Rui Costa vai ao TCU e cobra liberação do Bolsa Família

Para governador da Bahia, comportamento do governo federal é imoral contra os pobres; Nordeste foi menos favorecido em recente direcionamento de recursos

Rui Costa (PT), governador da Bahia. Foto: Reprodução/Wikipedia

Jornal GGN – Uma das principais vozes de oposição contra o governo Jair Bolsonaro no Nordeste, o governador da Bahia, Rui Costa (PT-BA), apresentou uma representação legal  ao Tribunal de Contas da União (TCU) contra os cortes feitos pelo governo federal no programa Bolsa Família.

“Este comportamento (do governo federal) é ilegal, absurdo e, diria, imoral e desrespeitoso com as famílias pobres do Norte e do Nordeste do Brasil”, afirmou, em vídeo publicado em suas redes sociais nesta terça-feira, quando declarou que as famílias mais carentes do Norte e Nordeste têm sido desrespeitadas.

“Todos acompanharam esse absurdo, esse verdadeiro escândalo do governo federal, que está cortando e não cadastrando as pessoas pobres do Norte e do Nordeste que precisam do Bolsa Família para sobreviver”, reclamou, segundo o jornal Folha de São Paulo.

Costa, que também preside o Consórcio Nordeste, ressaltou que a representação formal busca fazer com que as pessoas sejam novamente cadastradas no programa. As famílias do Nordeste, região onde Bolsonaro não venceu nas eleições presidenciais, foram as mais prejudicadas pela recente distribuição de recursos feita pelo governo federal.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Multimídia do dia

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome