PMDB e Marta, farsa e comédia, por Bob Fernandes

Enviado por Adilsonbb

Da TV Gazeta

PMDB e Marta, Farsa & Comédia. Dilma e mais poder para PMDB…Tragédia

www.youtube.com/watch?v=Xqrt1kniMIg

Segue o Reality Show da Política. Fatos & Farsas, Tragédia & Comédia…Show pós-moderno, interação multimídia de atores e platéias.

Espetáculo por vezes grotesco, cenas de hipocrisia e cinismo. No sábado, Marta Suplicy filiou-se ao PMDB.

Tendo ao lado Eduardo Cunha e Renan Calheiros, Marta disse querer “um Brasil livre da corrupção”. E tratou Sarney como “gigante da política”.

E a platéia ainda aplaudiu e pediu bis, em coro: “Marta pra São Paulo e Temer pro Brasil”. O vice de Dilma fez a habitual cara de paisagem.
Fernando Henrique opinou na Folha: “Dilma tenta vender a alma ao diabo para governar. E não vai governar, vai ser governada”. 

Fernando Henrique tem razão. Entregar Saúde e mais quatro ministérios ao PMDB para tentar seguir no Poder é grotesco.

Fernando Henrique sabe o que diz. Fez pactos semelhantes, com os mesmos.

Renan foi seu ministro da Justiça, Eliseu Padilha, dos Transportes, Jáder Barbalho presidiu o Congresso… E muito mais. 

Fernando Henrique foi presidente amarrado a ACM e PFL. Duas vezes presidente do Congresso, ACM foi “dono” dos ministérios da Previdência e Minas e Energia.

Pouco antes de morrer, via fax, Sergio Motta aconselhou o amigo: “Presidente, não se apequene…”.

Fernando Henrique diz faltar “narrativa convincente” para um impeachment. Mas falta, também, coesão ao PSDB.

Aécio quer pra já. Alckmin sabe que sua chance é 2018. Serra joga para ser com Temer o que Fernando Henrique foi com Itamar. 

O PSDB segue votando contra seu ideário, e hesita. Por temer pegadas e DNA na História, espera que seja o PMDB a comandar a derrubada.

Perdendo prefeitos, parlamentares, e Poder, o PT encolhe. Começa a pagar pelos erros. 

Teve grandes acertos, mas cometeu erros fundamentais. Inclusive o da corrupção, que com razão sempre criticou nestes adversários. 

O PMDB foi à Tv e rádio para seu Reality Show: Eduardo Cunha, Renan, Padilha, Romero Jucá… com Temer, e por Temer, em nome dos “sonhos” e da “verdade”.

9 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Webster Franklin

- 2015-09-30 08:24:30

No PMDB Marta aprenderá o

No PMDB Marta aprenderá o verdadeiro significado da palavra corrupção.

Neideg

- 2015-09-29 23:56:56

Lula não foi feliz no seu

Lula não foi feliz no seu entendimento das melhores pessoas escolhidas entre as minorias p colocar em situação relevante.

Dilma, Marina, Marta e Joaquim Barbosa subiram em um salto tão alto, que pisaram com o tamacão na cabeça do PT.

 

Otaviani

- 2015-09-29 18:14:37

Pontos de discordancia

Bob Fernandes sempre um show a parte em seus cometarios,na maioria das vezes concordo com ele.Mas hoje em um ponto devo discordar.O PT com todos os seus erros,deixou de ser um partido e virou um projeto,que lançou bases para nos tornamos uma nação.Se sair o PT do cenario,não tem nada remotamente parecido em que se possa fiar os destinos do país.Ja assisti em toda a historia do Partido,militantes,expoentes que foram politicos e ex politicos,lideranças deixarem o partido,alguns com criticas aos rumos,as alianças.Mas quadros que saem do partido,e que se filiam a oposição e vão a grande mídia tecer criticas,ganham pagina,tempo na tv,radio como nunca tiveram.Não,isto não é sinal de encolhimento,é depuração,são pessoas que entraram para ganhos pessoais e quando ou a coisa esta mal ou não tem competencia para tal,vão buscar lugar para concretizar suas ambições.Mas no quadro atual,de ódio,em que cairam as mascaras do facismo,do preconceito escancarado,nada pior agora do que um ex petista na oposição.Perde o respeito e a confiança de um percentual de seus eleitores,e ja é um perderdor do outro lado,porque alem de não confiarem ainda tem um sentimento negativo.Estes entram em um limbo,como Marta que so tem a fama,mas politicamente é um zumbi.Até o surgimento de algo,seja um partido,movimento,que seja organico,tenha bases,projetos,ideais e que seja pragmatico e assuma todos os avanços feitos pelo PT e que seja base para mais avanços,não ha como o PT morrer ou  agora ter uma diminuição significativa.Até porque o numero de filiações do partido é maior que todos os outros,o que agora com o fim do financiamento privado,esta militancia teram mais do que nunca uma importancia,não só na continuação do partido,mas reverter o atual quadro,aumentando.

José Luis Pereira

- 2015-09-29 13:01:05

Acho que o ACM tinha razão em

Acho que o ACM tinha razão em uma coisa: o Temer é igualzinho àqueles mordomos de vampiros.

Maria Rita

- 2015-09-29 12:33:51

Houve um tempo que artista

Houve um tempo que artista era aquele que ocupava feiras e praças públicas, poetas, atores, cantores, malabaristas. Conhecidos por saltimbancos, era a alegria do povo. Certamente, vem daí a frase de que artista vai aonde o povo está, daí a praça ser do povo como o céu é do condor. Eles costumavam, em diversas épocas, satirizar grotescamente o poder vigente. Eram as farsas. Hoje, numa inversão hiperbólica, a farsa é exibida pelos próprios farsantes. Autosatirização seria o nome 'muderno'. Quem precisa de artistas quando se tem BBBs?

jasantos

- 2015-09-29 12:11:44

este é o estado das coisas, triste situação

Assim como nas series americans:

--Meritissimo, não tenho mais nada a acrescentar.

Mas quem vai nos livrar deste inferno?

jc.pompeu

- 2015-09-29 12:01:40

o quê não é farsa & comédia

o quê não é farsa & comédia na política brasileira?

talvez, somente socialista PT não o seja....

porque já é uma tragicomédia!

Carlos_Henrique

- 2015-09-29 11:55:00

Faltou a conclusão final...

"E não se ouviu nenhuma panela."

Irene Rir

- 2015-09-29 11:54:51

Quando a piada é o próprio fato

Marta no PMDB é uma revolução. O “Sensacionalista” não teve de fazer piada

 

martha

 

Não há testemunho mais eloquente sobre a atitude de Marta Suplicy que o post do site de humor “Sensacionalista”, (muito bom, aliás).

 

O post dispensa comentários:

 

Marta Suplicy entra para o PMDB para “livrar
o país da corrupção”. Pode rir, a piada é essa

 

A senadora Marta Suplicy anunciou ontem a sua filiação ao PMDB. Durante a solenidade, a ex-ministra disse que mudou de partido para “livrar o país da corrupção”. As declarações foram feitas ao lado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, citado no Lava Jato como um dos beneficiados no Petrolão. De acordo com delatores, Cunha teria recebido US$ 5 milhões para intermediar um contrato com a Petrobras. O deputado nega.

Além de Cunha, outros importantes membros da cúpula do PMDB estiveram no evento. O vice presidente Michel Temer, que tem feito declarações contraditórias ora a favor e ora contra Dilma, também esteve lá. Marta disse que ele pode unificar o país.

Nota do editor: O Sensacionalista é um site de notícias fictícias, que exagera a realidade para fazer o humor. Porém, esse texto não tem piada alguma ou exagero. Tudo realmente aconteceu.

  

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador