fbpx
Início Tags Desemprego

Tag: desemprego

O duro desafio de ser otimista com o emprego, por Luis Nassif

Segundo a Folha, a taxa de desemprego subiu de 13,8% para 14,3% - a maior para o período -, mas a mediana das previsões do mercado apontava para 14,7%.

Desemprego atinge 14,1 milhões no Brasil: confira os dados

A população subutilizada, ou seja, desempregados que não procuraram emprego aumentou 20% em relação ao mesmo período do ano passado.

Últimos pagamentos do auxílio emergencial: “Serão dezenas de milhares de pessoas jogadas na miséria”,...

Além do avanço da covid-19, projeções feitas por diferentes institutos e especialistas apontam para crescimento da inflação e do desemprego no país.

Brasil a um passo de uma tragédia humana anunciada, por Davidson Magalhães

Se não agirmos rápido, corremos o risco iminente de uma mortandade jamais vista em nosso território, provocada pela pandemia.

IBGE: Desemprego bate recorde desde o início da pandemia

A taxa de desocupação chegou em 14,2% em novembro, um aumento de 38,6% em relação a maio, quando iniciou a série histórica da Pnad Covid

Brasil, o cemitério de teorias mortas, por Luis Nassif

Um dos pontos centrais desse coral de mediocridade são os dogmas criados em torno da Lei do Teto e os empecilhos à implementação de políticas anti-cíclicas, de aumento dos gastos públicos para superar a crise.

Corte de auxílio e desemprego maior preocupam analistas

Cenário tende a se complicar no médio prazo, mesmo após o recorde de 14,1% no trimestre até setembro; benefício de R$ 300 afetará dados do quarto trimestre

ESPECIAL GGN: O que os dados de desemprego mostram sobre o Brasil atual

Total de pessoas desocupadas e fora da força de trabalho chega a 14,377 milhões de trabalhadores; subocupação mantém ritmo de crescimento

Na pandemia, desemprego afeta mais os trabalhadores acima de 50 anos, mostra Caged

Trabalhadores acima de 50 anos estão com mais dificuldade de conseguir um emprego do que os jovens. Admissões de pessoas com mais idade estão 70% da média dos últimos sete anos, para o mês de setembro

A Armadilha da Pobreza: inflação e recuperação econômica, por André Roncaglia

Anos de crise econômica, com elevação do desemprego e avanço do subemprego nesta nova economia do sonho liberal, em que cada um tem a oportunidade de enfrentar em “pé de igualdade” a loteria do mercado.

A extrema fragilidade do mercado de trabalho, por Luis Nassif

A recuperação da economia via emprego será difícil. Nas últimas semanas, houve alguma recuperação em alguns setores da indústria, mas em número insuficiente para uma reversão mínima do mercado.

Óleo de cozinha aumenta 62% no ano e pressiona renda dos mais pobres e...

Só em setembro, os reajustes foram de 39,62% em Natal, 36,18% em Goiânia, 33,97% em Recife, 33,86% em João Pessoa, e 32,21% em São Paulo

Desempregados são as principais vítimas da Covid-19 em São Paulo

Segundo inquérito sorológico, 26,1% das pessoas sem emprego foram infectadas pela doença

Massa de rendimentos das famílias encolhe R$ 61,4 bilhões desde janeiro, por Lauro Veiga Filho

Perdas de renda no mercado de trabalho têm sido muito mais severas agora do que durante a recessão de 2015 e 2016, sugerindo uma propensão ao consumo muito mais baixa daqui em diante

Desemprego no Brasil bate recorde histórico, aponta IBGE

A taxa de desocupação no Brasil ficou em 13,8%, no trimestre de maio a julho de 2020. O percentual representa a maior taxa da série histórica, que começou em 2012

13 milhões de brasileiros estavam desocupados na primeira semana de setembro

Taxa de desocupação segue estável em 13,7%, segundo dados do IBGE; 4,2% da população estava afastada por conta do distanciamento social

População desocupada cresce e chega a 13,7 milhões de pessoas na pandemia

A população desocupada (13,7 milhões de pessoas) e a taxa de desocupação (14,3%) cresceram frente à semana anterior (12,6 milhões e 13,2%, respectivamente)

Excluídos Raivosos versus Elite Esnobe, por Fernando Nogueira da Costa

O clima de frustração de “jovens brancos raivosos”, por estarem desempregados e com baixa autoestima, é semelhante àquele acontecido após a Crise de 1929. Agora, é capaz de dar a um líder populista de direita a condução em direção ao neofascismo.

Número de desalentados sobe 19,1% no segundo trimestre

Taxa de informalidade ficou em 36,9% da população ocupada; 2,5 milhões de pessoas desocupadas estavam procurando trabalho há mais de dois anos

Direitos autorais para o congresso: o bom desempenho do CAGED não é obra de...

Ora, todos sabem que, se dependesse de Bolsonaro e Guedes, o auxílio seria de apenas 200 reais e os trabalhadores seriam mandados para casa sem salários

Mais comentados

Últimas notícias