Dallagnol é processado por ofensas a 3 ministros do Supremo

Conselho Nacional do Ministério Público decidiu abrir processo administrativo disciplinar contra o procurador da Lava Jato, que disse que 3 ministros do STF formam "panelinha" a favor da corrupção

Jornal GGN – O procurador da Lava Jato em Curitiba Deltan Dallagnol virou, nesta terça (23), protagonista de um processo administrativo disciplinar por ter chamado os ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, de “panelinha que manda uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção”.

O processo foi instaurado, segundo informações do Painel da Folha de S. Paulo, pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), por 10 votos contra quatro.

Em entrevista à CBN, Dallagnol disse: “Os três mesmos de sempre do Supremo Tribunal Federal que tiram tudo de Curitiba e que mandam tudo para a Justiça Eleitoral e que dão sempre os habeas corpus, que estão sempre formando uma panelinha assim que manda uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção.”

E acrescentou: “Eu não estou dizendo que estão mal-intencionados nem nada, estou dizendo que objetivamente a mensagem que as decisões mandam é de leniência.”

17 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sonia

- 2019-04-24 14:24:24

Demorou muito! Já devia ter sido processado há mais tempo! Vamos ver se esse CNMP é mais eficaz do que o CNJ que há tempo abriu procedimento contra aquela desembargadora destrambelhada que atacou Boulos, Jean Willis e outros e não vimos nada acontecer contra ela!

euclides de oliveira pinto neto

- 2019-04-24 14:03:25

Aproveitando o ensejo: onde estão os R$ 2,5 bilhões que estava no nome do agente da CIA travestido de prucurador ? E os R$ 8,5 extorquido da ODEBRECHT ? Ninguém toca no assunto... daqui a pouco vão dar um "perdido" nessa grana... ninguém sabe, ninguém viu...

- 2019-04-24 12:48:53

Acho que tudo isto só terá um fim quando resgatarmos o país de novo. Quando isto ocorrer não será tão dificil encontrar provas, afinal eles ficaram tão confiantes que fizeram todos os abusos possíveis na cara dura. Sequer tiveram o cuidado de apagar os rastros. A tal fundação de 2.5 meio bilhão de dolares , a industria da delação premiada, é tudo tão escancarado quanto as mentiras do jornalismo da globo. Como já disse em outro comentário é fundamental se fazer um memorial onde se registra cada um dos abusos cometidos durante todos estes anos.

Rui Ribeiro

- 2019-04-24 10:19:10

Por falar em corrupção, quem sabe cadê o Queiroz, o Temer e o Aécio Neves? O Dallagnol sabe do paradeiro de algum desses Senhores? Se não sabe, é porque há provas dos crimes cometidos. Se não tivessem provas dos crimes cometidos, o Dallagnol teria convicção e saberia do paradeiro deles.

Carlos Elisio

- 2019-04-24 09:02:28

Vovó já ensinava que "panela só é ruim para quem está no cabo" E parece que este sentimento nao pertence apenas ao procurador aloprado ja tem gente cavando... https://www.jb.com.br/pais/2019/04/996524-ser-nomeado-para-o-supremo-seria-como-ganhar-na-loteria--afirma-moro.html

Jorge

- 2019-04-24 07:46:03

O mesmo processo esta acontecendo com o procurador dalagnol foi com o delegado federal protogenes queiroz, ao querer livar esse país da desgraça da corrupção, em vez de cassarem os verdadeiros bandidos PT, PMDB, PCdoB, cassam um promotor de justiça eita brasil, intervenção militar já.

Luiz Carlos P. Oliveira

- 2019-04-24 07:33:22

Essa zona só será desfeita quando (e se) o MP resolver ouvir o que o Tacla Duran tem a dizer sobre a indústria das delações na República Bananeira de Curitiba, agora com sucursal em Brasília.

Rui Ribeiro

- 2019-04-24 07:15:49

E o Prucurador Diogo Castor de Mattos, que chamou uma das Turmas do $TF de Turma do Abafa? Vai ficar por isso mesmo?

+almeida

- 2019-04-23 20:46:49

Saiu muito barato para ele. Mas, pelo tamanho da sua ganância por poder e verbas de supostos acordos, ainda vai se perder no mar da arrogância e da ambição. Então, à deriva, ele ficará boiando, boiando até sumir em outro mar, o mar insignificante do ostracismo.

AMORAIZA

- 2019-04-23 20:12:29

"Demorô!!!"

Carlos Elisio

- 2019-04-23 19:38:56

Este cidadão sempre foi desmiolado e piorou muito desde o bloqueio dos R$2,5 Bi. Para o bem do judiciário esta figura precisa ser afastada do serviço público.

CARPOA

- 2019-04-23 19:18:58

Um golpista suspeito(alô Tacla Durán) tentando dar lições de moral a chamando "elegantemente " de corruptos a seus superiores hierárquicos,só porque não compactuam com algumas das manobras CRIMINOSAS perpetradas pelo seu grupo.. Este sujeito devería dar explicações sobre o "fundo anti-corrupção",uma ilegalidade,um crime. Todo isso endossado pela juíza cópia/cola hardt ,NINGUÉM IRÁ PROCESSA-LOS?????

republicano arrependido

- 2019-04-23 18:01:15

a resistencia contra os desmandos dos que pretendem aprofundar o estado de exceção deve ser conseguida nas ruas...

Wilson Norberto

- 2019-04-23 18:00:51

Ele se ofendeu. Quando a panela é outra não pode.

Ivan de Union

- 2019-04-23 17:40:53

"Depois, Dallagnol sorriu docemente e acrescentou: "Jeh zuis salva!"" Zi end...

- 2019-04-23 17:33:34

o stf tem que prender a quadrilha de curitiba por utilização ilegal e criminosa de mais de 10,5 bilhões de valores da União

Arthemisia

- 2019-04-23 17:23:13

Processado por ferir a honra de ministros, não pelos crimes que cometeu. Para mim não significa nada.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador