Anatel lança novas medidas em combate ao roubo e furto de celulares

Agora as pessoas que tiverem seus celulares perdidos ou extraviados podem fazer o bloqueio do aparelho apenas com o número da linha

Jornal GGN – A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) divulgou ontem (8), que os celulares roubados, furtados ou perdidos, podem ser bloqueados, em todo o Brasil, apenas com o número da linha. A outra novidade, anunciada em coletiva, é que os usuários podem iniciar o processo de bloqueio na delegacia, no momento do registro da ocorrência.

As polícias civis que já tem acesso ao sistema de bloqueio são as dos estados da Bahia, Ceará e Espírito Santo. Em breve, a Polícia Federal e as polícias civis de Goiás, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo também terão o acesso.

O processo está mais fácil para as pessoas físicas. Os lojistas e transportadores ainda terão que fornecer o número de IMEI (sequência numérica do celular equivalente ao chassi do automóvel) para conseguir fazer o bloqueio, já que os aparelhos novos não possuem números de linha ativo. O IMEI pode ser encontrado na caixa do equipamento, na nota fiscal ou no próprio celular discando *#06#.

O CEMI (Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas) sistema que faz os bloqueios, é coordenado pela Anatel e administrado pelas operadoras,  já registrou cerca de 6,5 milhões de celulares que não podem mais ser utilizados.

As pessoas que querem saber se um celular foi bloqueado por roubo ou furto, pode fazer a consulta pelo site www.consultaaparelhoimpedido.com.br com o IMEI do equipamento, o serviço é indicado principalmente para as pessoas que pretende comprar um aparelho usado.

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome