Comissão do Senado aprova fim do foro privilegiado para todos, inclusive juízes

Foto: Agência Senado
 
Jornal GGN – Dois fatores fizeram a Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovar, em caráter emergencial, o fim do foro privilegiado para todas as autoridades do País, nesta quarta (26). Primeiro, ter uma pauta que dispute a crítica da mídia com a lei de abuso de autoridade e, em segundo e mais importante, arrastar a magistratura para o bojo do fim do foro.
 
O projeto, segundo senadores, extingue o foro especial para todas as autoridades em crime comum, com exceções dos presidentes da República, Câmara, Senado e Supremo Tribunal Federal, que seriam os únicos que não passariam a ser julgados na primeira instância.
 
Randolfe Rodrigues, da Rede, explicou que cada político será julgado, em caso de crime comum, pelo juiz de sua localidade. Ou, em casos como a Lava Jato, que é uma investigação mais ampla, o processo segue para a Vara responsável. A explicação de Rodrigues foi feita após o senador Aécio Neves (PSDB) questionar quem teria competência para investigar governadores envolvidos com corrupção, se não mais o Superior Tribunal de Justiça.
 
A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) foi acelerada para ser concluída antes que o Supremo julgue uma ação sobre foro privilegiado e acabe com esse expediente apenas para a classe política, poupando a magistratura.
 
“Essa questão está sendo cobrada verdadeiramente pela sociedade, então aproveitamos a oportunidade para acabar com o foro especial para todos os poderes”, disse Renan Calheiros.
 
A expectativa é de que, assim como a lei de abuso de autoridade, o fim do foro seja votado no plenário do Senado ainda nesta quarta (26).
 
Assine

8 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Andre Araujo

- 2017-04-27 02:40:38

O projeto NÃO está em regime

O projeto NÃO está em regime de urgencia, vai entrar na fila para votação em plenario, pode levar seis meses ou mais.

Henrique Barros

- 2017-04-26 23:02:41

Sério que o Juiz vai ser

Sério que o Juiz vai ser julgado pelo camarada que ele deve encontrar toda semana em happy hours e encontro de família?

Aiaiai

MarFig

- 2017-04-26 21:28:14

O judiciário inteiro é foro

O judiciário inteiro é foro privilegiado para tucanos e piguentos. Essa lei não vai mudar absolutamente nada.

MarFig

- 2017-04-26 21:25:03

Quem precisa de foro privilegiado?

jose carlos vieira filho

- 2017-04-26 20:49:37

rir

vão continuar rindo.

ora! quem vai julgar os abusos de autoridade? as próprias abusadas autoridades.

Adair A. Barros

- 2017-04-26 20:37:25

E ao fundo, o senador

                       Meu caro, a cara dele simplesmente reflete sua certeza de que é blindado pela justiça. Por acaso, você já está sabendo da suspensão do depoimento do Aécio à PF, pelo seu grande amigo Gilmar Mendes? Pois é, com ele acontecerá o mesmo, duvida?

adroaldo lima linhares

- 2017-04-26 19:54:52

DITADURA JURÍDICA MIDIÁTICA 2016

O que o povo quer é o fim da ditadura e da blindagem dos demotucanos peemedebistas golpistas criminosos corruptos!

E cadeia para todos, começando pelo fernando henrique cardoso e seus mais chegados!

Resultado de imagem para fernando henrique cardoso alckmin serra aecioResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagensResultado de imagem para fhc gilmar mendes imagens

Guilherme Souto

- 2017-04-26 19:47:03

E ao fundo, o senador

E ao fundo, o senador mineiro,  Antônio Anastásia, com a maior cara de despreocupado. Aliás, está a sorrir !...

Nem sei se passa pela moderação... Que me desculpem o mal humor, mas vão todos à pqp!

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador