Estoque de testes para covid-19 perto de acabar nos hospitais particulares

Estudo revela que 88% das instituições têm problemas para reposição; quantidade disponível pode acabar em sete dias

Jornal GGN – Hospitais e clínicas particulares de São Paulo estão com problemas para a reposição do estoque de testes para detectar covid-19 e influenza.

Levantamento elaborado pelo SindHosp (Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios de São Paulo) a pedido do jornal Folha de São Paulo revela que 55% das instituições particulares têm exames o suficiente para até sete dias, e o estoque pode acabar no prazo de 8 a 14 dias em 16% dos locais.

Além disso, 88% das entidades ouvidas estão com dificuldades para fazer a reposição de testes de covid-19 e de influenza.

Entre as 111 instituições consultadas, 99% afirmam que, nos últimos 15 dias, houve aumento de testagem de coronavírus, e 92% registraram aumento na busca por teste de influenza.

De acordo com a pesquisa, 79% dos estabelecimentos encontraram casos de “flurona”, que é a coinfecção de influenza e Covid.

Leia Também

Coronavírus : ômicron responde por maior parte dos casos no Brasil

GGN Covid: EUA superam os 800 mil casos diários, na média móvel

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador