ELEIÇÕES GGN: Bolsonarismo mostra força nas eleições para governador da Região Norte

Victor Farinelli
Victor Farinelli é jornalista residente no Chile, corinthiano e pai de um adolescente, já escreveu para meios como Opera Mundi, Carta Capital, Brasil de Fato e Revista Fórum, além do Jornal GGN
[email protected]

Maioria dos governadores já eleitos e dos candidatos que disputarão o segundo turno são aliados do atual presidente

A Região Norte teve uma importante vitória do bolsonarismo nas eleições para os governos estaduiais. Em quase todos os estados, os governadores eleitos ou reeleitos são aliados do atual presidente. Entre os candidatos que disputaram um segundo turno, também há clara maioria bolsonarista, que em alguns casos disputará com dois candidatos.

No Roraima, por exemplo, o bolsonarista Antonio Denarium (PP) foi reeleito com 56,45%. Outro governador do PP reeleito foi Gladson Cameli, no Acre, como 56,64%. O mesmo aconteceu em Tocantins, onde Wanderlei Barbosa (Republicanos) obteve o seu segundo mandato com 59,18%.

Reprodução Redes Sociais

As vitórias não bolsonaristas foram de partidos da direita moderada, como a de Helder Barbalho (MDB), releito no Pará com 69,77%. No Amapá, Clécio Luis (Solidariedade) alcançou seu primeiro mandato, com 53,54%.

Dois estados terão disputa de segundo turno. Um deles é o Amazonas, onde o bolsonarista Wilson Lima (União Brasil) venceu com 42,10%, mas terá que enfrentar no segundo turno Eduardo Braga (MDB), que reuniu 20,49% dos votos.

Finalmente, em Rondônia, a disputa do segundo turno será entre dois bolsonaristas: Marcos Rocha (União Brasil) teve 39,06%, e enfrentará Marcos Rogério (PL), que alcançou 36,87% dos votos.

Victor Farinelli

Victor Farinelli é jornalista residente no Chile, corinthiano e pai de um adolescente, já escreveu para meios como Opera Mundi, Carta Capital, Brasil de Fato e Revista Fórum, além do Jornal GGN

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador