Justiça penhora imóvel de Ciro para pagar processo de 1999

“Essa condenação vem em boa hora para demonstrar que devem ser mantidos o respeito e a lisura nos debates” eleitorais, diz advogada de Collor

Jornal GGN – Ciro Gomes (PDT) teve um imóvel penhorado para pagar uma dívida judicial contraída após perder um processo por danos morais movida por Fernando Collor. Ciro deve indenizar o ex-presidente por tê-lo chamado de “playboy safado” e “cheirador de cocaína” em uma entrevista, em 1999.

Segundo Mônica Bergamo, a advogada de Collor, Regina Manssur, disse que a execução para pagar a dívida de R$ 400 mil vem em bora hora. “Com o início das eleições, essa condenação vem em boa hora para demonstrar que devem ser mantidos o respeito e a lisura nos debates”, disse ela.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora