Revista GGN

Assine

Eduardo Cunha e os múltiplos focos de poder

Vem de todos os lados os que pavimentam os degraus que Eduardo Cunha usa para galgar postos mais elevados. Do segmento evangélico, das empresas do setor de mineração, planos de saúde, construção, telefonia, veículos tradicionais de comunicação. Até juízes federais são representados pelo deputado

Jornal GGN - Relações de poder que levam o carimbo de fisiologistas envolvem, em geral, tomada de decisões em busca de benefícios a interesses privados. Na política, é um fenômeno que não se restringe a um dos Poderes, mas se sobressai no Parlamento. Partidos e políticos ganham caráter fisiologista, por exemplo, quando oferecem apoio a qualquer governo em troca de cargos de primeiro e segundo escalão na máquina pública.

Eduardo Cunha não sairia do nada para chegar onde está hoje se tivesse se limitado ao fisiologismo tupiniquim tradicional. Mais próximo de um modelo americanizado de fazer política, o atual presidente da Câmara dos Deputados não está esperando ser agraciado pela Presidência com uma cota de ministros de sua predileção para depois desfrutar de influência e poder em Brasília.

Leia mais: Para entender o fenômeno Eduardo Cunha, por Luis Nassif

Não é à toa que o deputado fluminense é comparado ao protagonista de House Of Cards, Frank Underwood. Na visão do congressista ambicioso do seriado, para ser bem sucedido na política é preciso diferenciar poder de dinheiro. “O dinheiro é a McMansion [termo pejorativo para casa super luxuosa que destoa do resto da vizinhança] em Sarasota [cidadezinha da Flórida] que começa a desmoronar depois de dez anos. O poder é o antigo edifício de pedra que fica por séculos. Não posso respeitar alguém que não vê a diferença”, explica Underwood, que despreza e descarta políticos que “pensam pequeno”.

O diferencial de Cunha, que certamente não pensa pequeno, talvez seja exatamente a força motriz de sua ascensão desenfreada: a elaboração constante de um mapa próprio do poder.

Ao longo dos anos, Cunha aprendeu a identificar focos de interesses que ele pode representar em troca de créditos para colher e distribuir entre aliados. Isso ampliou generosamente o leque de agentes envolvidos nas negociatas. A trama excedeu a circunscrição de chefes do Executivo e caciques partidários.

Mapeando os focos de poder

Vem de todos os lados os que pavimentam os degraus que Eduardo Cunha usa para atingir postos mais elevados. Do segmento evangélico, das empresas do setor de mineração, planos de saúde, construção, telefonia, grupos de comunicação, juízes federais.

No início dos anos 1990, quando o ex-collorido foi alçado à presidência da Telerj (operadora de telefonia do Rio de Janeiro) pelas mãos de PC Farias, um parceiro de destaque era o Grupo Globo.

À época, Cunha tinha virado alvo da Folha de S. Paulo em função de um imbróglio envolvendo uma licitação para a produção e comercialização das listas telefônicas do Rio. O jornal denunciou que os editais restringiam a participação de algumas empresas e, consequentemente, favorecia outras. Caso da Listel, do grupo Abril.

O desgaste cresceu a ponto de o presidente da Telebras iniciar pessoalmente uma movimentação para tirar Cunha da Telerj. Mas este último não ficou de braços cruzados. Ligou para uma série de empresários e políticos aliados que enviaram ao Ministério das Comunicações uma mensagem de insatisfação quanto a possíveis mudanças na Telerj. Segundo o jornalista Janio de Freitas, o Grupo Globo estava por trás da nomeação de Hugo Napoleão para o Ministério. E o próprio freou a campanha do presidente da Telebras.

"Não sei se essa outra informação ajuda a compreender alguma coisa, mas vamos lá: a concorrência para telefonia celular do Rio foi 'vencida' pela NEC [do Grupo Globo], que depois obteve de Eduardo Cunha um aditivo, mantido em sigilo, que onerou o contrato em US$ 100 mihões", explicou Janio.

Leia mais: O escândalo da Telerj nas capas da Folha de S. Paulo

Anos mais tarde, Cunha usou de sua influência entre políticos evangélicos para chegar à Companhia de Habitação do Rio (Cehab) do governo Anthony Garotinho. Denúncias de favorecimentos a empresas de construção e a relação com outro ex-collorido, o argentido La Salvia, logo renderam manchetes contra Cunha. Foi questão de tempo até ele ser afastado do cargo. Mas não demorou muito para ter novamente sobre si mais holofotes.

Na sequência, ele decidiu comprar briga com o homem forte do governo FHC, o então secretário da Presidência Eduardo Jorge - que chamava Cunha de "persona non grata".

O deputado era acusado de ser autor de um grampo telefônico ilegal que desmascarava as alianças forjadas pelo governo FHC no período. Cunha jogava para derrubar Júlio Carlos Faveret Porto da diretoria financeira do Real Grandeza, fundo de pensão de Furnas, que àquela época controlava um patrimônio de R$ 1 bilhão. Ele reclamava que Eduardo Jorge vetava suas "sugestões" ao Planalto.

Cunha negou as acusações sobre os grampos telefônicos ilegais. Nunca foi condenado por esta ou outra denúncia de corrupção dos anos 1990.

Uma década depois, Lauro Jardim publicou: “O poderoso e polêmico Eduardo Cunha é uma espécie de representante oficial dos interesses da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) na Câmara e em outras esferas governamentais. Recentemente, marcou uma audiência da Ajufe com Sérgio Cabral para que alguns pleitos da entidade fossem apresentados ao governador.”

O pedido de ajuda a Cunha foi feito em 2011 pelo juiz Fabrício Fernandes de Castro. A imprensa destacou que o deputado era “réu em dois processos movidos pela Fazenda Nacional e autor de dez ações, a maioria por calúnia, que tramitam na Justiça Federal Fluminense - ou seja, serão julgadas por juízes federais”, mas que Castro não via problemas em pedir uma mãozinha ao parlamentar.

Leia mais: A incrível capacidade de Cunha de arrecadar fundos para o PMDB

No Congresso, as negociatas de Eduardo Cunha inflaram, entre 2010 e 2014, a arrecadação de campanha do PMDB. A própria Folha escreveu, ano passado, que um “executivo de uma grande empresa” recebeu de Cunha pedidos para “fazer doações a um grupo de 20 a 30 deputados, a maior parte do Rio, de Minas Gerais e do Nordeste." "Foi assim que montou uma cadeia de agradecimentos."

O presidente da Câmara fez lobby para empresas interessadas na votação do Marco Civil da Internet, na MP dos Portos, no Código de Mineração, nas multas que seriam aplicadas a operadoras de planos de saúde, sem negar nenhuma das jogadas. Disse, em uma entrevista recente, que gosta de ouvir as demandas de diversos setores e, se tem condições, tenta representá-los. Que mal haveria?

Eduardo Cunha chegou onde está porque entrega o que promete. E tem por regra própria não prometer o que não pode cumprir.

 

Média: 4.1 (12 votos)
74 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

Dos tempos que a Veja detestava o Cunha

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/tag/furnas/

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

Fundo de pensao da CEDAE

Indicados de Cunha roubaram R$ 300 milhoes

 

http://abdir.jusbrasil.com.br/noticias/1148868/fundo-de-pensao-opoe-pmdb...

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

Fundo de pensao

Indicados de Cunha

"Os deputados Eduardo Cunha e Carlos William, ambos do PMDB-RJ, tentaram evitar que a CPI quebrasse o sigilo do fundo de pensão Prece. Recorreram até ao STF"

 

http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDR72545-6009,00.html

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

Deputado denuncia Cunha na Alerj

sobre os desvios do fundo de pensao da CEDAE e vinculos com as empreiteiras (Delta de Carlinhos Cachoeira)

http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/taqalerj2006.nsf/5d50d39bd976391b8325653...

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

Procurem o Garotinho

ele sabe todos os podres de Cunha, na CEDAE e CEHAB

www.blogdogarotinho.com.br/artigo.aspx?id=18051

 

www.blogdogarotinho.com.br/lartigo.aspx?id=7194

Se precisar tem mais.

 

 

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Anon da Silva
Anon da Silva

para o Dossie - vinculos Furnas e CEDAE

http://noticias.uol.com.br/politica/escandalos-no-congresso/eduardo-cunh...

 

Afilhados de Cunha na CEDAE, epoca do desfalque no fundo de pensao PRece e outros

http://tj-rj.jusbrasil.com.br/noticias/3116126/ex-presidentes-da-cedae-s...

 

Denuncias feitas por deputados na ALERJ

http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/taqalerj2006.nsf/5d50d39bd976391b8325653...

 

Vinculos PRece e outros com cunha

http://oglobo.globo.com/politica/eduardo-cunha-lucio-funaro-lutero-de-ca...

Seu voto: Nenhum
imagem de Maria Silva
Maria Silva

Nosso suplicio não tem fim

A velha midia passou de inimiga a aliada desse lobista cinico. Esconderam e escondem tudo sobre ele. Em 2018 ele sera o candidato do PMBD. Que venha. Vai ser deliciosos ver a velha midia descascando esse abacaxi  ... Por que as piores pessoas estão sempre ligadas a algum tipo de religião??? Aqueles que se dizem porta vozes de deus e de Jesus, são os piores dos piores. Parabens Nassif pela sua coragem e determinação em informar sobre este senhor, o presidente da camara federal.   A proposito,o PT ja engoliu muitas cobras e ratazanas nesses 12 anos, mas não conseguiu engolir esse. Então a coisa é muito grave.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Jorge Moraes
Jorge Moraes

Osmar Prado é a arma contra a terceirização de Eduardo Cunha

Informação simples e direta é o que pode derrotar Eduardo Cunha e a terceirização que ele defende. O povo precisa ouvir isso:

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Vídeo Terceirização

Repassei o vídeo aos meus amigos das redes sociais. Acredito que a maioria não sabe do que se trata, quanto mais quem é o Sr. Eduardo Cunha.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de MacCain
MacCain

Eleição no Brasil... Tem

Eleição no Brasil... Tem gente que ainda acredita que o povo vota... STF já!

Seu voto: Nenhum
imagem de cleomar vivian
cleomar vivian

A cabeça da vibora será crtada #foracunha

Estou Tranquilão, vou explicar, o Ministro Lewandowski, já deu o sinal, no STF os trabalhadores são bem vindos, logo só está faltando o Ministro Teori Zavascki, denunciar o crápula do #foracunha, logo teremos uma serpente sem cabeça, e os restantes ficarão perdidos, logo, o congresso terá que se adequar......move-te Teori....

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de cleomar vivian
cleomar vivian

A cabeça da vibora será crtada #foracunha

Estou Tranquilão, vou explicar, o Ministro Lewandowski, já deu o sinal, no STF os trabalhadores são bem vindos, logo só está faltando o Ministro Teori Zavascki, denunciar o crápula do #foracunha, logo teremos uma serpente sem cabeça, e os restantes ficarão perdidos, logo, o congresso terá que se adequar......move-te Teori....

Seu voto: Nenhum
imagem de zegrilo
zegrilo

Mas virá o imponderável da

Mas virá o imponderável da silva. É inevitável. O imponderável da silva sempre aparece.

E vai acabar com a carreira do anão...

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Ze Guimarães
Ze Guimarães

Quem é o adversário

Este episódio da terceirização só confirmou algo que eu já sabia. As pessoas acham que o partido mais de direita do país é o PSDB, mas não. No caso o maior representante da elite direitista é o PMDB.

E são mais perigosos ainda, pois se camuflam sob a bandeira de "base aliada". Votaram contra a PEC da escravidão, a favor do novo código "florestal", agora a favor da terceirização.

 

O maior culpado de tudo isto é o eleitor, que a cada quatro anos, permite, endossa que o PMDB continue sendo o maior partido brasileiro em número de deputados no congresso.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Eduardo Cunha

Essa história e a ascensão política desse senhor, me lembra um outro chamado Adolfo nos idos dos anos 30/40 do século passado na Alemanha.

As atividades do partido de Adolfo, inluía, desde assassinatos, à lavagem cerebral profunda, com discursos eloquentes de salvação.

A juventude foi uma de suas mais importantes vítimas.

Nas escolas, a juventude ouvia todo dia que o chefe era bom, queria o bem de todos, defendia uma causa coletiva, e as pessoas se deixaram levar pela maior e mais espetacular lavagem cerebral que o ocidente já presenciou.

A lavagem cerebral era tanta, que jovens eram instigados a perseguir senhoras judias em praça pública e nas ruas da cidade.

Disitntas senhoras, tinham suas roupas arrancadas do corpo e eram perseguidas e agredidas pelas ruas da cidade até desfalecer e receber o golpe fatal.

As pessoas achavam aquilo esses assassinatos públicos naturais.  Elas agiam conforme o discurso do ódio que, cuidadosamente , era incutido nas suas cabeças pela ideologia nazista,

Adolfo, que foi o arquiteto e o responsável por uma das mais cruéis passagens da história da Europa, também ascendeu ao poder na base do fisiologismo, dos acordos secretos, das barganhas políticas.

Usou uma arma poderosa, a idelogia que desaguou na crença cega de milhões de alemães, infelizmente, entre estes, grande quantidade de jovens.

Quando os alemães perceberam, o monstro já estava em ação.

Adolfo criou, centenas de campos de concentração, onde prendeu, torturou,matou de fome e assassinou cerca de 6 milhões de pessoas.

São muitas as semelhanças. São poucas as diferenças?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

De la pra ca

Ah, cucunha (empretado do Aldir Blanc), ainda vamos ouvir/falar muito em você, pelo jeito. Mas o qual sera seu destino?Derrubara todos os peões e chegara ao seu xanadu ou, como Severino, caiara em suas proprias teias... O mundo é um moinho.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Vendilhões do Templo: inimigos declarados de Jesus

Vendilhões da : "amigos do Templo" que vendem Leis em nome de Jesus"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Política monetária: aquilo que o Estado faz em benefício do povo

Monetarismo político: venda de novas Leis aos patrões na "

Seu voto: Nenhum (3 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Ditadura: regime em que a é penetrada pelos patrões

Democracia: regime em que os Deputados são penetrados pelos empregados"

Seu voto: Nenhum (3 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Remissão: perdão da dívida pelo credor

Terceirização: pagamento da dívida que os membros da tinham com seus patrocinadores"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Política: arte realizada no espaço comum criado por pessoas desiguais

Polititica: guerra de classes contra o povo feita pela "

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Pinzon: Vicente Yáñez, achou o Brasil antes de Cabral

Cunha: Eduardo C. da, cabra safado que abusou do povo e do Brasil na "

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Judeu: adepto do judaísmo

Já deu: deputado eleito que na cumpre o contrato pré-eleitoral que firmou com seu patrocinador"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Ética: deriva do grego "ethos" (caráter, modo de ser de uma pessoa)

Lei ética: aprovar PL tal como foi vendido aos patrões"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Corrupto: político que aceita suborno antes, durante e depois das eleições

: covil onde os corruptos são comprados e vendidos"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Câmara Republicana: coisa comum; de todos, operários e patrões: privada onde somente os patrões defecam as leis que desejam"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Moralidade: pedir voto ao povo para representar o povo

Mafiosidade: representar os patrões após ter pedir voto aos trabalhadores"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Democracia: legislar tendo em vista o bem comum

Demagogia: a , eleita pelo voto do povo, vender Leis benéficas só aos patrões"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Filosofia da miséria: Eduardo Cunha dissertando sobre justiça social

Miséria da filosofia: a legalizando a injustiça laboral"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Pragmatismo: a reconhecer que não pode governar contra o povo

Pragmonetismo: Deputados vendidos antes e depois das eleições"

Seu voto: Nenhum (5 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

 

"Populismo: os representantes do povo cuidarem dos interesses do povo

Copulismo: a prejudicar o povo em benefício dos patrões"

Seu voto: Nenhum (3 votos)

É possível explicar as

É possível explicar as desventuras da política brasileira num único Twitter:

"Representação: o povo terceiriza sua soberania popular

Terceirização: a abusa do poder do povo p/ ser popular com os patrões"

 

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Elizabeth S. Pretel
Elizabeth S. Pretel

Por que será que a maioria do

Por que será que a maioria do congresso "está de joelhos" para o cunha????? É só ver políticos de vários partidos e partidinhos, parabenizando o deputado pelas pautas que está colocando para votação. Acho que deve ser porque cunha é uma pessoa boníssima, que "pensa somente no bem estar do povo brasileiro"; sempre contra os poderosos,  (tefefonia, planos de saúde, bancos, empreiteiras, indústrias, etc. etc. etc.), ou seja, um líder, SEM NENHUM TIPO DE INTERESSE. (acredita nisso quem não quer ver). 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

O DONO DO MUNDO

DONO da RÁDIO MELODIA a maior rádio EVANGÉLICA.

DONO de "JESUS" em  288 sites.

DONO de uma vasta lista de CORRUPÇÕES e de todo tipo de TRÁFICO e CRIMES.

DONO de uma LÁBIA e de uma ESPERTEZA sem igual.

LOBISTA de MÃO CHEIA e BOLSO também...

DONO da maioria dos partidos do baixo clero e de todos os parlamentares venais.

DONO de boa parte da bancada evangélica.

Um dos MAIORES VENDILHÕES do TEMPLO, do CONGRESSO e de tudo que lhe cai em mãos... SUJAS. 

É também por baixo dos panos, pois a mesma está em nome de um ex sócio.

DONO da tal CASA AMARELA, onde foi entregue em seu nome, uma "respeitável" quantia de PROPINA da OPERAÇÃO TUCANALHA LAVA-JATO.

Se não tiver pacto com o DIABO e ou com os TUCANOS MORISTAS, pois com a GLOBO sei que tem.

.E se não for também um dos DONOS da JUSTIÇA.

Será com certeza, um dos DOS DONOS do SPA da PAPUDA.

PCC QUE SE CUIDE!!!

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

SILOÉ-RJ

Numa linguagem bem simplória,

Numa linguagem bem simplória, não é possível o mal prosperar.

O mal sempre perde ou morre no fianal do filme.

Eu creio nisso.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Estou de saco cheio por tudo que vem acontecendo no país, e nós democratas, não fazemos nada.

Eu inclusive. Parece que estamos todos anestesiados, que fomos dopados. Mas essa lombra vai passar e vamos acordar.

Eu creio !!!

gAS

imagem de lybra
lybra

E quem disse que os

E quem disse que os paneleiros estão preocupados com a CLT?  Eles não devem depender de um emprego e caso queiram algum bom cargo público,  isto lhes será faciitado como sempre foi por vias "políticas". Quanto ao povão, a maioria sabe apenas o que a Globo informa, sabe da Lava Jato , mas do modo como a Globo informa, afora isso, ignoram os sonegadores do HSBC e outras coisas mais que não são divulgadas.  Dessa forma, sim, não duvido que , quando a coisa estourar nas costas do povão, isso seja creditado ao governo federal.  Muito fácil, já fizeram o mesmo com Getúlio, mas hoje estamos em outro momento e Dilma já disse que não é Getúlio nem Jango.  Espero que ela pelo menos termine o mandato.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de lybra
lybra

E quem disse que os

E quem disse que os paneleiros estão preocupados com a CLT?  Eles não devem depender de um emprego e caso queiram algum bom cargo público,  isto lhes será faciitado como sempre foi por vias "políticas". Quanto ao povão, a maioria sabe apenas o que a Globo informa, sabe da Lava Jato , mas do modo como a Globo informa, afora isso, ignoram os sonegadores do HSBC e outras coisas mais que não são divulgadas.  Dessa forma, sim, não duvido que , quando a coisa estourar nas costas do povão, isso seja creditado ao governo federal.  Muito fácil, já fizeram o mesmo com Getúlio, mas hoje estamos em outro momento e Dilma já disse que não é Getúlio nem Jango.  Espero que ela pelo menos termine o mandato.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Eliane Ribeiro
Eliane Ribeiro

Nassif,Temos que ser justos

Nassif,Temos que ser justos com a Dilma.a melhor coisa que ela fez foi não ter sedido e apoiado esse camarada,no pleito da presidencia da Camara.podem chamar de governo fraco,burrice politica,mas ela manteve a dignidade.esse cara não desce.e dou um braço, que caso ela o tivesse apoiado as manchetes seriam inversas "Dilma entrega a presidencia da camara para um suspeito de envolvimento na lava ajato".

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Marcus Lima
Marcus Lima

As arapucas do modelo país construído pela ditadura

O Brasil ainda paga, e caro, o custo de um modelo de sociedade e   político arquitetado por uma Ditadura Empresarial Militar. Pense-se nas telecomunicações como um exemplo bem acabado disso: baseada numa legislação que visou a concentração, a formação de fortes oligopólios, a concessão arbitrária de meios de comunicação na mão de políticos. Propriedade cruzada, de rádios, televisões e jornais, e a construção de uma imprensa subordinada aos grandes poderes políticos regionais: como Sarney e  o clã dos Magalhães, parte integrante, servida e servindo ao sistema de exercício do poder político vigente. Pensar, portanto, no ocaso da Globo  como libertação do país é esquecer: que temos um modelo de mídia, que mesmo sem a Globo como principal network, está consolidado em torno do oligopólio, de leis que impedem a concorrência,  pulverização de mercado e pluralidade que viria dessa pulverização; de um modelo de conteúdo pobre, e da própria consciência da mídia desse modelo como instrumento de poder. Um importante ps: tão ruim quanto a Globo e seu projeto neoliberal de país, seria a Record, e seu projeto Teocrata Fundamentalista de país. Para isso, cabe uma assombrosa observação: a tosca e constrangedoramente ruim novela “ Gospel” da Record, mesmo diante de sua tosquice, de sua produção que mais parece a filmagem de um baile de carnaval, arrebanha ( e é bem esse o termo) 13 pontos no Ibope. 13.

Quanto ao modelo Político, o fisiologismo gestado na Ditadura militar, a promiscuidade entre o estado e os interesses privados dos grandes grupos econômicos, que inclusive tem influência decisiva na idealização e implantação da Ditadura ( por isso empresarial, e não só militar),  é mãe de nossos problemas políticos. A formação de MDB  como um ajuntamento de políticos anti stablishment , é base disso. Nasce como um conjunto heterogêneo, sem projeto próprio, sem unidade de ideias. E é embrião da principal força política da democracia no seu formato atual, o presidencialismo de coalizão: um partido que tem entre os seus Eduardo Cunha e Roberto Requião. Um partido heterogêneo, grande, e cuja ausência de projetos é a mãe de seu principal projeto: ser, por seu gigantismo, a base parlamentar de qualquer governo, estar ao lado do poder, servindo-se dele, não para a defesa de uma bandeira, de um modelo: que afinal não tem. Apenas para a desefa do poder e interesses de seus caciques.  Replicam esse modelo, partidos como PROS, PSD e outros: que no fundo são balcões de negociação, que não tem bandeiras ou projetos claros para o país. São apenas negociantes de seu poder e influência em troca de cargos.  O câncer do país, e de qualquer projeto país, é esse modelo político: cuja capacidade de espoliar o herário é a mesma de tolir as iniciativas de progresso real, antepondo aos projetos país, as castrações advindas da sede por poder pelo poder.  O pedágio da governabilidade será cobrado de todo e qualquer partido que ascenda ao poder,  mutilando os projeto que tenha: seja ele o do PT, com seu foco em estado de bem estar social, inclusão pelo consumo, acesso a educação; seja ele o do PSDB, com foco em redução do estado, e uma vertente mais conservadora.  O PMDB, e seus iguais, construíram uma política que é de fato esquizofrênica: pluripartidária em número de partidos, bi partidária em número de projetos de país. O pluripartidarismo a brasileira é só isso: um sequestro da capacidade de um partido eleito, do Presidente eleito, de governar em torno de um projeto consagrado pelo voto:  substituindo a negociação legítima, em torno de ideais, pela negociação fisiológica, que busca o poder pelo poder apenas.  

Capítulo emblemático, é o da reforma política e da posição do citado. A nossa democracia, podemos concluir, é um teatro, um simulacro. O congresso deveria ser a representação da pluralidade de interesses da sociedade, e o embate desses interesses a construir grandes consensos de ideias. Ao invés disso, o embate se dá pelo poder, pelo espaço. Esse embate se dá no contexto da promiscuidade entre o público e o privado:  como vemos agora, no caso da Petrobrás, a aliança entre políticos e agentes privados, com o fim de surrupiar o erário. Com fins diversos a aliança: para políticos, o dinheiro necessário para se manterem no poder. Para empresas, a capacidade de aumentar seus lucros e ganho para além do justo e razoável.  Lembre-se, no entanto: começa-se no financiamento privado de campanha. Quanto custa, nos moldes atuais, eleger um deputado? As empresas que os financiam, eles, os senadores, até os presidenciáveis, os fizeram “ sem amarras”?  Ou lobistas baterão as portas cobrando?  A  deformação da política nacional nasce aí: não há possibilidade de poder sem alianças fortes no setor privado, que financiam caras campanhas_ e o que teremos é um congresso que já se elege devendo favores. E Eduardo Cunha? Defender o financiamento privado, de forma quase cínica, mostra de quem falamos.

Prefiro comentar o sistema do que o indivíduo.  Eduardo Cunha é apenas um indivíduo. Entende o sistema, se vale dele. Goste-se ou não de Lula e do PT, o PT se valeu do sistema. Fez alianças,  e operou dentro de um sistema político regido pela fisiologia, cedendo diante da governabilidade. O fez com vistas de um projeto de país. Projeto que tem virtudes e defeitos: inclusão, acesso a educação, redução da pobreza, as virtudes;  uma modernização que não mudou a estrutura política, que agora engole o projeto, o defeito.  Agora, pergunto: tivesse o PT se movido com a sanha do reformismo, teríamos o que temos hoje? Teríamos PROUNI, mais universidades, minha casa minha vida, redução da pobreza, com um PT combatendo a estrutura de poder vigente para reforma-la? Quem financiaria um projeto de reforma: seria a mídia que não o quer, a iniciativa privada e os grandes grupos econômicos, que movem a democracia de acordo com seus interesses? Teria mesmo, sido eleito? Entendo quando Nassif diz de Lula ser estadista. Compreendeu o funcionamento do estado, inclusive nos seus vícios, para implementar seu projeto de país:  não se perdeu de vista o projeto de país. Não ter reformado a estrutura política, no entanto, agora põe em risco esse projeto e seus frutos concretos: mas é preciso ponderar que um Lula reformador não teria sido eleito, ou passado do primeiro ano de governo. Real polítik é isso: conviver como essa noção enquanto cidadão  assusta e entristece.  Mas é a realidade que temos: e negá-la tem servido aos ingênuos ou mal intencionados.  

E Eduardo Cunha? Dele, se vê  outra coisa: compreende o funcionamento do estado, muito bem. Se vale dele, de forma exemplar.  Mas pelo poder. Seu projeto é esse: o poder.  Assustador, para quem realmente acompanha política, não é esse fato: esse afinal é o perfil da maior parte de nossos políticos. Assustador é que o faça com altíssima eficácia e eficiência: não vista nos seus pares. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Excelente, Marcus...

Belo texto.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Viver é afinar um instrumento...

Penso que não

O Cunha não têm estas capacidades todas, é o instrumento da vêz dos reais donos do poder.

Um inocente útil, que vai acabar acabando com a sociedade onde ele quer fazer bonito e aparecer.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Follow the money, follow the power.

imagem de Manoel Vieira
Manoel Vieira

A culpa é da Globo. Durante o

A culpa é da Globo. Durante o ano eleitoral de 2014 a Globo, junto com seus aliados, engrossou a  gritaria contra o PT e o Governo. Criou escândalos, manipulou seus jornais com mentiras e encheu de  ódio os eleitores contra os partidos de esquerda nas vésperas da eleição. Qualquer candidato a  deputado que aparecia na TV falando mal do Governo recebia milhares de votos. O resultado? O  CONGRESSO MAIS CONSERVADOR E RETRÓGADO DA HISTÓRIA. O PSD é o pior partido de todos, pois é um ninho  de ex-deputados do DEM e PSDB e hoje finge que é aliado. O resultado está nesta votação: 100% votou  contra o governo. A letra S na sigla não tem nada de social, aliás, cuidado! As letras das legendas  desses novos partidos não querem dizer mais nada. E a Globo manipulou o povo para eleger deputados  que trabalham contra o próprio povo. O estrago está feito. É por isso que não adianta combater os  políticos temos que COMBATER A GLOBO!

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Fernando Bento
Fernando Bento

Ótimo. Enfim temos uma

Ótimo. Enfim temos uma análise não personalista sobre a ascenção de Cunha, focada nas relações de poder, e sem recorrer a tintas moralizantes para caracterizar a personagem. Precisamos de mais análises deste tipo, distante das limitadas explicações carregadas de Schumpeterianismos. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Bruney
Bruney

Picareta

Bem que o Cid Gomes disse que na Câmara dos Deputados havia cerca de 300 PICARETAS...

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Lula falou dos 300 picaretas

Lula falou dos 300 picaretas ( deu até música ). Cid Gomes falou em achacadores , não sei quantos mas são muitos, segundo ele.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de oneide
oneide

Pensei que fosse o Lula.

Pensei que fosse o Lula.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Trabalhando tanto assim deve estar rico

Ou será que é pró-bono seus patrocínios.

Ele leva uma vida morigerada?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Follow the money, follow the power.

imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

E o Governo, por não dispor

E o Governo, por não dispor de articulação mínima no judiciário e na PGR não consegue derrubá-lo.

É isso que dá não exercer o Poder que lhe é devido.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Marino Cll
Marino Cll

Concordo com a análise, mas

Concordo com a análise, mas isso não quer dizer que o hoemezinho (minúsculo, mesmo, em relação à pessoa) vá efetivamente sentar-se na cadeira da presidência. Antes, ele precisa combinar conosco, e, no meu caso, meu apoio e voto não se vende. Muita água vai rolar por debaixo da ponte e numa dessas enchentes da vida o homenzinho, quem sabe, será tragado por algum escoadouro voraz. Como ele gosta de afirmar o "poder de Deus" na condição de pastor, a vontade divina é insondável e na política vige o poder dos homens, imperfeitos, gananciosos e jogadores muitas vezes sem escrupulos. Não dá para o homenzinho controlar tudo e sempre.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

E o impressionante é que seu

E o impressionante é que seu nome apareceu na lista do Janot, e não teve efeito algum. Seu poder continua aumentando. A hipocrisia no "House of cards" fica nas entrelinhas, aqui é escancarada. E olha que o pessoal não "aguenta mais corrupção". 

O espetáculo do moralismo obtuso está atingindo seu ápice, Nassif

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Juliano Santos

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.