4 ministros do Supremo “deram de ombros” à decisão da ONU, diz jornal

Jornal GGN – O Painel da Folha deste sábado (18) afirma que ouviu, em off, 4 ministros do Supremo Tribunal Federal sobre a decisão do Comitê da ONU que determinou ao Brasil a participação de Lula na eleição, e eles teriam afirmado que a tendência é a Corte ignorar a liminar. Mesmo diante da existência de um Pacto Internacional por Direitos Civis e Políticos do qual o Brasil é signatário, os magistrados “deram de ombros” para o compromisso de cumprir com as obrigações internacionais.
 
Na sexta (17), o Comitê de Direitos Humanos da ONU, no âmbito do processo que Lula move internacionalmente contra os abusos da Lava Jato, conferiu ao petista uma liminar para que ele tenha direito a concorrer às eleições mesmo que preso em Curitiba. 
 
A imprensa tratou a decisão como assunto menor e o governo Temer, por meio do Itamaraty e do Ministério da Justiça, também passaram a divulgar a versão míope de que a liminar não tem força jurídica, sendo apenas uma recomendação.
 
Segundo a coluna da Folha, um “integrante do STF” decidiu contradizer o tratado e comentou que “não há sentindo em dar vazão a questionamentos sobre a cassação de direitos políticos prevista na Lei da Ficha Limpa – e em vigor há quase oito anos. Ele lembra que muitos políticos já foram impedidos de disputar com base no dispositivo sem que houvesse alarido.”
 
No Supremo, a Procuradoria Geral da República já defendeu a prevalência das decisões tomadas por órgãos internacionais tomadas com base em tratados e Pactos dos quais o Brasil é um adepto de maneira voluntária. A discussão ocorreu na ADPF 320, sobre a Lei da Anistia.
 
Procurada pelo GGN, a agora chefe do Ministério Público Federal Raquel Dodge se recusou a comentar a liminar da ONU e o efeito vinculante de sua decisão.

52 comentários

  1. Só posso crer que setores do

    Só posso crer que setores do judiciário e mpf estão sendo vítimas de ameaças/chantagens de uma potência exterior(Geopolítica), ou realmente estão no golpe por questões ideológicas…

    prefiro, ainda,  acreditar que eles são reféns de ameaças e chantagens…

    • Follow the money(futuro garantido de filhos, netos, bisnetos..)

      Quanto os bilionários golpistas da grande mídia, bancos, cervejarias, agronegócios, petrolíferas etc…se disporiam a gastar para COMPRAR a interdição de Lula e a consequente derrota eleitoral do PT ?

      Creio ser muito menos que o gasto mensal dos seus jatinhos..

    • É uma mistura de tudo um

      É uma mistura de tudo um pouco. Em cada um deles pesa mais uma coisa ou outra. A maioria se curva à Globo e à parte opinião pública coxinha que circunda suas excelências togadas. Mas eu também acho que existem ameaças e chantagens pesadas até. Não esqueçamos da morte do Teori.

      De qualquer forma não é dificil o tucaníssimo painel da Folha achar ministros que queiram falar o que a folha quer ouvir. Do nivel de um Fux se consegue tudo que se precise. Para ser indicado ao STF ele não afirmou ao Cardoso que “matava no peito”?

      A questão é saber quais deles terão coragem de vir a público afirmar tal coisa, que “a medida da ONU tem o valor de ata de condomínio”. Nesse caso o silêncio está dizendo muita coisa. É tudo muito “em off” 

      Pode ter certeza de que, a despeito da tendência é de continuarem fechados em impedir Lula, a maioria está estudando bastante a questão. Isso não foi pouca coisa não, e eles já perceberam. Agora devem se aprofundar sobre o real significado da decisão que vão tomar. O custo aumentou e muito.

      Para voce ver só quem se pronunciou até agora foram integrantes do governo Temer, que já não tem mais imagem a preservar. A casta do judiciário/MP e mesmo a lavajato, que mandam de fato no país ainda está absorvendo o baque do direto de esquerda que Lula aplicou. Pode não ser nocaute, mas o juiz abriu contagem

  2. O precedente é a Súmula Vinculante 25
    O precedente para o caso Lula é a Súmula Vinculante 25, aprovada por unanimidade pelo plenário do STF.

    Súmula Vinculante 25

    É ilícita a prisão civil de depositário infiel, qualquer que seja a modalidade
    do depósito.

    Data de Aprovação
    Sessão Plenária de 16/12/2009

    Fonte de Publicação
    DJe nº 238 de 23/12/2009, p. 1.
    DOU de 23/12/2009, p. 1.

    Referência Legislativa
    Constituição Federal de 1988, art. 5º, LXVII e § 2º.
    Convenção Americana sobre Direitos Humanos (Pacto de S. José da Costa Rica), art. 7º, § 7º.
    Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos, art. 11.

    • É situação idêntica à de Lula

      Eu digitei a mensagem anterior apressadamente no celular. Aqui escrevo com mais calma num computador.

      A jurisprudência pacífica do STF, consolidada na Súmula 619, era a favor da prisão do depositário infiel.

      O Brasil subcsreveu tratados internacionais de direitos humanos que previam a inexistência de prisão por dívida (excetuado o débito alimentar).

      O STF entendeu que era tão óbvio acatar a norma internacional que editou uma Súmula Vinculante (25) à unanimidade de seu plenário (composto então por Celso de Mello, Marco Aurélio, Lewandowski, Carmén Lúcia, Toffoli, além de Ellen Gracie, Peluzo, Carlos Britto, e Eros Grau). 

      Então, não há alternativa ao STF se não acatar mais uma vez a decisão internacional.

      • Alan,
         

        Você não está entendendo.

        Nossos ministros foram abduzidos e numa nave, ali na esquina do céu, receberam recomendação expressa para não soltar Lula em hipótese alguma.

        As punições para a desobediência a essa recomendação podem acarretar desde a perda de membros até a total indiferença da mídia. Algo insuportável para os nossos togados.

  3. Faroeste tupiniquim

    …UÉ?                        

    Onde fica aquele mantra que decisão judicial não se questiona, se cumpre!

    Que entupiu os noticiários desde a partir do golpe?

    A cada minuto que passa mais claro fica o ensinamento para desobediência civil…

    Inimaginável, o direito sendo descumprido pala justiça…

    Terra sem lei é o que isso vai virar…

    Os juizes jagunços, aqueles que têm coragem de sujar as mãos para inventar leis ou aplicar as que existem de forma distorcida é uma realidade…

  4. Alguém me responda, por favor !!

    SEQUESTRO É UM CRIME HEDIONDO E SEQUESTRO POLÍTICO NÃO É ENQUADRÁVEL NO ROL DE CRIMES CONTRA A HUMANIDADE QUE DEVE SER JULGADO PELO TRIBUNAL PENAL INTERNACIONAL, EM HAIA ? 

    Está mundialmente comprovado que o Presidente Lula é um sequestrado político . 

    Seria ótimo que os sequestradores fossem proibidos de pisarem no exterior e que suas fortunas surrupiadas acumuladas no exterior também fossem bloqueadas . 

  5. Mônica Bergamo prepara o espirito para conformar-se

    Ao dizer que ouviu uma coisa que os ministros supremos nao falaram, a Mônica prepara o espirito da população para conformar-se com a continuidade da violação dos direitos políticos do Lul sem que ninguém meta o bedelho em nossa soberania e forca os supremos ministros a cagarem potes pagara a solicitação oficial da ONU para pararem de violar os direitos do Barbudo

  6. Não vai dar em nada. Os

    Não vai dar em nada. Os juízes do stf vão dizer que a ONU não conhece a lei da ficha limpa. Grande lei essa, que o diga o heraclito fortes e muiiiitos outros. A mídia (tv e rádio) não estão repercutindo,portanto essa manifestação da ONU não existe. Mas, com esse “entendimento”, não deixa de ser mais um ABACAXI pro judiciário(?????) brasileiro.

  7. off…….aff

    “A Pholha ouviu em off”

    emerson57 ouviu também em off os mesmos 4 sinistros que a “phalha de sampa” consultou.

    Foi unânime o repúdio à afirmação do jornal bem como a declaração do voto em LULA LIVRE!!!

  8. Convicção de justiça ou apenas um golpe?

    Se a justiça estiver convicta, basta apresentar um laudo de uma página, tipificando o crime, a culpabilidade do Lula e a prova daquela culpa. Apresentando isso ao mundo se resolve tudo e, quem sabe, até ganham as eleições.

    Agora, se é um golpe mesmo, é só continuar o que estão fazendo, ficando cada vez mais em evidência. É tanto o medo de Juiz ao seu rabo preso com os líderes golpistas, que estão deixando outro rabo preso bem maior com o Brasil e com o mundo.

    Já mentiram tanto que não sabem como sair dessa.

  9. Lula é um sequestrado

    Lula é um sequestrado político em Curitiba.  O estado brasileiro está aserviço de uma  quadrilha !

    A farsa golpista definitivamente entrou no modo  foda-se.  Pensam que  quando vierem as consequências desta barbaridade , não serão eles a serem punidos ! 

    É preciso denunciar os jagunços do STF, a serviço da banca internacional. 

    É preciso tratar os golpistas como aquillo que de fato são : ratazanas !

    A legalidade democrática e do direito internacional estão  do nosso lado,  

     

    • concordo

      Devia estar agora no programa de governo!

      Acusação a todos eles por formação de quadrilha, com perda da aposentadoria…..(essa seria boa!)

      Quero ver esses juízes vendendo açai na praia, assim como aquela “Wal” do Bolsonaro. 

  10. Se nao fosse uma recomendação

    Se fosse uma determinação da ONU, e nao uma recomendação, nao seria interferência externa e indevida em nossa soberania  e, dessa forma, nos pararíamos de violar os direitos políticos do Lula. Mas nao sendo,vamos continuar violando os direitos políticos do Lula. Êh uma questão de soberania e a ONU nao tem nada a ver com isso.

  11. A lei, ora a lei

    Não adianta ter força de lei; o TRF-4 já decidiu que a lei está suspensa. O que vale é a Constituição Secreta, e na Constituição Secreta com certeza está escrito algo como “os tratados internacionais, mesmo quando têm força de lei, são para inglês ver”.

    O problema é que o inglês viu… e não gostou.

  12. Em resumo: golpe é golpe. Não

    Em resumo: golpe é golpe. Não dá para os gestores do golpe sustarem suas ações, que sabem muito bem, não é por descuido, muito menos desconhecimento que todos os golpistas descumprem as Leis e a Constituição. Estes atos,mesmo agredindo o Estado Democrático de Direito, que deveriam seguir, são assumidamente os responsáveis, controlam e impõem a todos sem meios de defesa. Agora, há ato que por mais que se esforcem não controlam totalmente: o voto. Se houver eleição, com o Presidente Lula concorrendo ou não, os dias de arbítrio estão no fim. A incompetência do golpe, no trato da conomia e no atendimento das necessidades da população, o deixa sem discurso e o afasta do poder. Havendo eleição para presidente, não há ato capaz de reverte o quadro de derrota, não tem Globo & Cia. que dê jeito, por mais que escondam os fatos e deturpem notícias. O Presidente Lula não participar dos atos a que tem direito um candidato, cujo registro da candidatura foi realizado no prazo e está na Justiça Eleitoral para exame, e, como os demais candidatos, até sua definição, é uma violência digna dos piores regimes ditatoriais. Lula livre, Lula, lá.

  13. Lembrar os golpistas do que representa a ONU
    URGENTE
    DO JORNAL “PUBLICO”, DE PORTUGAL

    “DIPLOMACIA
    Morreu Kofi Annan, antigo secretário-geral que “era, de muitas formas, as Nações Unidas”
    O diplomata ganês morreu este sábado, aos 80 anos, na Suíça. Actual secretário-geral, António Guterres, equipara a sua figura à da própria organização.
    JOANA AMARAL CARDOSO
    18 de agosto de 2018 actualizada às 14:44

    Foto
    DENIS BALIBOUSE/REUTERS
    Kofi Annan, que foi secretário-geral da ONU entre 1997 e 2006, morreu este sábado aos 80 anos. Foi o primeiro negro africano a ocupar o cargo e o primeiro funcionário das Nações Unidas a ascender ao secretariado-geral, tendo também sido responsável pelas Missões de Paz em períodos críticos como o genocídio no Ruanda ou a Guerra dos Balcãs. Um dos feitos do seu mandato, entre vários processos de reforma interna e o estabelecimento de metas para o planeta, foi a mediação no processo de independência de Timor Leste. Estava no cargo no 11 de Setembro e na guerra do Iraque e não saiu incólume dos seus muitos desafios. “Kofi Annan era, de muitas formas, as Nações Unidas”, considera António Guterres, actual secretário-geral da ONU.

    A informação da sua morte foi confirmada pela Fundação Kofi Annan e pela família do diplomata, que o recorda como “um estadista global”. Morreu num hospital de Berna, na Suíça.

    PUB

    Kofi Annan, nascido em Kumasi, no actual Gana, a 8 de Abril de 1938, recebeu ainda o Prémio Nobel da Paz em 2001, numa distinção partilhada com as próprias Nações Unidas. Era “uma força condutora para o bem”, disse ainda António Guterres através do Twitter, manifestando “profunda tristeza”. Foi pela mesma via que a família e a fundação com o seu nome partilharam a notícia da morte do diplomata ganês. “É com tristeza imensa que a família Annan e a Fundação Kofi Annan anunciam que Kofi Annan, antigo secretário-geral das Nações Unidas e Prémio Nobel da Paz, morreu pacificamente no sábado 18 de Agosto após uma curta doença”, diz o comunicado partilhado na conta do próprio Annan no Twitter.

    “Kofi Annan era um estadista global e um internacionalista profundamente empenhado que lutou ao longo da sua vida por um mundo mais justo e mais pacífico. Durante a sua distinta carreira e liderança das Nações Unidas foi um defensor ardente da paz, desenvolvimento sustentável, dos direitos humanos e da justiça.” A mesma nota assinala que o diplomata esteve acompanhado pela sua mulher e pelos três filhos nos últimos dias de vida e que após ter deixado o cargo de secretário-geral da ONU continuou a trabalhar “na causa da paz” através da sua fundação e como membro da direcção da organização The Elders, fundada por Nelson Mandela.

    “Era uma inspiração”, lê-se no comunicado, que o destaca como “filho do Gana” que “sentia uma responsabilidade especial para com África”. “Emanava bondade genuína, era caloroso e brilhante em tudo o que fazia.” O Gana declarou uma semana de luto.

    O reformador de carreira
    Annan sucedeu ao egípcio Boutros Boutros-Ghali na liderança das Nações Unidas e fê-lo como pioneiro – foi o primeiro funcionário da ONU a ascender ao cargo de secretário-geral vindo das fileiras da própria organização. Foi o sétimo secretário-geral da ONU depois de crescer numa família da aristocracia ganesa e que tinha como avós chefes tribais. Estudou no sul do Gana durante os anos em que este se tornou um país independente do então Império Britânico e estudou economia na Universidade Kwame Nkrumah de Ciência e Tecnologia do Gana e depois na Macalester College no Minnesota norte-americano, graças a uma bolsa da Fundação Ford, tendo ainda aprofundado os estudos em relações internacionais em Genebra.

    A sua carreira nas Nações Unidas começou na Organização Mundial de Saúde logo em 1962, tendo sido brevemente responsável pelo Turismo no Gana (1974-76), regressando à ONU em 1980 para chefiar os recursos humanos do Alto-Comissariado para os Refugiados, passando para outro cargo, administrativo, já em Nova Iorque em 1983. Até 1996 foi ocupando vários papéis na ONU, sendo a sua última missão antes do secretariado-geral a direcção das Missões de Paz (1993-1996), estando no cargo durante o genocídio ruandês ou durante a guerra dos Balcãs. Anos mais tarde assumiria a posição, como secretário-geral da ONU, de considerar ilegal a invasão norte-americana e britânica do Iraque em 2003.

    Fotogaleria
    Descreveria no seu discurso do Nobel que, com os atentados de 11 de Setembro, “entrámos por um portão de fogo no terceiro milénio”. Despedia-se, cinco anos mais tarde, do secretariado-geral da ONU, no mesmo Minnesota que o receber nos EUA quando jovem universitário, dizendo que “a solidariedade global é tanto necessária quanto possível”. Defendeu que os países devem ser responsáveis uns perante os outros e o multilateralismo. Como escreve este sábado o Washington Post, “o seu legado mais importante como secretário-geral foi a sua rejeição da ideia duradoura de que a ONU não podia interferir nos assuntos internos de um país membro”. Foi, como titula o New York Times, “o diplomata que redefiniu a ONU”.

    Uma das intervenções mais directas de Annan na geopolítica tocou directamente Portugal, através do processo de independência de Timor-Leste. Como recordava o PÚBLICO em 2012, a chegada de Kofi Annan ao cargo de secretário-geral das Nações Unidas foi fundamental para o reanimar do tema da independência de Timor-Leste, uma causa que se tornou transversal à sociedade portuguesa nesses anos 1990. Nomeia, no seu primeiro ano de ONU, o embaixador paquistanês Jamsheed Marker como seu representante pessoal para Timor-Leste e é com António Guterres como primeiro-ministro português que tem o primeiro encontro ao mais alto nível com o governo indonésio, onde identificou um “problema político” que anos depois desaguaria na criação de condições para o referendo que deu independência a Timor.

    As confissões de Kofi Annan
    Jamsheed Marker escreveria nas suas memórias que Kofi Annan “não tem ‘desencorajamento’ no seu vocabulário”.

    A sua reputação resistiu, mas não estava de facto incólume. O escândalo de corrupção do programa Petróleo por Alimentos, no qual o próprio filho foi envolvido, atingiu-o, bem como as muitas mortes no terreno no Darfur, Sudão, Iraque ou Balcãs.

    Nunca isento de críticas quanto ao seu papel nos vários conflitos e crises em que interveio directa ou indirectamente – como no Ruanda, na Bósnia e no Iraque -, manteve sempre o seu “prestígio moral”, como escrevia o académico e deputado canadiano Michael Ignatieff numa análise ao livro de memórias de Annan, Intervenções – uma Vida de Guerra e Paz (2012). “Poucas pessoas passaram tanto tempo em mesas de negociações com bandidos, senhores da guerra e ditadores”, escreveu Ignatieff, mas era dono de um “temperamento sereno”, portanto “perfeito” para a ONU.

    Líderes mundiais reagem
    Timor-Leste: Os bastidores das negociações
    Theresa May, primeira-ministra britânica, enviou já as suas condolências pela morte de Annan, “um grande líder e reformador da ONU” que, considera, “deu um enorme contributo para tornar o mundo que deixou num lugar melhor”. A ministra dos Negócios Estrangeiros sueca, Margot Wallström, escreveu no Twitter que “ele personificava o que há de melhor na ONU e também teve de lidar com alguns dos seus mais duros desafios. Um grande ouvinte, e alguém que fazia com que todos quisessem ouvir”.

    O antigo primeiro-ministro Tony Blair reagiu lamentando a perda “de um bom amigo” que vira há poucas semanas. “Kofi Annan era um grande diplomata, um verdadeiro estadista e um maravilhoso colega que era amplamente respeitado”. O primeiro-ministro francês, Emmanuel Macron, recorda “o seu olhar calmo e resoluto” e a “força dos seus combates”.

    “Era uma dádiva para a raça humana”, escreveu o reverendo Jesse Jackson a partir dos EUA. “Amado filho de África, agora em paz. Um dos melhores secretários da ONU. Tinha a capacidade e visão de reconciliar oponentes.” Jeremy Corbyn, líder trabalhista britânico, lembrou como “Kofi Annan dedicou a sua vida a construir um mundo mais justo e pacífico. Os seus esforços no apoio à resolução de conflitos e aos direitos humanos serão lembrados. Ele procurava um caminho pacífico quando os outros procuravam a guerra”.

    Também o Presidente russo, Vladimir Putin, disse admirar a inteligência e coragem de Annan, “a sua capacidade de tomar decisões bem pensadas mesmo nas situações mais complexas e críticas. A sua memória ficará sempre no coração dos russos”. Angela Merkel, a chanceler alemã, descreveu que “no tempo actual, em que a busca comum de soluções para prpblemas globais é mais urgente do que nunca, vamos sentir muito a falta da voz de Kofi Annan”.

    Timor Lorosa’e, os primeiros dias da independência
    O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, lamenta a morte de um amigo e diz que “o maior reconhecimento que podemos dar a Kofi Annan é manter o seu legado e o seu espírito vivos. Nunca foi mais importante do que no mundo de hoje”.

    “Portugal curva-se perante si”
    Os tributos a Kofi Annan chegam também de Portugal. António Costa homenageou através da rede social Twitter “um líder mundial da causa da paz, do desenvolvimento e dos direitos humanos”, bem como “uma das personalidades que mais contribuíram para a independência de Timor-Leste”.

    Através de uma nota oficial no site da Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa expressa “consternação e tristeza” pela morte de Kofi Annan, que considerou ter sido “um amigo constante de Portugal e um aliado inquebrantável na luta pela autodeterminação do povo de Timor-Leste”.

    O ex-presidente da República Jorge Sampaio disse em comunicado ter recebido com “mágoa” a notícia da morte de um “amigo” que recorda pela “estatura intelectual e força moral”, “dinamismo” e solidez de presença e convicções.

    “São raras as pessoas que dificilmente imaginamos que possam um dia desaparecer, mas Kofi Annan era seguramente uma delas. A sua estatura intelectual e força moral, o seu dinamismo, a solidez da sua presença e convicções sempre se sobrepuseram ao sentido da vida efémera e à mortalidade própria dos humanos”, afirmou o antigo chefe de Estado, expressando um “sentimento de choque e injustiça que não são facilmente superáveis” pela notícia da morte de Annan.

    A eurodeputada Ana Gomes também manifestou pesar pela morte de “um corajoso, honesto e decisivo secretário-geral da ONU”. “Portugal curva-se perante si”, escreveu na rede social Twitter. “Foi uma honra para mim trabalhar consigo, nomeadamente no Iraque sob ataque dos EUA e no processo de libertação/independência de Timor Leste.” ”

    https://www.google.com/amp/s/www.publico.pt/2018/08/18/mundo/noticia/morreu-kofi-annan-antigo-secretariogeral-das-nacoes-unidas-1841389/amp#ampshare=https://www.publico.pt/2018/08/18/mundo/noticia/morreu-kofi-annan-antigo-secretariogeral-das-nacoes-unidas-1841389

    Sampa/SP, 18/08/2018 – 11:29

  14. Assunto menor, para minusculos ministros/juizes……….
    Repercussão mundial da decisão dos direitos humanos da ONU.

    https://www.nytimes.com/reuters/2018/08/17/world/americas/17reuters-brazil-election-lula.html

    https://www.aljazeera.com/news/2018/08/human-rights-committee-asks-brazil-lula-run-election-180817143518950.html

    https://www.channelnewsasia.com/news/world/brazil-s-lula-should-have-political-rights—un-human-rights-committee-10627382

    http://www.thisismoney.co.uk/wires/reuters/article-6071349/Brazils-Lula-political-rights–UN-Human-Rights-Committee.html

    https://www.news24.com/World/News/brazil-must-let-lula-run-in-october-vote-un-panel-20180817

    https://sputniknews.com/latam/201808171067278933-Lula-elections-Brazil-October/

    https://www.democraticunderground.org/110862462

    https://www.theguardian.com/world/2018/aug/17/un-brazils-jailed-leader-lula-cant-be-disqualified-from-election

    https://www.reuters.com/article/us-brazil-election-lula/brazils-lula-should-have-political-rights-un-human-rights-committee-idUSKBN1L21L1

    https://www.telesurtv.net/english/news/Intl-Human-Rights-Foundation-Lula-is-a-Political-Prisoner-20180709-0013.html

    http://www.dailystar.com.lb/News/World/2018/Aug-17/460507-brazils-lula-should-have-political-rights-un-human-rights-committee.ashx

    https://ca.reuters.com/article/topNews/idCAKBN1L21L1-OCATP

    https://www.lemonde.fr/ameriques/article/2018/08/17/bresil-selon-un-comite-de-l-onu-lula-doit-pouvoir-se-presenter-a-l-election-presidentielle_5343613_3222.html

    http://www.lefigaro.fr/flash-actu/2018/08/17/97001-20180817FILWWW00184-bresil-l-onu-en-faveur-de-lula.php

    https://www.swissinfo.ch/por/comit%C3%AA-da-onu-pede-que-brasil-permita-a-lula-fazer-campanha-da-pris%C3%A3o/44334092

    http://br.rfi.fr/brasil/20180817-onu-pede-que-brasil-permita-candidatura-de-lula

    http://www.ansa.it/sito/notizie/mondo/americalatina/2018/08/17/brasile-onu-chiede-ok-candidatura-lula_ea473449-9403-4be7-adaf-b58efd532701.html

    http://www.rainews.it/dl/rainews/articoli/ContentItem-7597a8c5-98ec-482b-88f2-79b429708927.html

    http://www.elmundo.es/internacional/2018/08/17/5b770d56268e3e72178b45ed.html

    https://www.eldiario.es/internacional/Comite-ONU-Brasil-Lula-candidato_0_804570087.html

    https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/comite-da-onu-pede-ao-brasil-que-garanta-direito-de-lula-da-silva-se-candidatar

    https://www.deutschlandfunk.de/genf-uno-lula-darf-bei-wahl-nicht-ausgeschlossen-werden.2932.de.html?drn:news_id=915415

    https://www.derstandard.de/story/2000085557149/uno-brasilien-muss-inhaftierten-lula-bei-wahl-antreten-lassen

     

  15. Se …

    Se era caso da ONU se meter o STF devia uma resposta , senão também pois não a foi a MLB ou a UEFA que deu a “liminar”.

    Como cidadão já desisti de entender a Justiça brasileira.

  16. Acho que a melhor coisa que

    Acho que a melhor coisa que pode acontecer é o STF ignorar a decisão da ONU. Explico: fazendo isso fica claro que Lula é um preso político e se o PT fizer a coisa certa (em meio a tanta c****gada do passado) vai deitar e rolar. Só depende da capacidade do partido de trombetear aos quatro cantos a novidade.

    E tem outra: do jeito que são burros e vaidosos esses estúpidos do judiciário não vão aguentar muito tempo de recriminação generalizada. Nem o suborno e a chantagem da CIA, FBI, NSA e da Globo vão adiantar.

    Até porque esses idiotas não tem pra onde fugir: a história já considerou eles culpados mesmo… 

  17. E agora? Atenderão a globo ou a ONU?

    E agora, continuarão sob o comando da globo ou atenderão a determinção impactante é grave da ONU.

    A primeira opção passa a ser agora crime reiterado. Não haverá mais a desculpa do vamos ver.

    Ganharão o que continuando no grave erro agora NOTIFICADO e de conhecimento planetário? Serão loucos?

    Se ali houvesse um aconselhador eles acolheriam a lei e a ONU.

    Mais um erro agora obriga a dezenas de erros graves à frente.

  18. B o l s o n a r o
    Que ONU é essa que defende ladrão?

    O Brasil deve sair desta organização !

    Bolsonaro presidente do Brasil!

  19. Bom a PF já decidiu virar

    Bom a PF já decidiu virar milícia, agora vamos ver se o STF decide voltar a ser o guardião do estado democrático de direito ou assume de vez ser uma espécie de liga das escolas de samba, onde bicheiros acoxambram daqui e dali para “ficar tudo certo”.

    A palavra vinculante está lá com todas as letras, se eles quiserem mudar seu significado, aí já são outros quinhentos. E ainda digo mais, aqui no meu prédio se eu desobedecer a uma norma do condomìnio eu pago multa. E se não pagar acumulo dívida e serei cobrado na justiça. 

    Seriam os juízes do STF como o filho da minha vizinha que deixa seu cachorro urinar no elevador e ainda desacata o síndico?

  20. ONU não tem poder nenhum
    ONU não tem poder nenhum sobre lei alguma no nosso país, isso é só uma recomendação que de acordo com a lógica não me parece estranha tendo em vista que essa tal ONU vive tomando decisão em favor de coisas erradas pelo mundo.

    Luladrão quer ser um Deus acima de tudo!! vários caras já foram barrados com a lei da ficha limpa más ele quer ser acima de tudo e concorrer mesmo condenado e preso.

    Pior mesmo é ver esquerdalha ainda caindo nesse papo de que Lula é a salvação pobres só pq ele ataca os ricos, achando que vão sair de pobreza atacando empresas grandes que geram empregos, empresários que geram empregos, e ficam com papo de aumentar ainda mais taxas e impostos sobre grandes investidores o que só faria eles saírem do país pois ninguém vai ficar esperando parado perder dinheiro pra garras do governo e isso só iria nos tornar uma Cuba onde grandes empresas fugiram e não investem lá pq o governo comunazi toma tudo com alto imposto e isso só causa mais desemprego.

    No lugar de falar em diminuir imposto de pobres o ladrão quer aumentar imposto de rico causando mais desemprego, quer continuar com monopólio estatal prejudicando novas concorrências e empresas privadas que viriam ao país para gerar empregos e acabam não vindo pq o governo estatisa tudo com monopólio.

    Lula quer o povo sempre pobre dependendo de projetinho social, dependente de esmolinha final do mês, trabalhando apenas pra sobreviver e pagar contas pagando tudo 5 vezes mais caro pra um governo socialista que já se provou falho desde FHC marxista até o Temer aliado da Dilma que vem apenas dando continuidade ao que ela vinha fazendo e apenas pegou a batata quente e quando a bolha estourou simplesmente esquerdalhas jogam no Temer a responsabilidade pelo que outros governos já vinham fazendo, inclusive já não bastava Lula ter desviado bilhões, a Dilma tbm fez o mesmo com 50 bilhões em dinheiro de nosso imposto que foi dado para Cuba e outros países aliados ao foro de são Paulo e ainda tenho que aturar esquerdalha falar que ela não cometeu crimes kkkk.

    Enfim chora mais ai luladrão seu lugar é na prisão.

    • DELENDA EST CANALHADA GOLPISTA!!!

      Ignorante, você não sabe sobre o que está falando, apenas repetindo o que os oligarcas dos meios de comunicação querem que manifestoches como você acreditem para que sigam apoiando a corrupção brasileira, esta, a verdadeira, que não respeita a Constituição, o estado de direito e a vontade soberana do povo.

      O Brasil se comprometeu democraticamente a aceitar as determinações da ONU, conforme consta em nossas leis e na Constituição.

      Mas corrupção é isso mesmo, um bando de fascistas tentando impedir o povo de escolher livremente quem ele deseja para o governar.

      Para vocês, direitos humanos e lixo é a mesma coisa.

      Vocês morrem de medo do Lula, pois sabem que ele vencerá esta fraude armada pela elite do atraso brasileiro, rapinadores dos pobres, no primeiro turno, conforme comprovam todas as pesquias que fazem vocês cagarem de medo.

      Cartão vermelho. Vocês foram desmascarados, o mundo todo já sabe do jogo sujo de vocês:

      Eleições sem Lula é fraude!

      DELENDA EST CANALHADA GOLPISTA!!!

      [video:https://www.youtube.com/watch?v=mAIPLnQTdb0%5D

    • Realmente Dona Larissa, a senhora tem toda a razão II.

      Realmente Dona Larissa, a senhora tem toda a razão II (e eu mais paciência ainda II).

      Para que a senhora não fique totalmente frustrada, vamos fazer alguns comentários sobre uma de suas observações que colocas no seu texto que é fácil e inequivocamente demostrada a sua sabedoria.

      Realmente, somente países pobres e sem desenvolvimento econômico que durante décadas aplicaram impostos sobre a renda (e não impostos indiretos) para não produzir desenvolvimento. Vou citar alguns destes países miseráveis e sub-desenvolvidos que segundo a senhora aumentaram impostos sobre a renda bem maiores que no Brasil.

      País     Imposto de renda média (Fonte a comunista revista Forbes)

      Bélgica            55,3%

      Alemanha       49,5%,

      Áustria            49,5%

      Itália               49%

      França             48,5%

      Finlândia         43,9%

      Suécia             42,7%

      Realmente Dona Larissa, a senhora é uma verdadeira gênia em economia, se eu fosse a senhora iria até aquele país atrasado a Alemanha, dizer para eles que eles estão cobrando imposto de renda demais e que desta forma não vão criar empregos!

      A senhora é o máximo em economia, sabe tudo.

       

  21. ONU não tem poder nenhum
    ONU não tem poder nenhum sobre lei alguma no nosso país, isso é só uma recomendação que de acordo com a lógica não me parece estranha tendo em vista que essa tal ONU vive tomando decisão em favor de coisas erradas pelo mundo.

    Luladrão quer ser um Deus acima de tudo!! vários caras já foram barrados com a lei da ficha limpa más ele quer ser acima de tudo e concorrer mesmo condenado e preso.

    Pior mesmo é ver esquerdalha ainda caindo nesse papo de que Lula é a salvação pobres só pq ele ataca os ricos, achando que vão sair de pobreza atacando empresas grandes que geram empregos, empresários que geram empregos, e ficam com papo de aumentar ainda mais taxas e impostos sobre grandes investidores o que só faria eles saírem do país pois ninguém vai ficar esperando parado perder dinheiro pra garras do governo e isso só iria nos tornar uma Cuba onde grandes empresas fugiram e não investem lá pq o governo comunazi toma tudo com alto imposto e isso só causa mais desemprego.

    No lugar de falar em diminuir imposto de pobres o ladrão quer aumentar imposto de rico causando mais desemprego, quer continuar com monopólio estatal prejudicando novas concorrências e empresas privadas que viriam ao país para gerar empregos e acabam não vindo pq o governo estatisa tudo com monopólio.

    Lula quer o povo sempre pobre dependendo de projetinho social, dependente de esmolinha final do mês, trabalhando apenas pra sobreviver e pagar contas pagando tudo 5 vezes mais caro pra um governo socialista que já se provou falho desde FHC marxista até o Temer aliado da Dilma que vem apenas dando continuidade ao que ela vinha fazendo e apenas pegou a batata quente e quando a bolha estourou simplesmente esquerdalhas jogam no Temer a responsabilidade pelo que outros governos já vinham fazendo, inclusive já não bastava Lula ter desviado bilhões, a Dilma tbm fez o mesmo com 50 bilhões em dinheiro de nosso imposto que foi dado para Cuba e outros países aliados ao foro de são Paulo e ainda tenho que aturar esquerdalha falar que ela não cometeu crimes kkkk.

    Enfim chora mais ai luladrão seu lugar é na prisão.

    • DELENDA EST CANALHADA GOLPISTA!!!

      IIgnorante, você não sabe sobre o que está falando, apenas repetindo o que os oligarcas dos meios de comunicação querem que manifestoches como você acreditem para que sigam apoiando a corrupção brasileira, esta, a verdadeira, que não respeita a Constituição, o estado de direito e a vontade soberana do povo.

      O Brasil se comprometeu democraticamente a aceitar as determinações da ONU, conforme consta em nossas leis e na Constituição.

      Mas corrupção é isso mesmo, um bando de fascistas tentando impedir o povo de escolher livremente quem ele deseja para o governar.

      Para vocês, direitos humanos e lixo é a mesma coisa.

      Vocês morrem de medo do Lula, pois sabem que ele vencerá esta fraude armada pela elite do atraso brasileiro, rapinadores dos pobres, no primeiro turno, conforme comprovam todas as pesquias que fazem vocês cagarem de medo.

      Cartão vermelho. Vocês foram desmascarados, o mundo todo já sabe do jogo sujo de vocês:

      Eleições sem Lula é fraude!

      DELENDA EST CANALHADA GOLPISTA!!!

      [video:https://www.youtube.com/watch?v=mAIPLnQTdb0%5D

       

    • Lula livre já. A maioria do
      Lula livre já. A maioria do povo exige já que está à frente nas pesquisas e quem não aguentar se exploda!!!

    • Realmente Dona Larissa, a senhora tem toda a razão …..

      Realmente Dona Larissa, a senhora tem toda a razão (e eu a paciência!).

      Quem apoia um candidato que tem toda a vida o discurso de segurança pública e tem após extensas, demoradíssimas, complicadíssimas reflexões sobre segurança pública tem por base de tudo passar para o próprio cidadão a responsabilidade da sua segurança incentivando que todos tenham as suas armas para se defender é algo BRILHANTE. Além disto este candidato dá como solução do problema da violência que todo o policial possa sair matando quem ele acha que é criminoso é algo fantástico.

      Pois é dona Larissa, eu só imagino a Dona Maria, uma senhora com 90 anos que mora sozinha vá se defender de um bando de meliantes fazendo de sua casa um verdadeiro fortim.

      Mas continuando no ponto forte da campanha de seu candidato, pois em termos de economia me parece que a senhora é como ele, não entende nada e terceiriza para outros todas as definições nada importantes na vida como a economia, a saúde e educação. Vamos falar das propostas dos seu candidato, a militarização das escolas. A senhora e ele sabem quanto que custa uma vaga numa escola militarizada onde terão que ser fornecidos uniformes (de inverno, verão e para educação física)? Não estou nem falando de cantina livre e grátis para todos.

      Mas continuando com a militarização das escolas. A senhora sabe que todas as escolas militarizadas exigem exames para ingresso dos alunos, e exatamente por isto dos 1000 candidatos que ingressam somente uns 100 que passam nos exames, são crianças que passaram no mínimo um ano em cursos preparatórios (pagos) para ingresso em colégios militares. No caso da militarização de todas as escolas a onde irão os 900 que não passam nos exames eliminatórios? O Estado vai pagar vários anos de cursos preparatórios para ingresso em colégios militarizados? Ou os 900 que não passarem nas provas vão ficar na rua sem ensino reforçando as legiões de menores recrutadas pelo crime?

      Cara Dona Larissa, se a senhora quiser discutir política faço uma proposta, coloque as posições mais fortes que a senhora acha que o seu candidato tem, e terei o máximo prazer em discuti-las, pois desta forma as suas colocações estariam baseadas nas longas reflexões do seu candidato, e não nas bobagens que são colocadas em termos de economia que nem o seu candidato diz conhecer, e por consequência muito menos a senhora.

      Por favor, estou sugerindo algo extremamente democrático e favorável a senhora, a discussão das plataformas que ele e a senhora como ardorosa defensora das teses dele deveriam conhecer.

      Se a senhora aceitar uma proposta favorável a senhora tudo bem, mas se não, por favor, não insista em dizer bobagens na área econômica e em direito internacional, pois serão apenas bobagens.

       

  22. ONU
    Essa ONU tem que interfirir nos países que a esquerda está matando o love de fome e quem é contra o seu governo, Venezuela, Cuba e por aí vai. Se mete aqui no Brasil não, aqui ainda a lei funciona, mesmo que um pouco mais funciona. A esquerda ainda não tem força e jamais terá, em nome de Jesus!

  23. Esse desgoverno golpista, com

    Esse desgoverno golpista, com suas tralhas legislativas, desprocuradas e juizíticas não se emendam: não seriam escorpiões se não fossem escorpiões. Não deram todo esse golpe-negocial-neofascita para, logo depois, devolverem o poder ao povo.

    Mas, a cretinice e a calhordice dessa gente não encontra limites: 3 vezes o governo federal foi arguido pela ONU sobre o assunto; 3 vezes os golpistas-executivos passaram o assunto ao desjudiciário-pandorga-globosta; 3 vezes o injudiciário mandou seu posicionamento-golpista ao executivo que, por sua vez, risonhamente, repassou as respostas injurídicas ao Comitê da ONU.

    Esperavam, como por aqui acontece, que algum desprocurador na ONU engavetasse o assunto e deixasse o Lula morrer na escuridão poliça-com-gravatinhas.

    Então: foram arguidos, responderam 3 vezes. Perderam. O Comitê da ONU analisou a documentação do requerente e as respostas golpistas-negociais-injurídicas-inverídicas-globostas e bateu o martelo: esse (aqui) país de merrecas tem de cumprir o que dizem as suas (nossas, não deles) leis e deixar o Lula livre até trânsito em julgado e, em assim sendo, liberado para participar de qualquer ato eleitoral.

    Se tantos outros foram proibidos por leis que contrariam a Constituição Federal, infelizmente, muitos foram liberados aqui mesmo, por outros juízes e tribunais e, outros, nada fizeram para reverter a situação.

    O Lula fez. Foi ao “bispo” e o “bispo” acolheu o seu pedido.

    E se este país de merrecas-golpistas-ladrões-injurídico-blobosta não quiser cumprir suas obrigações como signatário dos tratados internacionais, muito simples, denunciem os tratos e renunciem a eles. Agora, fazer palhaçada-calhorda, né, dona carmencita, ato criminoso, desde o começo.

    Bando é muito pouco: quadrilheiros

    Agora, se os bandidos-togados-ou-não se recusam a cumprir os compromissos assumidos pelo país e querem – até mesmo – sair da ONU, que o façam.

    Mas não façam o povo pagar por suas criminalidades.

    Haja saco.

  24. A ignorância é que
    A ignorância é que “astravavanca” o progresso. E quando junta com a má fé defeca pelo cétebro.
    Assim são os apoiadores dos GOLPISTAS que se mostram não saber o que é um Tratado
    Internacional. Muitos deles teem consciência de ratos.
    Coitados, de moral apodrecidas pelo ódio, caminham como zumbis do futuro.

  25. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome