As minas no mercado de trabalho

Na página de Facebook Tudo sobre a minha mãe

Imagine como a sua filha se sentiria se ganhasse uma “mesada” menor do que o seu filho? Neste Dia Internacional da Mulher, um banco australiano resolveu fazer um vídeo mostrando a reação de crianças sobre um assunto sério: o quão injusta é a diferença salarial entre homens e mulheres. Que o futuro das nossas filhas seja de mais igualdade e menos desrespeito!

 

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3”; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Por que ele recebeu mais se trabalhamos igual?

Imagine como a sua filha se sentiria se ganhasse uma “mesada” menor do que o seu filho? Neste Dia Internacional da Mulher, um banco australiano resolveu fazer um vídeo mostrando a reação de crianças sobre um assunto sério: o quão injusta é a diferença salarial entre homens e mulheres. Que o futuro das nossas filhas seja de mais igualdade e menos desrespeito!

Publicado por tudo sobre minha mãe em Terça, 8 de março de 2016

 

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anarquista Lúcida

- 2016-03-08 20:38:01

Excelente!

Crianças frequentemente têm mais senso de justiça que os adultos.

Até chimps reagem quando recebem diferentemente! Houve pesquisas sobre isso. Primeiro todos recebiam pedaços de pepino, e gostavam. Mas depois uns passaram a receber uvas, e outros pepino. Os que receberam pepino nessas condiçoes ficaram furiosos, jogavam os pedaços de pepino nos pesquisadores.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador