Assédio judicial: Luis Nassif recebe apoio nas redes

Jornalistas e nomes da política e da cultura, como Larte Coutinho, Xico Sá, Leandro Demori, José Paulo Kupfer, manifestaram-se em solidariedade a Nassif

Jornal GGN – O assédio judicial contra o jornalista Luis Nassif gerou mobilização nas redes sociais, nesta segunda-feira (21). Jornalistas e nomes da política e da cultura, como Larte Coutinho, Xico Sá, Leandro Demori, José Paulo Kupfer, manifestaram-se em solidariedade a Nassif.

Confira, abaixo:

Observação – a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) tem apoiado Nassif desde as primeiras investidas do lawfare.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

8 comentários

  1. Tem de continuar a divulgar que tem gente contra estas canalhices, mas não se deve deixar a chama se apagar, porque todos já estão cheios com seus próprios problemas. A hipocrisia na humanidade, não é eterna, mas já é milenar. Se olharem com atenção aos vários sermões, críticas e apontamentos de Cristo, quase todos direcionavam para ela, na figura dos fariseus (os senhores da “lei”, que conhecem bem a letra, o suficiente para manipularem-na conforme seus interesses). Só que uma nação, que vai diariamente se derretendo pelas águas podres do cinismo, vai deixando abrir atrás de si, a caverna escura da barbárie e da completa degradação moral.

  2. Nassa, corra, vá lá fora, e contemple a (quase) fusão visual de Júpiter e Saturno. Eles só ficaram tão próximos visualmente a mais ou meno 800 anos atrás. Corra, Amigo

  3. O cerco a Nassif não visa apenas atingir a ele, enquanto pessoa física, ou ao GGN, enquanto pessoa jurídica: visa silenciar a opinião de um dos meios mais importantes e cada vez mais raros no Brasil, por publicarem análises que não teriam abrigo na mídia convencional ou coorporativa. Tenho honra e orgulho de colaborar esporadicamente com o GGN, e de ombrear com Nassif e tantas outras pessoas importantes cujas críticas aos descaminhos do Brasil não encontram eco em outros canais. Força, Nassif, Lourdes e equipe do GGN, força.
    Túlio Muniz, Professor Adjunto da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará (UFC). Graduação e Mestrado em História (UFC) e Doutorado na Área de Sociologia (Univ. Coimbra). Jornalista Profissional. Há anos colabora com o GGN.

  4. LUIS NASSIF, VC NÃO ESTÁ SOZINHO, SUA LUTA NÃO SERÁ EM VÃO. NO FINAL A VERDADE PREVALECERÁ. OBRIGADO PELAS INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS. CLEIDENALDO

  5. E por acaso o país teria chegado ao caos que chegou sem a absoluta injustiça promovida diariamente pelo judiciário? É uma entidade que serve para blindar interesse de rico, tão somente. Uma pena. Temos de ter medo, os honestos, porque os bandidos estão à solta e mais à vontade do que nunca.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome