidente enviou ao Congresso Nacional um decreto que reconhece a condição do Rio Grande do Sul como calamidade pública. Aprovado pela Câmara dos Deputados, o texto facilita o repasse de recursos de acordo com as necessidades fundamentais do município. 

O decreto agora será apreciado pelo Senado. 

Prejuízo

Apesar de reconhecer a gravidade da situação que acometeu os gaúchos, ainda não é possível calcular a dimensão do estrago causado pelas chuvas, assim como o valor necessário para recuperar o estado. 

A princípio, o Planalto vai priorizar recursos para o resgate das vítimas e a proteção da população. “A dificuldade inicial é que nenhum prefeito, e o governador disse com todas as letras no domingo, tem noção do estrago feito. Por enquanto, as pessoas imaginam, pensam, mas a gente só vai ter o estado real quando a água baixar e a gente ver o que aconteceu de fato”, explicou Lula.

LEIA TAMBÉM:

Camila Bezerra

Jornalista

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador