Justiça e MPF retaliam Senado pela PL do abuso

A Operação Métis consegue bater o recorde da Lava Jato, e se tornar o mais claro símbolo do Estado Policial no país.

Objetivamente, ela foi criada para prender um grupo de policiais do Senado que fizeram varreduras em casas de parlamentares, para prevenir grampos ilegais.

Vive-se em um país em que, na última década, bicheiros aliaram-se à imprensa para alimentá-la de grampos ilegais. Tem-se um ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, que, no cargo, contratou o principal araponga de um bicheiro para cuidar da segurança do Supremo.

O mesmo Ministro denunciou uma suposta escuta ilegal de uma conversa dele com um Senador da República. E um suposto grampo do Supremo. Embora haja dúvidas de monta sobre as duas operações, o fato objetivo é que provocaram terremotos políticos.

Tem-se, finalmente, uma república em que amigos são induzidos a delatar e a grampear ilegalmente conversas particulares. E esses grampos são tratados como provas.

Nesse quadro, qual o crime que incorre um parlamentar ao solicitar varreduras em seus apartamentos e escritórios? Acaso a Polícia Federal e o Ministério Público Federal se julgam com o monopólio dos grampos do país? Os pedidos de rastreamento especificavam que deveriam ser contra escutas planejadas pelo Guardião ou por outras geringonças de espionagem?

Então, qual a razão para não apenas criminalizar as varreduras, como invadir o Congresso prendendo servidores?

Esqueçam Sarney, Lobão, Renan, Gleise. Independentemente do personagem, o que houve foi um atentado nítido ao Parlamento, bastando para tanto um pedido do Ministério Público e um juiz de 1a Instância autorizando. E isso em um momento em que o Senado discute uma lei contra abusos de autoridades.

Leia também:  Gilmar Mendes aponta responsabilidade da mídia como 'coautora' de malfeitos da Lava Jato

Trata-se de uma retaliação nítida, que apenas acentua a necessidade de se impor limites ao poder policial.

As justificativas são pífias. Segundo o Estadão (http://migre.me/viMog):

“Na petição com o pedido das medidas cautelares, o MPF enfatiza que a realização de varreduras em ambientes, por si só, não constitui crime. No entanto, duas especificidades deste caso tornam a prática ilegal: o fato de endereços que passaram pela vistoria estarem vinculados a pessoas investigadas no âmbito do Supremo Tribunal Federal (pela prerrogativa de foro) e a utilização de recursos públicos na empreitada. “A deliberada utilização de um equipamento sofisticado, de propriedade do Senado Federal, utilizando recursos públicos, passagens aéreas custeadas pelo Erário e servidores concursados, em escritórios ou residências particulares, não possui outro objetivo senão o de embaraçar a investigação de infração penal que envolve organização criminosa”, detalha um dos trechos do documento.

O objetivo de um rastreamento é o mesmo, seja em telefones ou ambientes do Senado, seja nas residências dos Senadores. Ou há uma divisão de tarefas: grampos comuns são no Senado; grampos oficiais são nas residências? O que fizeram foi identificar uma suposta irregularidade administrativa (retirada de equipamentos do Senado para varreduras nas residências) para criar uma ilação forçada com a parte criminal.

Se os gastos foram irregulares, que se entre com uma ação civil exigindo indenização. A criminalização foi nitidamente uma reação ao PL dos abusos. Independentemente de quem sejam Sarney, Renan, Lobão, Gleise, foi um nítido atentado ao Congresso.

86 comentários

  1. Isto não pode

    “O grupo também fazia, por exemplo, varreduras nos apartamentos funcionais para identificar e remover grampos da Polícia Federal no âmbito da Lava Jato.”

  2. Impor limites a juridicos e

    Impor limites a juridicos e policiais? Chama o super FHC!

    E ainda leio por aqui que Gilmar Mentes impõe barreiras às investigações de aécio Neves!!! Daí, perguntamos:  impõe? a quem ou ao que?

    Os incompetentes demotucanos, fraquíssimos políticos mas bons de picareta, elegeram e aliaram-se a polícia e a justiça para ajuda-los na briga política e de quebra, óbviamente, os blindarem!

  3. Foi o STF
    Não foi Moro quem determinou as escutas, mas Teori. E sim, se as escutas determinadas pelo STF foram retiradas por ordem desses senadores pode estar caracterizada a obstrução a justiça…..logo esperemos os próximos dias. Pelo andar da carruagem teremos ao menos 3 prisões de senadores nos próximos dias (Collor, renan e gleisi)…

    • Salvo prisão em flagrante de

      Salvo prisão em flagrante de crimes inafiançáveis, parlamentares NÃO PODEM SER PRESOS. A prisão em flagrante deverá ser comunicada o mais rápido possível às respectivas Casas e estas deliberarão pela soltura ou não do congressista. 

      Está no “livrinho”: Art. 53, § 2º.

       

  4. Portanto

    Portanto a atitude de hoje acaba por colaborar e dar força a tese que está sendo discutida no Senado. A pergunta agor é? Como a instutição Senado vai se posicionar diante do atropelo de outra instituição. Isso é muito grave.

  5. Atenção

    Atentem-se para este trecho da justificativa: …não possui outro objetivo senão o de embaraçar a investigação de infração penal que envolve organização criminosa”.

    Ou seja, os grampeados já estão julgados como organização criminosa. 

    Pior a emenda do que o soneto…

  6. lembrando que

    Lembrando que a ação da Polícia do Senado foi determinada pela Presidência do Senado, e pelo que li, a Polícia do Senado , pode a pedido da sua presidencia, fazer operações em qualquer residência dos Senadores, tanto oficiais como não

  7. A operação da PF no congresso

    A operação da PF no congresso nacional é o ápice do estado policial em que a aliança mídia, PF, MP e judiciário, simplesmente, tomou conta do país.

    Parece que a decisão do TRF-4, o tribunal da vergonha, sinalizou para os demais órgaõs parceiros a carta branca para agir acima das leis e dos regulamentos o que já caracteriza uma espécie de estado de sítio extra oficial.

    Tudo isso sob o manto da mais límpida aparência de legalidade, delegados arrogantes e concurseiros do MP peitam qualquer um, juiz de primeira instância inverte a sucessão recursal constrói jurisprudência e submete o STF a humilhação de carimbar suas decisões.

    O Brasil supera-se a cada dia, não é apenas uma republiqueta de bananas, paiseco de terceiro mundo… é um país sem lei.  

  8. Interessante. Parece que não

    Interessante. Parece que não é o PMDB e nem o PSDB que estão no controle do país: São os juízes que estão no controle do Brasil.

    E parece que os seus juízes, para os quais vocês sempre deram poder demais, estão se livrando dos intermediários. Mais um pouco e o circo irá ficar tão absurdo que vocês irão empossar Gilmar Mendes ou o Sérgio Moro como Imperador.

    E sério, vocês ainda contam com a justiça para impedir os abusos cada vez maiores contra a sua (inexistente) democracia?

  9. Temer, se vcê tem algum poder

    Temer, se vcê tem algum poder ordene a destruição da lava jato com prisão de todos os integrantes.

    Acusação: crime de lesa pátria com a destruição de importantes projetos e empresas nacionais tendo com resultado a ruína de milhares de empresas e milhões de brasileiros, milhões de desempregados, queda do PIB de 5% em dois anos por ação direta da lava jato, etc etc etc

    Prefiro um país com alguns corruptos que se desenvolve a um país cheio de juízes e procuradores imaculados, mas quebrado e sem esperança.

  10. E daí? E o STF com isso??

    O STF do(s) Golpe(s): Vol. 1 – que fazer com ele?, por Romulus
     

     ROMULUS
     SEX, 21/10/2016 – 12:29

    O STF do(s) Golpe(s): Vol. 1 – que fazer com ele?
    (série em 3 posts)

    Por Romulus

    – Mais do mesmo?
    Não… pior: menos ainda “do mesmo” – o inédito grau de genuflexão do Supremo diante das pressões externas.
    Pressões que sempre houve e que sempre haverá!

    – Chegar a Ministro do STF é, muitas vezes, a ambição de toda uma vida. Mas que tipo de ambição?
    Para que serve a cadeira aos olhos do ocupante?

    – Novos critérios de seleção para o cargo de Ministro: é hora de pensarmos em outros requisitos.
    Senão formais, ao menos para a fase discricionária de seleção de nomes para indicação pelo Executivo.

    LEIA MAIS »

    • Questão de tempo!

      Rômulus,

      O cataclisma vem ! Não demora e o desmonte do judiciário também ocorrerá ! Não sabem os juristas (a turma do dever ser, do sum quique tribuere, ou seja, uns ingênuos por natureza e opção) que o derreter institucional que ora ocorre irá atingir todos os poderes ? Derrubou-se a Dilma em nome da governabilidade (quá, quá, quá, quá, quá!), mas, agora, esta é cada vez menos garantida enquanto a PF está fora de controle e o MPF age de maneira integralmente enlouquecida. E você está certo, nada é feito pelo Supremo para domar estas feras ! Minha receita, que, uma vez derrubado o governo do golpe, tenhamos nossa Revolução Gloriosa: executem Temer e seus ministros golpistas, Cunha e congressitas idem, além de todo o Supremo Tribunal Federal ! Violento, sei que é ! Mas, isso faria que nossos homens públicos, sempre sentissem uma corda no pescoço antes de tomar qualquer atitude oportunista e antidemocrática. Seria um terrível começo, mas, pelo menos, teria algum futuro.

        • Informal, eu diria…

          Sim, a guerra foi declarada hoje! Ninguém sabe o que poderá acontecer. Não estranharia se na segunda a bolsa caísse e nossos ratings fossem para baixo. Quem investirá em ambiente institucional como esse ? Se apenas o Renan se manifesta e o resto se cala, fim de linha. Nenhum dos outros partidos com bancada no senado deu um pio ! Medo é isso! Queria ver o Coronel Caiado, valentão que é, fazer um protesto formal perante o carequinha da Justiça e ver qual a reação ! 

  11. A democracia é um regime frágil

    A democracia é um regime frágil.

    É aquela velha história, é melhor deixar de punir um culpado, do que condenar um inocente.

    Em outras palavras, é melhor uma democracia frágil (que compreende um Estado Democrático de Direito) do que a falta dela.

    As rupturas democráticas (das regras constitucionais em vigor) são como guerras. Sabe-se como começa, não se sabe como acabam.

    Hoje, aqueles que aplaudem, podem não ter a quem se socorrer amanhã, quanto forem vítima de alguma violência. Ignorantes, não percebem que o Estado Democrático é o fiador da paz social. Sem ele, ou volta-se a luta de todos contra todos (onde impera a lei da selva, sem ordenamento jurídico) ou a um poder absoluto e arbitrário (que não é limitado por regras imparciais válidas para todos).

    E nesse balaio de gato, da ruptura democrática, cabe de tudo, inclusive movimentos separatistas. Coisa que provavelmente os militares não permitirão, só não se sabe as consequências sociais e econômicas de uma intervenção militar nesse nível. Mas esse é o limite de um caos institucional – a fragmentação do Estado Nacional. E quem ganha com isso, além de aventureiros e mercenários?

    Como diria minha mãe. Com fogo não se brinca. E a ruptura democrática é um palito de fósforo acesso ao lado de uma bomba de combustível num “posto de gasolina”. O palito pode se apagar, e tudo volta ao normal. Mas pode também fazer o “posto de gasolina” ir pelos ares. Por isso, todo cuidado é pouco. 

    Como diria a sabedoria popular. Devagar que o santo é de barro. Quem vai com sede demais ao pote se lambuza. 

    A vitória de alguns no curto prazo, poderá ser a derrota de todos no longo. 

    Tem gente se achando esperta ao criar uma roda quadrada. Eureca! Eureca!

    Criamos uma democracia sem povo. Um capitalismo sem consumo. E uma nação sem soberania.

     

     

  12. e é só o começo

    vão meter a porta no STF

    uns por merecimento o lewandovski vai aposentar mais cedo pelos motivos exatos contrarios do JB, talvez pior que aposentar, congelar ele lá, dando sim senhor, batendo continencia.

    outro, o GM vão queimar a imagem

     

    lulla será preso pelos que mudarem de lado: uma Carmem, ou um barroso, ou um teori, não sei ainda

     

    o resto todos com a faca no pescoço vão ficar de figurante, o ministro do collor, os da dilma/lula todos com rabo preso

     

    A coisa vai escalar, vcs estão mirando no inimigo errado.

    Acho bom vcs irem começar a pesquisar a roubalheira e os crimes que essa gente fazia quando estava no governo, eles se fingem de arautos do bem, estão enlameados até a tampa, vão reinriquecer horrores, vão transformar aqui numa síria e desta vez até a baixa patente, normalmente esquerdizada, até eles vão aplaudir, vão ver um capitão marionete subir felizes da vida.

     

      • Pelo que entendi, ele quer

        Pelo que entendi, ele quer uma aliança…pois tem um inimigo pior que a turma do temer.

        Acho que é os milicos, vão trancar o STF como se é bosta fosse útil atualmente. Vão colocar Lula nas masmorras… e vamos virar uma síria, ele falou dos ministros do collor mais esqueceu os do fhc, como o renan por exemplo!

        Ele anda lá pelo antagonista.

    • O coxinha chapadão falou 2

      O coxinha chapadão falou 2 coisas plausiveis.

      O Lula ser preso por um ministro do STF, já ouvi essa hípotese, já que moro está queimado em relação a Lula, querem Lula preso não importa por quem.

      E o Barroso mudou de lado, acredito que foi coagido.

  13. Poder

    O Tribunal Regional Federal da 4ª Região já decidiu que a lava jato é uma operação excepcional (de exceção?). O Supremo, por meio do ministro encarregado da operação, só tem dito SIM a tudo que em nome dela de faz. Às favas, então, com a independência entre os poderes. Há um poder mais alto que se alevanta . . .

    • Exceção

      Caro Edson, bem lembrado.

      Excepicional, segundo o “Aurélio” é 1. Em que há, ou que constitui exceção. 2. Que goza de exceção.

      Pois bem, a ultima vez que se aplicou a lei de forma excepcional, ou que o desejo doentio de um insano que acredita ter o poder de aplicar a sua vontade “com exceção” ao regramento legal, vivemos por mais de duas décadas uma ditadura sangrenta.

      Como pode esse maluco dizer e a sociedade aceitar passivamente, que em situações excepcionais a lei pode ser aplicada de maneira excepcional.

      Não, não pode não. De jeito nenhum!!!!!!!

  14. E PS serve para quê? Eles são

    E PS serve para quê? Eles são pagos para fazerem varreduras. PF e MPF, fácil resolver isso, basta colocar uma plaquinha dizendo: Atenção, grampo legal, não retirem”. Pronto.

    • rsrsrsrsrs Gostei e ri muito.

      rsrsrsrsrs Gostei e ri muito. Imagine se você encontra em sua casa um grampo seja lá de quem for. A primeira ideia é tirar aquilo de sua casa, pelo menos eu faria isso. Agora com a sua ideia da plaquinha aí eu pensaria das vezes rsrssrsr. 

  15. O maior mal do Brasil não é o

    O maior mal do Brasil não é o Senado, a Câmara, nem mesmo a “presidência-do-golpe” (e isso incluindo todos os deputados, senadores e até o presidente-do-golpe)…

    O maior mal do Brasil é – disparado! – a Justiça!

    Não será a roubalheira que se possa atribuir ao Sistema Político (até como um todo – o que nem é o caso!) que poderá desconstruir o País. Os políticos podem até saqueá-lo e sacudi-lo, mas não acabam com o Brasil, se a Justiça for correta e implacável, sem escolhas.

    Entretanto, a Anarquia que o judiciário vem instalando em todo o Sistema Político e Empresarial, gerando inclusive uma torrente de desprovimento das riquezas, num movimento claro de entregá-las a interesses escusos, alheios ao interesse nacional, isto sim, vai corroborar essa tese de que o maior mal do Brasil é mesmo a Justiça.   

    Só pra lembrar ao ego desenxabido do juizeco golpista, atentado à magistratura não é o que ele supõe e esgoela; atentado à magistratura é exatamente o que ele faz; ou seja, supor que um ato ilícito praticado por um juiz qualquer seja transformado em atitude que possa valer o-que-o-gato-enterra.

    Quem destrói a Justiça não é o bandido comum – é aquele que a estupra, que faz um péssimo uso dela. É com atitudes indignas, premeditadas com um caráter duvidoso que se atinge e se torna fétido o Direito, e até a própria Magistratura.

    O maior mal do Brasil é – disparado! – a justiça de m… que temos nele.                                    

    • Eu venho afirmando isso há

      Eu venho afirmando isso há tempos. Uma vez vi acontecer em Campinas, um juiz não gostava da Prefeita e paralizou toda a sua obra que estava sendo feita no centro da cidade, sob alegação de que fazia barulho a noite. de dia não tinha como realizar para não prejudicar demais os comerciantes e à noite o juiz proibiu a partir das 22 horas. Assim a obra só acontecia das 19 as 22; era para demorar 6 meses demorou dois anos, fazendo todos os comerciantes da rua de passeio amargarem tento prejuízos que alguns até faliram.

  16. Prisões absurdas. Tem que

    Prisões absurdas. Tem que propor pra PF colocar uma placa em cada dispositivo de escuta *”Escuta Legal autorizada pela justiça”. 

    É clara a retaliação !!!!

  17. Todo essas atitudes

    Todo essas atitudes praticadas por esse juiz e policiais federais vão se voltar logo logo contra eles. O mal não consegue guardar segredos. Alguém vai pensar que o seu falso poder foi ultrajado e aí a briga começa. Não morro de amores por este senado na sua maioria, mas se colocaram grampos sem autorização do STF e sem fundamento que os senadores partam pra cima desse juiz e desses policiais. O Brasil não pode conviver com autoritarismo, pois isso pode levar a sociedade a se revoltar e cada um querer fazer sua própria justiça, isso será péssimo para um país….

  18. MPF uma horda de concurseiros sem cultura e civilidade

    O MPF é um produto do processo de redemocratização do país, ao obter amplas garantias de atuação na “saudosa” Carta Magna de 88. O q vemos hj é q o mpf (minúscula mesmo) era um filhote q se transformou em um monstro e que aos poucos vem devorando o seu próprio criador: a Constiuição.

  19. Justiça de corno… se eu

    Justiça de corno… se eu descubro um grampo, que só tem eficácia se for secreto eu não posso arrancar? Então sou obrigado a gerar provas contra mim mesmo? Ou ficar atuando como um palhaço dentro da minha própria casa????? Só o Supremo Corno Federal mesmo…

  20. O termo é chulo, mas não tem

    O termo é chulo, mas não tem outro para melhor definir o atual contexto: avacalhou de vez!

    Aí o jeito é recorrer, pela milésima vez, para a fábula do sapo colocado numa frigideira com água em temperatura normal e essa é elevada devagarinho, grau a grau. Pois bem: o batráquio será cozinhado vivo porque a oscilação é tão pequena que ele não se apercebe da tragédia.

    Desnecessário apontar quem é o sapo, quem é a água é quem é que aciona os botões do fogão.  

     

    • Concordo, o caos se instalou

      Concordo, o caos se instalou em definitivo. Em pouco tempo você verá juízes brasileiros exigindo a prisão indiscriminada de políticos, os políticos exigindo a prisão indiscriminada de juízes e a polícia no meio prendendo ambos ou nenhum ao não saber quem obedecer. Nem vou falar nada do seu executivo porquê ele já é decorativo e será engolido na loucura dos outros dois poderes.

      Talvez os seus militares tenham que entrar em cena para impedir o país de se desintegrar e isso se eles ainda estão com a cabeça no lugar e não estão participando de nenhuma das três facções.

      • Cabeça no lugar?

        Eu não acredito que haja mais nenhum poder com a cabeça no lugar. Na verdade, eu não acredito que haverá guerra nenhuma entre os poderes. Quando eles começarem a dividir a pilhagem que estão fazendo no Brasil, eles se acalmarão. Repare que TODOS os poderes estão articulados para poder vender o Brasil. Eu não tenho provas, mas estou convicto que até as altas patentes militares ganharão alguns trocados com o golpe. Nenhum dos cabeças dos poderes da (ex)República ganharão dinheiro através de propina ilegal. Eles legalizarão a propina através da formação de empresas, que serão SEMPRE muito bem sucedidas, haja a crise que houver. Aprenderão com o PSDB.

  21. Caro Nassif, a ação

    Caro Nassif, a ação perpetrada pela PF, hoje, merece ser urgentemente contragolpeada. Foi um absoluto desrespeito entre os poderes, além de gravissima afronta a Constituição Federal. Não se trata de troco, mas, está na hora do poder legislativo se respeitar e para isso, precisa imediatamente, fazer andar o PL do abuso e mais, aceitar um procedimento de impedimento do PGR ou de um ministro do supremo. O Senado existe para que, afinal, se a toda hora vê suas decisões sendo modificadas pelo judiciário e sua soberania sendo questionada até por juizinho sem vergonha de 1ª instância.  

    • “PL do Abuso”? Vocês precisam

      “PL do Abuso”? Vocês precisam é prender imediatamente todos os membros do STF e um grande número de juízes que acreditam mesmo que são Deus e que não precisam respeitar as leis escritas pelos homens. Antes que a população se dê conta de que a justiça não existe e quebre o pacto social em definitivo

    • De fato
      Ontem foi o ‘protótipo’ da vara criminal do STF, singular, proposta pelo min Barroso na sua entrevista com o Estadão. Nunca desmentidos seus termos. Pelo menos da parte dele. Vimos ontem o ensaio. Só porque não gosta do foro por prerrogativa de função e quer (segundo a entrevista – nunca desmentida ), fazer disto uma regra…

  22. PCC X CV X ADA

    É briga de quadrilha pelo butin chamado brasil.
    Judiciário X Legislativo X executivo = PCC X CV X ADA (Amigo dos amigos)
    É briga de quadrilha pelo butin chamado brasil que eles mais a mídia acabaram de tomar de assalto.

    Não vamos nos meter nisso. Vamos ficar do bouas vendo eles se matarem, quem sabe no final o Brasil acabe sobrando para seu povo.

  23. HAJA RABO PRESO NOS 3 PODERES!

    NASSIF, tava discutindo essa historia com o Ciro…

    É engraçado como o ser humano tende a ser vitima do próprio sucesso. Força a barra até chegar a esse ponto.

    O abuso de hoje é a gota d’água para selar a união, com ação em algum momento no futuro, entre todo o espectro politico contra os abusos das corporações.

    De A a Z.

    Todos de mãos dadas (ou deveriam estar!): PSDB e PT; Marco Feliciano, Jean Wyllys e Bolsonaro; DEM e PSOL; MST e CNA; FIESP e CUT; etc.

    Um juiz de primeira instancia manda a PF prender o chefe da Policia Legislativa??!!

    Com uma cautelar baseada em fatos de…

    – … 2015????

    *

    Fosse um Presidente do Congresso sem um telhado de vidro tão fininho, dava ele mesmo voz de prisão aos agentes da PF que foram lá fazer a prisão preventiva!

    Isso é guerra civil aberta dentro do aparelho do Estado!

    Fosse um Presidente como ACM não só dava voz de prisão como recebia a PF a bala! rs

    *
    O Brasil não deixa nunca de surpreender… onde vai parar isso, gente? E o STF? Nada sabe, nada ve… HAJA RABO PRESO!! 

    • Suponho que fala do Ciro Gomes.

      Questiono. O que você supõe que terá de ser feito por Ciro ou sua campanha, para que este seja aceito pelos eleitores de esquerda, que em um momento ou outro perceberão nele um liberal desenvolvimentista (algo antiquado, como o inverso de bolivariano para esquerda), portanto, de centro esquerda, daí a desconfiança de seu pender para a direita numa eventual crise, assim como PT o fez (mas sem o recall ou condescendência que tivemos para este).

      • Outro Ciro!

        Haha

        Demorei pra entender de onde vc tinha tirado Ciro Gomes!

        Nao, rapaz!

        O “Ciro” em questao eh o meu amigo Ciro d’Araujo! rs

        Vira e mexe ele comenta por aqui tb…

        *

        Tb espero pra ver a distancia entre discurso e pratica – que sempre existe em algum grau – no Ciro Gomes.

        Tem muito tempo que ele permanece no confortavel papel de pedra e nao de vidraça.

        • “Tem muito tempo que ele

          “Tem muito tempo que ele permanece no confortável papel de pedra e não de vidraça.”

          É verdade. Joga pedra pra todo lado, com a exceção conhecida.

          E tb deu palestra em Harvard recentemente. Isso me deixa intrigada.

  24. Once upon a time in the west…

    Nossa confusão de princípios, nosso atropelamento do Estado de Direito, nossa promiscuidade entre polícia-mídia-judiciário não é mera coincidência, ou um evento “natural”.

    Ele cumpre o doloroso rito de (re)arrumação das premissas do Estado brasileiro, com vistas a colocá-lo no cenário exato para a retomada da expansão dos fluxos de capitais que estão em curso.

    É uma lógica quase simplista, se bem que desenvolvida com alguma complexidade: Na ausência do Estado (de Direito), vale a lei do cão, a lei do mais forte.

    Em breve, quem sabe, teremos a instituição de xerifes e forcas pelo país?

    No entanto, algumas manobras seriam cômicas, se não fosse trágicas:

    Já foi dito no texto e apenas ratificamos: Usa o juízo de valor (convicção) sobre conduta como requisito (subjetivo, por óbvio) para pedir decretos prisões cautelares (temporárias, eis que pré-processuais, e preventivas, já na fase processual). 

    Mas a questão de nexo:

    Ora bolas, se o dolo de impedir ou obstruir uma investigação tem que ser claro (objetivo, inequívoco) para motivar seu confinamento cautelar (seja na imprescindibilidade do Inquérito, inciso I do artigo 1º, Lei 7960/89, seja para garantir a instrução penal, na forma do 312 do Código de Processo Penal), como cobrar alguém por ter impedido algo que ele não poderia saber que estava acontecendo, uma vez que as medidas de suspensão de sigilo telefônico e uso de escutas ambientais são sigilosas quando em vigor?

    Estaríamos então, punindo a intenção da intenção.

    Mesmo assim, se fosse o caso, só uma investigação poderia determinar quem “vazou” a medida em vigor poderia motivar uma ação preventiva, porque se a medida cautelar de prisão se deu como retaliação a posteriori, nada mais é que antecipação da pena.

    Por outro lado, temos nesse tipo de ação, que o texto também já desvendou os motivos, outra contradição grave, que só revela o caráter (ou falta de) dos envolvidos.

    Uai, se o próprio MP quer homologar nos seus sacrossantos dez mandamentos a prova ilícita, como vedar aos investigados a mesma possibilidade de se  livrar ilicitamente (desde que não ofenda terceiros ou incorra em ato violento ou de dano) das provas ou ainda, de conseguir provas ilícitas como garantia de suas defesas?

    Outro princípio rasgado:

    Uai, se podemos mentir, calar e nos abstermos de fazer provas contra nós mesmos, como imaginar que não possamos impedir que provas sejam produzidas contra nós, lembrando bem que as escutas, assim como os mandados de busca são MEIOS DE PROVAS e não provas em si.

    É mais ou menos como  mandar prender alguém porque trocou o “chip” ou jogou o telefone no lixo, porque se está desconfiado de que está sob monitoramento.

    Mais uma lembrança:

    Nosso ordenamento não pune o detento pela fuga. Pune apenas os crimes cometidos para efetuá-la, se for o caso.

     

    Eu riria disso tudo, como já disse, se não fosse a tragédia que nos assola.

    • Art. 5o da CF decaiu

      >> Uai, se podemos mentir, calar e nos abstermos de fazer provas contra nós mesmos, como imaginar que não possamos impedir que provas sejam produzidas contra nós, lembrando bem que as escutas, assim como os mandados de busca são MEIOS DE PROVAS e não provas em si.

      *

      Caro (cara?),

      Pensei a mesma coisa.

      Mas ai lembrei: o STF riscou o Art. 5o da CF. Agora é uma declaraçao de boas intençoes apenas.

      Dependemos deles para saber o q significa – hoje – cada garantia individual.

      Inclusive quando se pode “take the 5th” rs

  25. É a briga da meganhagem.
    Que

    É a briga da meganhagem.

    Que se lasquem todos, PF, PM, PC e essa excrescência chamada Polícia do Senado.

  26. Justiça e MPF retaliam Sen… – Caiu a tese da independência…

    A tese  que o judiciário alegou para “lavar as mãos” (de não intervir nos outros poderes) e não emitir posição sobre as votações do golpe, acaba de descer pela  privada… Acabaram-se os limites da atuação do judiciário em relação aos demais poderes?

    Algum jurista poderia analisar e verificar se há contradições?

     

     

  27. Parem tudo, agora entendi o

    Parem tudo, agora entendi o que está acontecendo.

    Lembram-se que eu escrevi algum tempo atrás que o Brasil entraria em guerra civil em pouco tempo? Muito bem, dos três poderes que governam o país (legislativo, executivo e judiciário), dois deles já estão em guerra entre si. E talvez sejam os três.

    Juízes mandando grampear presidentes da república e senadores para chantageá-los, parlamentares mandando grampear juízes para fazer o mesmo, isso mostra uma guerra já em curso nos bastidores com cada lado tentando destruir o outro com acusações ou chantagens, os conspiradores do golpe de estado estão lutando entre eles mesmos!

    E isso enquanto as instituições que deveriam ser subordinadas ao executivo também estão se rebelando e tentando tomar o poder de facto para si como o MPF e a polícia federal. Até suspeito o que os seus militares andam pensando diante do cenário de caos que agora eu tenho quase certeza que a sua mídia está tentando esconder mas que está ficando óbvio demais para isso, eu lembro de um de vocês leitores do blog ter comentado que as instituições brasileiras estão se desfazendo literalmente.

    E parece que ele têm razão.

  28. Acabei de ler sobre a

    Acabei de ler sobre a patetada entre a procuradoria paulista, uma juíza do mesmo estado, a procuradoria e o juiz, federais mas no Paraná, citada até Rosa Weber. E agora essa, entre as polícias do Senado e a federal envolvendo a justiça, de novo, do Paraná e o Congresso…

    Foi só dar liberdade à instituições que, como disse Dilma Rousseff, não está restando “pedra sobre pedra”.

    Bem… quem nunca comeu mel faz a maior lambuzeira mesmo.

    Nossa jovem democracia nacional há de amadurecer. Mas até chegarmos a estados avançados de pessoas em cargos públicos deixando seus egos de lado, leva um tempo.

    Nesse estágio atual, a gente geralmente só aprende quando dói na gente mesmo, dificilmente através de exemplos, através da razão. O negócio é, por enquanto, ir sonhando com as Cartas da Suécia, da Claudia Wallin…

    http://www.claudiawallin.com.br/

     

  29. Grampo legal?

    Pelo que entendi, se a pessoa for grampeada “legalmente”, ele só pode falar mais perto do microfone?

    Proxima ordem de prisão, será:

    Obstrução da justiça pois o acusado não usou o telefone grampeado “legalmente”. KKKKKKKKKKKKKKKKKK

    • Morrendo de rir …

      Assim vc me mate de rir.!!! KKKKKKKKK!!!

      Mas o pior é que estes imbecis pensam assim mesmo. Parece absurdo, mas não é!!!

      Já imaginou se o suspeito trocar o aparelho de telefone dele e este aparelho estiver grampeado? Será acusado de obstrução à justiça.

    • Morrendo de rir …

      Assim vc me mate de rir.!!! KKKKKKKKK!!!

      Mas o pior é que estes imbecis pensam assim mesmo. Parece absurdo, mas não é!!!

      Já imaginou se o suspeito trocar o aparelho de telefone dele e este aparelho estiver grampeado? Será acusado de obstrução à justiça.

  30.  
    Estamos submergindo na mais

     

    Estamos submergindo na mais completa ESCULHAMBAÇÃO! Que porra de justiça de merda é essa?

    Juizes, ministros do STF, delegados de PF. Muito menos, procuradores de porra nenhuma, receberam carta-branca nem votos, para fazerem o que estão fazendo com o País. Estes fdp estão caçando sarna pra se coçar…cassar a presidenta eleita, revelou-se a parte mais fácil da encomenda dos seus chefes de Washington. O mesmo não deverá ocorrer com parte da encomenda  de tornar o Brasil mais um condado dos Estados Unidos. Ai velho, vosmecês podem tacar fogo no país, mas, estejam certos, o Brasil jamais será um Porto Rico dos vira-latas. Se piquem pra Miami, deixem os brasileiros em paz.

    Orlando

  31. O Senado criou o monstro  ao

    O Senado criou o monstro  ao permitir a prisão do ex-senador Delcídio do Amaral. Agora, ninguém segura essa abominação que é a “lava jato”. 

  32. Moro confessou que investiga senadores?

    A primeira pergunta é a seguinte: varredura localiza grampos feitos na operadora? Ou, por outra, alguma lei autoriza a justiça a grampear residências?

    As outras questões se referem às acusações e o que significam: as varreduras constituiriam atos obstrução à Lava Jato – varreduras de gabinetes e residências de SENADORES. Questões:

    1) Moro e o MPF do Paraná estão investigando senadores? Se não estão, porque é de sua competência investigar e combater a obstrução dessas investigações? Se a investigação ocorre no STF, não é ali (e na Procuradoria-Geral) que deveria ocorrer a investigação de atos de obstrução?

    2) Ou Moro e os rapazes do Paraná não estão investigando senadores, mas, como acham que a PGR e o STF são incapazes de darem conta dos processos de sua competência, consideram que é de “interesse público” divulgar a existência de ações de obstrução contra esses processos? Como o STF não tomou qualquer providência sobre o vazamento de informações sigilosas de grampos por motivos políticos (o interesse público), Moro se sentiu autorizado a realizar novamente ações que competiriam a instâncias superiores?

    3) Outra questão é o objetivo: Moro está tentando desacreditar o parlamento? Ou o STF e a PGR, que não tomaram as providências necessárias contra a obstrução de suas investigações?

    Ou resolveu que é hora de parar a Lava Jato e, como parece não haver ninguém disposto a fazer isso, ele resolveu dar um excelente motivo pra isso, assumindo um processo contra ações comandadas por senadores e interferindo em processos já em andamento no STF, totalmente fora de sua competência?

  33. Duelo

    Quem atirar primeiro terá mais chances de vencer…

    Se o Renan sacar com o PL do Abuso de Autoridade, vai esbarrar na interpretação jurídica…

    Se ficar parado o judiciário engole…

    Com diria o golvão bueno: ” A coisa já andou melhor para o Brasil…”

  34. Sérgio Moro atentou contra a Segurança Nacional
    ao grampear a Presidência da República e atentou novamente ao grampear o Senado.

    Essa operação atenta diretamente contra o art. 2o da Constituição Federal que versa sobre a independência e a harmonia entre os Poderes da República.

    Há Golpe de Estado no Brasil. Há regime de exceção no país. A Lava Jato se transformou em uma milícia armada sem controle.

  35. mais uma vez fico sem saber o que dizer de nosso futuro…

    ao pensar que o MPF surgiu durante uma orgia democrática

    ou durante a supressão de liberdades que poderiam abusar legalmente de qualquer outra

    • mas orgia é orgia…

      tão legalista quanto uma simples adoração secreta…………………………..ou individual

      por isso considero muito bom o fato de estarem batendo cabeças numa parede, mas não me animo nem me iludo

      porque sei que tornam-se conscientes apenas das suas cabeças, nunca da parede

  36. Eu sempre achei que um

    Eu sempre achei que um senador é senador na sua casa e no seu escritorio ou gabinete. O fato de estarem  sendo investigados não os torna meio senador. Foi lindo quando o stf prendeu um senador não investigado com base em um grampo que se quer poderia incrimina-lo, uma vez que qualquer individuo que ignore estar sendo monitorado por audio ou video seja lhe imputado qualquer crime. Em terra de ninguem, governa quem sobe no tijolo primeiro, Viva o republicanismo!!!

  37. A Herança Maldita de Lula

    Todo este circo de horrores que presenciamos, da Polícia Federal prendendo outras polícias, de uma operação judiciática destruindo empresas, prendendo empresários, ameaçando outros poderes, desculpem-me a franqueza é herança maldita de Lula.

    Reconheço que Lula tirou 40 milhões da miséria, manteve o PIB em alta, tudo o mais, mas na questão da lista tríplice, e escolha do PGR, errou feio.

    Pois antes de Lula, o PGR era escolhido a dedo pelo Presidente da República, e fazia certo em escolher um amigo seu. Agora, depois de Lula, o PGR passou a ser escolhido por lista tríplice votada pela própria corporação, o que equivale a dar poder ilimitado a uma corporação que não tem voto, só concurso público, isto é a maior roleta russa que já fizeram neste país. Uma corporação que não está nem aí para o PIB, ou para o índice de desemprego.

    Lula legou ao Brasil um país em estado de amotinação constante, ingovernável, anárquico e desgovernado. Um clima de terror e inquisição se apossou de todos neste país. Devemos aplaudir o Lula por isto também?

    Muitos acham que Lula é odiado porque defendeu os pobres, mas não é só por isto. Lula é detestado principalmente pelos políticos  por ter dado poderes ilimitados ao PGR e com isto as operações policiais que paralisam o país por completo, O Brasil está de joelhos e refém do corporativismo irresponsável, e descompromissado com qualquer geração de empregos ou de qualquer crescimento do PIB.

    A solução? Tragam o engavetador da República de volta por favor.

    As instituições brasileiras só funcionam sob rédea curta, e hierarquia. Não tem maturidade alguma para terem autonomia, e provavelmente nunca o terão. Democratizar corporações é um erro descomunal.

    O pior de tudo é que se nada for feito, as coisas prosseguirão neste pé, o PIB caindo 1% ao mês, até que se chegue ao fundo do poço. Quem seria o louco que investiria num país assim, desgovernado?

    Agora, para recolocar o gênio de volta na garrafa, vai ser dificílimo, mas extremamente necessário.

    • Fico boquiaberto
      Com este nível de argumentação. Lula saiu em 2010 e é culpado disto? Posso construir, em poucas palavras, o contrário.

      O lulismo é bem maior que o petismo. Parte disto foi a tolerância de Lula, em ser um mestre na convivência de contrários e aglutinação política. Vale dizer, sua mestria em sair de 2002, o amigo lembra-se ou não (?), do dólar a 4,30, juros e titulos à marcação diária de mercado, do mister Arminio, pressão e terrorismo econômico internacional para manter fhc e sua quadrilha ( com quem?, zesserra! este mesmo Alhozheimer no MRE, ainda sujo de vinho da espetacular Kátia Abreu ), e como deixou o país em 2010 do jeito que deixou. Unanimidade de liderança política internacional, multilateralismo consagrado, Obama coitado, só pode copiar Lula no Irã e em Cuba…’That’s my man right here!’

      No plano interno o resgate da cidadania dos excluídos, do acesso à educação superior, a uma história do Brasil necessariamente contada, ou recontada a partir de onde se deve, da África, dos índios, dos pobres, dos excluídos, dos desfavorecidos e mal nascidos. No plano econômico, além de um político genial, é um lingüista fenomenal ( pergunte a quem entenda do riscado, profundamente ), debaixo de trinta e três Doutorados honoris causa ( o mesmíssimo do Professor Adib Jatene, sabia? ), arriscou dizer que a crise da predação dos títulos particulares de dívida privada imobiliária estadunidense ( sem regulamentação, na terra onde o dinheiro é adorado ) chegaria aqui como ‘marolinha’. E, se economia é tambem previsão acertada, além de explicação, Lulinha pai acertou na mosca. E de novo. Porque? Porque o de hoje empresariado agora tem saudade do pujante mercado interno de 40 milhões de adicionados ao tecido econômico da cidadania, que o temerário Temeroso já, de saída, massacrou. Chora peãozada empresarial! Que o resto foi preso pelo Portento das Araucárias…

      Não é a toa que o massacre em cima de Lula é de sua biografia, sua coerência e sua liderança.
      Querem apagar sua memória política.

      O que dói, na direita, quanto a Lula é sua liderança e mais especialmente, sua qualidade de liderança. E de sua competência, nos resultados. Coisas que certos flatulentos orais desejariam ter somente 10%. Ao invés de falsificarem teses acadêmicas dos outros.O resto é narrativa da plim plim…

      E choro do ggagaa cc

      • Crítica construtiva

        Caro comentarista

        Também votei em Lula. Acredito que Lula acertou em 80% de suas políticas, especialmente as sociais. Acertou ao banir a alca, acertou em abaixar os juros, acertou ao favorecer o Mercosul, acertou ao fazer negócios e se aproximar da China e Rússia; Acertou ao favorecer a indústria nacional, acertou em manter a Petrobrás sob direção nacional e estatal ; e muito mais.

        Em nenhum momento critiquei a política econômica de Lula.

        ———-

        Eu também provo em poucas palavras que seu argumento está errado.

        Mas não é por que Lula teve grande margem de acerto na política economica que devemos seguir aplaudindo seus erros. Lula foi um bom presidente, mas era apenas humano, por mais incrível que possa parecer. Ele não é o Messias.

        Cabe a nós seus eleitores, denunciar os erros da era Lula.

        Entre os erros de Lula estão a nomeação de inimigos para cargos chave, como o Procurador geral da República.  E também o fato de Lula ter dado plenos poderes ao Ministério Público e a Polícia Federal; antes estes eram submissos a Brasília. Não adianta nada fazer uma ótima política e nomear um inimigo ferrenho para destruir tudo o que foi feito. Apenas isto.

        Se Lula tivesse feito todas as politicas economicas e sociais que fez, e tivesse nomeado pessoas fiéis ao seu plano de governo eu o aplaudiria de pé. Mas como não é este o caso, me sinto no dever de fazer esta crítica construtiva, para que a esquerda possa repensar sua política “republicanista”.

        Sim, Lula saiu em 2010 e é culpado dos super poderes dados ao Ministério Público, pois o projeto de lei que Lula assinou dando estes super poderes ainda não foi revogado. Além do mais, agora fica difícil a um presidente nomear um Procurador Geral sem seguir a lista tríplice, e não ser atacado pela mídia.

        Lula confundiu convivência pacífica com pessoas de pensamento diverso do dele, com convivência pacifica com arqui inimigos ferrenhos. Não dá para abaixar a guarda diante de inimigos, sob pena de ser apeado do poder, o que está acontecendo com o PT hoje.

        FHC pode ter sido um péssimo presidente para o povo, para a economia e para políticas sociais, mas uma coisa ele acertava, nomeava para postos chave, pessoas fidelíssimas a ele e ao seu partido. Não dava para juntar o melhor de FHC com o melhor de Lula num próximo candidato da esquerda?

        Esta é a minha proposta.

         

        O verdadeiro amigo é aquele que critica quando deve, não quem apenas aplaude.

  38. Se você descobre que tá sendo

    Se você descobre que tá sendo grampeado , a não ser que seja um completo imbecil ,o grampo não serve mais pra nada certo?

    Então qual o crime em removê-lo?

  39. A foto que ilustra o post me

    http://www.tjgo.jus.br/index.php/home/imprensa/noticias/119-tribunal/13930-especial-fds-juizes-empossados-nesta-tarde-solucionam-deficit-no-interior-do-estado

    A foto que ilustra o post me fez lembrar ontem a posse dos novos magistrados de GO…passando por acaso pelo local com minha roupa de mulambo, senti-me uma Alice no Pais dos Magistrados..tudo muito lindo, aquelas moças  e moças togadas e pensei cá comigo: que gente poderosa…e todos tirando selfies ao fim da cerimonia…eu heim…então juntem promotores, juizes e puliças…..não há controle externo sobre essa gente….que pais tem jeito com essa gente que tem apoio total de sua elite bizzarra, do mercado e mídia saguinários tmbm….

    P.S- por enquanto as Forças Armadas estão fora do estado policial mas a magistrada douta Carmem Lúcia já os chamou para fortalecer o novo (e)status quo golpista…por falar nisso, kd o gilmar mendes que quando estourou o escandalo do Cachoeira ele se movimentou e até simulou um grampo no stf para que fosse criada a cpi dos grampos….agora pode, né…brasil pais da hipocrisa

  40. NÃO SEI MAIS O QUE E QUEM É MAIS NEFASTO OU CANALHA.

    Ao tungarem a democracia no Brasil, criou-se uma ode de nefastos, ordenando aos seus ordenamentos rasgando a constituição e fazendo do povo vítimas tolas do bandidismo de poderes, não há nada pior em uma nação quando se tem certeza que o seu paramento de justiça se torna político e policial, esse tipo de óleo e de água não podem se misturar, pois quando se mistura nasce uma geração de canalhas que não importam com as consequências de seus exacerbo de poder nas famílias e nos trabalhadores que não comem caviar, nem sanduiches de atum e nem a degustar cartas de vinhos importados, transformar o pais numa república jurídica e tão perigoso como governos ditados por religiões. A doutrina do mal passou a operar o país para o caos, a semente que os miseráveis estão plantando nascerá cada vez mais canalhas a destruir a vida dos verdadeiros brasileiros, os que trabalham e pagam a boa vida de tantas togas e uniformes e ternos caros.

  41. Ou a sociedade se mobiliza e
    Ou a sociedade se mobiliza e dá um limite constitucional aos super poderes da Monarquia Judicial que se instalou no Brasil ou amanhã o Estado Policial em formação no País não nos permitirá nem a mais simples conversa de âmbito familiar como ocorreu com dona Marisa Lula e um dos seus filhos, grampeados e devidamente publicados por Moro de conversas internas à família que não diziam respeito aos fatos a serem investigados pela justiça. Lembrem-se onde nos leva a omissão à violência policial sofrida “por outros”: “No caminho com Maiakóvski “[…]Na primeira noite eles se aproximame roubam uma flordo nosso jardim.E não dizemos nada.Na segunda noite, já não se escondem;pisam as flores,matam nosso cão,e não dizemos nada.Até que um dia,o mais frágil delesentra sozinho em nossa casa,rouba-nos a luz, e,conhecendo nosso medo,arranca-nos a voz da garganta.E já não podemos dizer nada.[…]”   –   belo texto de Eduardo Alves da Costa

  42. Senado Federal!

    ​Nem o golpe de 64 com AI5 se atreveu   invadir o Senado Federal.​O golpe de 2016 caminha rapido para destruir os que covardemente estao traindo o povo e a Nacao Brasileira.O fim esta proximo felizmente. Os  canalhas serao julgados pelas maos do povo trabalhador Brasileiro.

  43. FMI e TV estatal francesa desmascaram Gilmar Mendes

    >>FMI e TV estatal francesa desmascaram Gilmar Mendes, por Romulus<<
     

     

    ROMULUS
     DOM, 23/10/2016 – 02:57
     ATUALIZADO EM 23/10/2016 – 03:34

    FMI e TV estatal francesa desmascaram Gilmar Mendes

    Por Romulus

    Gilmar Mendes parece ter tirado a semana para testar os (novos) limites deste Brasil pós-democrático (apud Wanderley Guilherme dos Santos).

    Num dia ataca juízes e procuradores, taxando-os de chantagistas – no que não discordo de todo!

    LEIA MAIS »

     

    Vídeos

     

     

     

     (i) 20-10-16 – FMI e TV estatal francesa desmascaram ataque vil do Min. Gilmar Mendes ao programa de transferência direta de renda Bolsa-Família; (ii) Chico Buarque – “Apesar de  

     

    • O STF do(s) Golpe(s): Vol. 2 – vamos ao cinema hoje?

      >>O STF do(s) Golpe(s): Vol. 2 – vamos ao cinema hoje?, por Romulus<<
       

       

       ROMULUS
       DOM, 23/10/2016 – 01:29
       ATUALIZADO EM 23/10/2016 – 03:32

      O STF do(s) Golpe(s): Vol. 2 – vamos ao cinema hoje?
      (série em 3 posts)

      Por Romulus

      – Quem poderia supor que o Pleno do STF era tão parecido com o clichê de uma escola secundária norte-americana, tantas vezes retratado no Cinema?

      Aquele mesmo: o high school arquetípico retratado naqueles filmes interminavelmente reprisados na Sessão da Tarde.

      – E, no final, uma pequena redenção. Porque sonhar – ainda – é permitido.
      E que não se condene de todo esse “ópio do povo”, o sonho. É, muitas vezes, a anestesia (relativa) que nos permite aguentar as chicotadas que tomamos sem enlouquecer. Se não chegar a dopar, provocando a inação, que mal tem?
       

      LEIA MAIS »

      • O STF do(s) Golpe(s): Vol. 1 – que fazer com ele?

        O STF do(s) Golpe(s): Vol. 1 – que fazer com ele?, por Romulus
         

         

         ROMULUS
         SEX, 21/10/2016 – 12:29

        O STF do(s) Golpe(s): Vol. 1 – que fazer com ele?
        (série em 3 posts)

        Por Romulus

        – Mais do mesmo?
        Não… pior: menos ainda “do mesmo” – o inédito grau de genuflexão do Supremo diante das pressões externas.
        Pressões que sempre houve e que sempre haverá!

        – Chegar a Ministro do STF é, muitas vezes, a ambição de toda uma vida. Mas que tipo de ambição?
        Para que serve a cadeira aos olhos do ocupante?

        – Novos critérios de seleção para o cargo de Ministro: é hora de pensarmos em outros requisitos.
        Senão formais, ao menos para a fase discricionária de seleção de nomes para indicação pelo Executivo.

        LEIA MAIS »

  44. Operação Métis
    Interessante… ‘Métis’ se traduz por ‘mestiço’ em francês. É significativo que uma operação policial originada na branca e européia Curitiba tenha como alvos preferenciais (embora não exclusivos) senadores oriundos do Nordeste mestiço. Trata-se de um evidente ato falho dos responsáveis pela Lava Jato, desnudando o fato de que essa operação se constitui em mais um capítulo da luta entre as nossas elites colonizadas e o nosso Brasil profundo.

  45. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome