Dodge recebe relatório sobre morte de Marielle Franco

PGR quer investigação sobre tentativa de obstruir as investigações. PF deflagrou operação sobre o caso em fevereiro passado

Jornal GGN – A Polícia Federal já encaminhou para a procuradora-geral da República Raquel Dodge o relatório sobre a investigação do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e o motorista Anderson Gomes, que ocorreu há mais de 1 ano e segue sem respostas conclusivas.

Segundo informações do Painel da Folha de S. Paulo desta quinta (23), Dodge exigiu que a Polícia Federal apurasse a “conduta de investigadores do caso, no ano passado, depois de várias evidências de irregularidades.”

Uma operação contra tentativas de obstrução do inquérito foi deflagrada em fevereiro. Um dos alvos da ação era o Domingos Brazão, conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e ex-deputado estadual pelo MDB, que “se queixou de excessos na atuação dos agentes da Polícia Federal.”

“Além dele, os mandados também atingiram o policial militar que virou testemunha-chave do caso, Rodrigo Ferreira; a advogada dele, Camila Moreira Lima Nogueira; um delegado federal que levou o PM até a Polícia Civil, Hélio Khristian; o ex-policial civil Jorge Luiz Fernandes; e o ex-agente da Polícia Federal Gilberto Ribeiro da Costa”, informou a Folha à época da operação.

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Clipping do dia

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome