Fachin defende Lava Jato e diz que trouxe “natureza ética ao Brasil”

O ministro do STF descreveu o escândalo que revela a parcialidade do ex-juiz Moro como “circunstância conjuntural”

Jornal GGN – No ápice do escândalo que revela a parcialidade do ex-juiz Sergio Moro nas investigações da Lava Jato, sobretudo para prender o ex-presidente Lula, o ministro Edson Fachin defendeu a Operação e disse que ela não está suscetível de derrubada em meio às acusações.

O ministro é o relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) e decidiu se manifestar a favor da Lava Jato, nesta quarta-feira (12). Sachin disse que a investigação trouxe um “novo” padrão “jurídico” ao país e defendeu sua “natureza ética”.

Sobre as mensagens reveladas pelo jornal de Glenn Greenwald, The Intercept, flagrando o então juiz que condenou Lula trocando mensagens e orientando os acusadores do ex-presidente, os procuradores da força-tarefa de Curitiba em provas e conduções da investigação, Fachin descreveu como “circunstância conjuntural”.

“A Lava Jato é uma realidade e não acredito que esta realidade venha a ser afastada por qualquer circunstância conjuntural”, disse o ministro, que fala por primeira vez desde as revelações divulgadas no último domingo.

“A operação trouxe um novo padrão normativo, jurídico, portanto, e também de natureza ética ao Brasil e à administração pública. Tenho confiança plena que isso não é suscetível de qualquer retrocesso”, completou o ministro. No final deste mês está marcada na agenda do STF o julgamento de um recurso de Lula justamente contra a parcialidade de Sergio Moro.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Durante culto, Bolsonaro apoia Moro e volta a defender ministro evangélico no STF

12 comentários

  1. Entrou no lugar do Teori Zavascki . Aquele juiz do Supremo que convenientemente morreu em acidente de avião, depois que a “Turma” definiu que ele não aceitaria fazer parte do acordo ” com supremo, com tudo”

  2. Fachin é conjuntural. Quando as circunstâncias mudarem veremos mudanças em suas declarações. Me apavora um juiz do supremo afirmar que violação de direitos e da constituição é um mero detalhe circunstancial. Ele acaba de declarar seu voto contra Lula, não importam as provas.

    12
    • Conjuntural, esse é o termo!
      Aliás, o cabra acabou de capitular em suaves e convincentes palavras , na globo.
      Affff!!!!!!

  3. Os golpistas não param de marcar presença.
    Um a um saem do esgoto
    Se revelam sem constrangimento
    Dessa vez mais um subproduto da Lava Jato se manifesta

  4. O que fico fulo da vida com esses ministros do Supremo é a obsessão em se mostrarem alinhados com o que avaliam que sejam os anseios da população. Mas não qualquer população e sim aquela “população” que conta, qual seja, a que efetivamente tem mais poder de pressão: classe média e elites.
    O ministro Fachin, juntamente com os ministros Barroso e Luiz Fux, exalam, nesse sentido, tendenciosidade por todos os poros. Deveriam se declararem suspeitos para julgar qualquer coisa envolvendo Lula e/ou qualquer petista.
    A propósito, agora à tarde na Bandnews o responsável pelo site intercept adiantou um pequeno trecho do próximo material a ser divulgado no qual os personagens são Moro, Dallagnol e adivinhem quem? Sim, ele mesmo: Luiz Fux. Uma coisa nojenta e altamente comprometedora para os três. Fica claro, límpido, insofismável, que a conspiração envolve(envolverá) não só o ex-juiz Moro, o partedo MP, provavelmente os membros do TR4 e, agora, comprovado, o ministro Luiz Fux.

  5. Tá certo que é um método usado pela gangue curitibana que andou chantageando ministros do stf, conforme estampado em boa parte da imprensa, e daí crápulas como barroso, fachin, fux mudaram de postura para ficarem ao lado da bandidagem lavajatiana e da vergonhosa perseguição ao Lula e ao PT. Mas se os facínoras usaram essa tática (chantagem) é porque devem ter os rabos dos vermes presos em relação a algumas falcatruas inconfessáveis. E daí, por quê será que a imprensa alternativa, como esta que lemos, por que essa imprensa não faz jornalismo investigativo e acha um rabão peludo de estrumes como fachin? Afinal, esse estrume tem coragem de defender bandido de toga que se acumplicia com gente do MPF prá lá de bandida…..e então é preciso usar o vale tudo para encostar essas merdas na parede…………já que não se pode matar bandidos como ele, pelo menos uma CHANTAGEM DO BEM CAIRIA BEM……. AH E POR FALAR NA TESE DOS DESGOVERNANTES BOÇALNARIZADOS, SE É VERDADE QUE BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO, PORQUE SERÁ QUE CONTRA BANDIDOS DE TOGA NÃO VALE A MESMA TESE? N Eu adoraria rezar uma ladainha na tumba de uns crápulas…..

  6. Espera-se mais de uma pessoa que ocupe um cargo importante, que ela seja preparada e competente para atuar a contento, não é o que vemos nas autoridades brasileiras………..
    Não á toa estamos nessa barrafunda, faltam homens publicos com brios…..

  7. Em caso de flagrante, e por descuido e sem meia pelo menos em um pé, declararei à minha esposa: “circunstância conjuntural”…e o pau do macarrão correr solto!

  8. Calma, a batata do Fachin já está assada, só falta servir…
    É indispensável rever a forma de nomeação desses canalhas todos.

  9. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome