Três doses de vacina são suficientes para neutralizar Ômicron

Afirmação foi feita pela Pfizer, ressaltando que as pessoas que tomaram duas doses podem ser infectadas com nova variante

Agência Brasil

Jornal GGN – A imunização com duas doses de vacina contra covid-19 pode não ser suficiente para trazer proteção contra a variante Ômicron, mas três doses são suficientes para neutralizar a nova cepa.

A afirmação foi feita pelas farmacêuticas Pfizer e BioNTech, que divulgaram nota conjunta após a realização de estudos em laboratório.

As empresas ressaltaram que estão desenvolvendo uma vacina específica contra a nova variante, e a expectativa é que o imunizante esteja disponível em março caso seja necessária uma adaptação.

Segundo o jornal O Globo, dados preliminares indicam que uma terceira dose de vacina garante um nível de anticorpos que neutralizam a Ômicron em níveis semelhantes ao visto após a aplicação de duas doses contra a cepa original ou as primeiras variantes.

Clique aqui e veja como contribuir com o jornalismo independente do GGN

Leia Também

GGN Covid: Leste Europeu é o novo epicentro da pandemia

GGN Covid: Estabilidade no Brasil continua, mas nova cepa está no horizonte

Vídeo anti-vacina de Bolsonaro é retirado do Youtube

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador