Sem ver parcialidade de Moro, PGR se diz contra absolvição de Lula no caso triplex

Em manifestação ao STJ, subprocurador diz que mensagens vazadas por Intercept são criminosas e não atestam má conduta de Moro

Foto: Ricardo Stuckert

Jornal GGN – A Procuradoria-Geral da República (PGR) enviou nesta quarta (17) ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) uma manifestação contra a anulação da sentença de Lula no caso triplex.

Assinado pelo subprocurador Nívio de Freitas Silva Filho, o parecer nega que Sergio Moro tenha sido parcial. Mais que isso: o membro do Ministério Público Federal endossou o discurso da República de Curitiba e disse que as mensagens vazadas pelo Intercept são criminosas e não demonstram ilegalidade por parte de Moro.

“Em que pese todo o estrépito causado pela divulgação do suposto conteúdo – cuja veracidade é contestada e cuja ilegalidade é certa, pois decorrente de ilegal espionagem perpetrada contra autoridades públicas -, o fato é que nada há que sinalize tenha havido qualquer conduta do magistrado [Moro] que possa macular seu proceder no feito, eivando-o de parcial ou ilegal.”

Lula está preso em Curitiba desde 7 de abril de 2018. O STJ confirmou a condenação e reduziu a pena para 8 anos e 10 meses de prisão. O parecer da PGR faz parte dos embargos de declaração da defesa para “verificar erros ou contradições na decisão judicial”.

Com informações do Jornal do Brasil

Caro leitor do GGN, estamos em campanha solidária para financiar um documentário sobre as consequências da capitalização da Previdência na vida do povo, tomando o Chile como exemplo. Com apenas R$ 10, você ajuda a tirar esse projeto de jornalismo independente do papel. Participe: www.catarse.me/oexemplodochile

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Macron afirma que incêndio na Amazônia é "crise internacional" e pede que tema entre na agenda do G7

24 comentários

    • Isso sem contar que a cada ato praticado pelo Juiz Sérgio Moro a defesa recorreu ao TRF. E o TRF-4 ao julgar a apelação rejulgou Lula e inclusive aumentou a pena, logo passou um atestado de idoneidade.

      Não só o TRF-4 como o STJ também atestou a idoneidade ao condenar Lula também por idoneidade.

      • Correção. O STF não julgou o mérito do processo de condenação do Lula, apenas o HC. Quanto ao TRF… e o que é um tribunal regional perto de … “um grande acordo nacional com o Supremo com tudo?” Qualquer um que ler o processo contra Lula vi ali uma peça de ficção. Vá lá e leia e verás.

      • O TRF-4, ao julgar a apelação do Lula e aumentar sua pena, passou um atestado de idoneidade do $. Moro, da equidistância em relação às partes e da legalidade da tramitação do processo do Lula.

        Ao reduzir sensivelmente a pena do Lula, o $TJ teria tirado o atestado de idoneidade passado pelo TRF-4? Ou a expedição de idoneidade Morosiana não é um caminho de mão dupla?

    • Salta aos olhos o absurdo da afirmação. Pouco me importa a posição de quem quer que seja em relação à absolvição de Lula. Esse pauta ainda não está em debate. O que se discute é s nulidade do processo, uma vez viciado e ao arrepio da lei! A absolvição ou condenação de Lula, exige-se, objeto de novo processo limpo, respeitando o direito universal de ampla defesa.

      Esses putos estão tergiversando, tática de bandidinho pé de chinelo desquita categoria. Uma posição, até a manifestação de algum membro com vergonha na cara, de categoria.

      2
      1
  1. Eu sou do tempo em que quando há indícios e suspeitas, cabe investigação, ainda mais em casos relevantes.
    No caso eles, que tanto lutaram subrepticiamente contra a pec 137 (?) para manter o direito de investigar, não querem investigar. Já JULGARAM que não há nada demais, mesmo sem aprofundar qualquer investigação.
    Não é uma graxinha? (®Hebe).

  2. Então, ao afirmar “… cuja ilegalidade é certa, pois decorrente de ilegal espionagem perpetrada contra autoridades públicas” o sub possui provas de que o material que demonstra a parcialidade da lava-jato foi obtido ilegalmente?
    Apresentará tais provas ou ficará na esfera das ilações?

  3. Infelizmente nosso judiciário, aí incluído o MP, perdeu toda a credibilidade. Eles trabalham para eles e somente eles. Vivem em uma redoma onde o mundo real não penetra. Corporativismo na sua mais pura essência.

  4. Esta conclusão do tal subprocurador é um tapa na cara de qualquer brasileiro medianamente informado.
    Serve também para mostrar, ou melhor, desenhar a dimensão do corporativismo que domina o Judiciário, um Poder cuja instância maior abriga, até agora, tres ministros parceiros da quadrilha vazajatense. Neste exato momento, considero bastante difícil uma mudança de panorama, pois a cada dia que passa as notícias sempre conseguem piorar o que já está péssimo.
    Quanto a Raquel Dodge, é o suprassumo da irresponsabilidade, uma pessoa que, para se reeleger, é capaz de atrapalhar a vida de milhões de brasileiros, pessoa que é capaz de abençoar uma determinada situação absurda para “livrar a cara” de um colega, criando o precedente para o tal absurdo vir a ser aplicado contra qualquer cidadão.
    Considero como melhor exemplo a Teoria do Domínio do Fato de JBarbosa, o recurso inventado para trancafiar José Dirceu, se aquela recurso viesse a ser aplicado nesta vazajato que está aí, não sobraria nem mesmo o porteiro da delegacia de Curitiba, tava todo mundo vendo o sol nascer quadrado.

  5. Já deu esse conluio corporativista. Se um dia essa maré mudar, eu serei a primeira a pedir extinção do MP. E se a esquerda for contra, nunca mais votarei em eleições.

  6. Troço doido desse subprocurador geral , apoiando ,um.juiz sospeito, um procurador ,mais do que sospeito e uma procuradora Geral , tentando se reeleger, e não tendo de onde o como se soster , nem dentro ,nem fora da PGR . Então vamos lá !!! O judiciário ,entre os Garantistas e os não Garantistas ,entre os vende Patria e OS Não vende Patria !! A verdade que fica mais do que difícil . Acreditar nessa bolsa de Gatos !!!

  7. Simplesmente o PGR dá um parecer de CUMPLICIDADE. Ora, o caso de Lula é um arresto de cúmplices.

    Todo o Poder Judiciário está envolvido nessa fraude; são muitos órgãos. Da Policia Federal até
    o STF. E vai além. Todos que compartilham e apoiam a prisão de Lula, sabem que o processo é
    fraudulento, todos sabem que as provas são frágeis ou não existem, todos sabem 100% que a intenção era
    era prender Lula por interesses políticos. Ou vocês acham que eles não sabem que aquele tríplex é um engodo? É infantil não é acha que Lula recebeu propina de operações bilionárias um tríplex daqueles.
    Sabem sim, todos sabem que é tudo um engodo; o tríplex, o sítio; e toda lambança que fizeram.

    Mas eles querem manter em pé o sustentáculo do seus crimes, com os mesmos métodos e
    invenções que agiram até agora. Só que tudo está tudo ruindo ao redor, e os alicerces são areias movediças que estão afundando. Lula tem que continuar preso, de lá a injustiça praticada pelo Poder Judiciário
    vai fazer ruir e mostrar as entranhas apodrecidas desse poder. E eles não vão se entregar de jeito nenhum, não vão parar de querer incriminar o Lula, vão manter a mentira de pé aja o que houver. É o único
    jeito que eles tem de se salvar: Manter o golpe ou o golpe irá devorá-los.

    Para o Poder Judiciário atualmente sai a representação da balança com a Deusa Egípcia Mat e entra
    a Medusa, cabeça feminina cheia de serpentes da mitologia grega. Quem olha para a Medusa
    vira estatua. Vai encarar?

  8. Caramba já disse este apartamento não é meu.eu tô sempre prejudicado.por falta de informação verdadeira.ja disse não sou dono de p****lá nenhuma

  9. Requer que a “IMPRENSA” salve essas DENÚNCIAS em seus ARQUIVOS, bem como requer que fiscalize, acompanhe e adote as providências urgente nas DENÚNCIAS DA AÇÃO PÚBLICA INCONDICIONADA que se encontra autuada no SENADO FEDERAL, sob o n. 00200.004885/2019-88 e 00100.087582/2019-11, para que as mesma seja julgada nos termos do artigo 5º inciso LIV, LV, LVII e LXXVIII, e nos termos do artigo 52 inciso II, e artigo 71 inciso II e IV todos da Constituição Federal, para que seja feito JUSTIÇA”, para trazer uma resposta a SOCIEDADE BRASILEIRA.

    Veja a INICIAL DA REPRESENTAÇÃO CRIMINAL, com 974 folhas, sob o n. 00200.004885/2019-88, que se encontra autuada no SENADO FEDERAL, que pode ser acessada através do LINK: https://mega.nz/#!OzRRyA4B!zjrGrJPKiKpmqIZLFgB7i39OTwsaKWBdDukl5KvlHlA – onde foram requerido pedidos para abertura da CPI – DA LAVA TOGA, e Veja também a INICIAL DA REPRESENTAÇÃO CRIMINAL com 453 folhas, sob n. 00100.087582/2019-11, que encontra autuada no SENADO FEDERAL em apenso ao feito sob o n. 00200.004885/2019-88, que pode ser acessada através do LINK: https://mega.nz/#!juxABKzR!Tg5Da5mx-8JSp-AxIERkbaTCufYq20J-ClUKBMnBuHs – onde foram requerido pedidos para abertura da CPI – DA LAVA TOGA, para ver que esses fatos que envolvem o REPRESENTANTE AUREO MARCOS RODRIGUES, são os mesmos fatos que envolvem o EX-PRESIDENTE LULA, e os mesmo fatos que envolveu o Juiz LEOPOLDINO MARQUES DO AMARAL, que denunciou o Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso, por um período de (9) nove anos, até ser morto e enterrado com suas provas, pois na sua carta http://www.prosaepolitica.com.br/wp-content/uploads/2010/03/CARTA-JUIZ-LEOPOLDINO.pdf, que foi enviada à CPI – DO JUDICIÁRIO – DA ÉPOCA, o Juiz Leopoldino, que foi assassinado já reclamava do TJ-MT, STJ , STF, MPF, e do Ministério Público Estadual do Estado de Mato Grosso, e adote as providências urgente nas DENÚNCIAS DA AÇÃO PÚBLICA INCONDICIONADA nos termos do artigo 5º inciso LIV, LV, LVII e LXXVIII, e nos termos do artigo 52 inciso II, e artigo 71 inciso II e IV todos da Constituição Federal, para que seja feito JUSTIÇA”, para trazer uma resposta a SOCIEDADE BRASILEIRA, pois a POLICIA FEDERAL DO ESTADO DE MATO GROSSO, tem elemento e prova suficiente para abrir a caixa preta do Poder Judiciário Brasileiro e punir os infratores, que vem proferindo decisão contra o Direito em afronto a Constituição Federal, para favorecer criminosos em processo Civil e Criminal, com direito de pessoas INOCENTES.

  10. Um judiciário caro ineficiente corporativo deve ser redimensionado, afinal se todas as vaquinhas agem e pensam da mesma forma, meia dúzia de togados ou menos resolvem a situação.

  11. A garantia do exercício do contraditório e da ampla defesa no curso de um processo judicial é suficiente para tornar válida a sentença proferida nesta ação, e, ainda por cima, antes de transitada em julgado?

    A Prucuradora Geral da Republica do Bananistão asseverou com ar solene:

    “O apoio institucional, financeiro e de pessoal ao combate à corrupção e ao crime organizado, para que a Força-Tarefa Lava Jato cumpra com integridade seus objetivos, continuará, permitindo que o patrimônio público seja preservado e que a honestidade dos administradores prevaleça. O RESPEITO ao CONTRADITÓRIO E À AMPLA DEFESA devem sempre ser observados na atuação institucional, especialmente nas ações judiciais, para assegurar que o trabalho feito com qualidade e eficiência passe pelo crivo das várias instâncias judiciais e do Ministério Público, e esteja apto a produzir efeitos legais válidos”.

    Ixcilintíssima Dra. Raquel Dodge:

    Se uma das partes processuais for avisada das decisões Judiciais antes da publicação destas decisões, esse pré-aviso não eiva a decisão proferida de nulidade absoluta, ante a violação do dever de eqüidistância do juiz em relação às partes?

    São válidas as decisões proferidas nos autos de uma ação judicial no curso da qual o juiz ordena a uma das partes que formalize uma apocrifia a fim de prejudicar a outra parte?

    Um processo judicial em que uma das partes, após conversa reservada e extra-oficial com um juiz, afirmar que este é nosso pode ser válido?

    Qual a validade de um processo no qual o julgador sugere a uma das partes que vá à imprensa rebater o showzinho da outra parte?

    Porque eles não provam suas inocências, dando os celulares para serem periciados?

    Desde quando é legítima a decisão de um tribunal em cuja composição jaz um juiz que, num arranca-rabo institucional-judicial entre magistrados, acerca de procedimentos judiciais em outro processo no qual o tribunal também poderá vir a julgar e de fato julgou, se declara, incondional e aprioristicamente, em favor de um dos juízes cujo conflito ele poderá vir a julgar?

    Desde quando é válida uma decisão judicial em que o juiz prolator da decisão manda uma das partes substituir ou treinar sua representante para participar de uma audiência, por achá-la fraquinha?

    Planejar abrir pessoa jurídica SEM FINS LUCRATIVOS em nome da conje laranja ( conjanja) para LUCRAR com a visibilidade e networking obtidos com o exercício do seu cargo funcional e para escapar de críticas por gerir, na prática, a pessoa jurídica é cumprir com integridade os objetivos do MPF?

    Um Membro do Ministério Público deveria receber cachês altíssimos de Corporações, como o Deltan recebeu da Unimed, por exemplo, que o MP poderia, em tese, vir a acusar?

    Se os Personagens das mensagens negam a autenticidade das mensagens, porque eles não entregam seus celulares para serem periciados?

    Ora, quem tem c*, tem medo, e para que uma decisão judicial que honre o nome tenha legitimidade é necessário mas não é suficiente que sejam respeitados a garantia do contraditório e da ampla defesa.

    Fala, não nos deixa no vácuo e nessa insegurança jurídica do kct Putz

  12. Em seu depoimento Lula tinha razão, ou seja, depois da primeira mentira que o Ministério Publico, a Polícia Federal e Sérgio Moro praticaram não tem mais volta, eles terão que continuar mentido sempre.
    Os brasileiros precisam ficar atentos, se todas as instâncias judiciais concordarem com isso, fica comprovado o corporativismo de uma classe jurídica/política sem justiça.

  13. Este é o Poder que comanda a Vida de toda uma Nação. Este é o Poder Judiciário Brasileiro. Como PGR e STJ chegaram à conclusão que a divulgação dos diálogos é criminoso? Como Eles tem certeza, que não foi uma das partes (mesmo improvável, mas possível) que cedeu os diálogos? E se com a ‘possibilidade’ de pratica criminosa, porque ainda não houve um Inquérito, Investigação, Processo Legal a este respeito? Ou não avisaram a PGR e STJ, que isto é necessário?! A Aberração encontrou a sua Pátria. E nela já produziu Poderes Públicos e Constituídos. O Estado Brasileiro está defendendo Criminosos na ânsia de perseguir a outros. Pobre país rico. Mas de muito fácil explicação.

  14. sempre é bom ter
    cuidado com as palavras
    para sabermos intrerpetá-las e
    não sermos enganadas por elas….
    apenas uma frase, sem qualidade, ali[as….

  15. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome