PGR já disse que grampo não foi editado, mas tema pode atrasar processo

Enquanto chegava ao Palácio para conversar com Temer, Joesley escutava a CBN. A rádio fez a minutagem do programa e comparou com a duração do encontro e a volta do empresário ao carro, quando sintonizou novamente. O resultado é que o áudio não foi cortado
 

Foto: EVARISTO SA – AFP
 
Jornal GGN – Em um das poucas possibilidades de questionar na Justiça as acusações que recaem contra si, Michel Temer acha que o grampo de sua conversa com Joesley Batista, dono da JBS, entregue aos procuradores da República foi manipulado. Os principais jornais alimentaram o questionamento do presidente da República como válido e realizaram perícias de forma independente. A tentantiva, apesar de possivelmente em vão, pode atrasar as investigações.
 
Um dos jornais a contratar peritos judiciais foi a Folha de S. Paulo. O diário paulista solicitou a análise do profissional Ricardo Caires dos Santos, pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. O resultado foi a manchete: “Áudio de Joesley entregue à Procuradoria tem cortes”.
 
Caires dos Santos disse que há indícios claros de manipulação, mas que “não dá para falar com que propósito”. Os cortes narrados pela reportagem, entretanto, são de trechos que não aparecem na gravação. Não está claro, por exemplo, se essas omissões foram provocadas propositalmente pelo delator, com edição, ou se as falhas ocorreram pelas condições locais, uma vez que o gravador estava posicionado na roupa de Joesley no momento do encontro.
 
A perícia contratada pela Folha chegou a confirmar que falas do ex-presidente foram prejudicadas por ruídos, tornando o diálogo às vezes incompreensível. Outro perito consultado pelo jornal, Ricardo Molina, explicou que a gravação é de baixa qualidade técnica, o que não provocaria a anulação da prova.
 
“Percebem-se mais de 40 interrupções, mas não dá para saber o que as provoca. Pode ser um defeito do gravador, pode ser edição, não dá para saber”, disse Ricardo Molina em entrevista.
 
Mas a rádio CBN foi o noticiário decisivo para sustentar que o diálogo entre Joesley Batista e Michel Temer não foi editado. Isso porque no início da gravação do empresário, quando ele ainda estava no carro, a rádio CBN estava sintonizada antes e após a conversa. O jornal fez então uma análise dos tempos de duração do encontro, após a saída de Joesley, quando a rádio foi desligada, e após a reunião, quando o empresário retorna ao automóvel e sintoniza novamente.
 
“A gravação de Joesley mostra que, quando ele volta para o carro, o rádio do carro em que ele está continuava sintonizado na CBN e o que se escuta é o quadro ‘Nos Acréscimos’ que, naquele dia, começou às 23h08 da noite. Foi o que conseguimos observar nos nossos registros”, disse o locutor Milton Jung, em reportagem do veículo.
 
“Com isso, é possível determinar que o tempo de gravação é de 38 minutos, o tempo da conversa entre Joesley chegar e sair da casa do presidente foi de 38 minutos, e esse tempo é a íntegra do áudio divulgado na quinta-feira e que comprova que o material não teve nenhuma edição. Portanto, a gente percebe que não teve edição na gravação que foi divulgada, colocada aí do início ao fim”, completou.
 
Mas após os rumores provocados pelo próprio ex-presidente e endossados por outros jornais, a Procuradoria da República prepara uma resposta para a tese já defendida por Temer. O setor de pesquisa e análise da PGR já concluiu que o arquivo apresentava “sequência lógica”, admitindo que a qualidade do áudio não era boa, com “alguns ruídos e a voz de um dos interlocutores apresenta-se com maior intensidade em relação à voz do segundo”. Os investigadores já informaram que não há indícios imediatos de fraude ou montagem.
 
Entretanto, faz parte do direito de defesa de Michel Temer contestar e requisitar, a qualquer momento, uma perícia técnica, o que deve ser feito após a contratação pelos advogados do presidente de peritos para formular a tese. O tema pode atrasar a sequência das investigações e do processo contra o peemedebista.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Sergio Moro aponta ligação de Carlos Bolsonaro com ‘gabinete do ódio’

27 comentários

  1. Folha defenderá Diretas Já !

    As suspeitas que a Folha de SP levanta é uma desesperada tentativa de salvar Temer.

    Por que a Folha tenta “salvar” um criminoso comprovado ? Por que FHC mudou de opinião e agora defende Temer ?

    Pelas seguintes razões:

    (1) a Folha é PSDB; (2) Temer preparava o caminho para o PSDB assumir em 2018; (3) Junto com Temer, o PSDB foi explodido pela JBS; (4) com a queda de Temer, a Folha perde o seu resíduo de poder de articulação e influência política; (5) a Folha disputa poder político com a Globo. 

    A queda de Temer é questão de dias. Por isso, acredito que a Folha passará a defender Eleições Diretas para se opor às Eleições Indiretas defendidas pela Globo.

  2. Temer

    Como a saída mais lógica desse imbrólio é eleição direta o mais rápido possível, torço para esse roteiro se realize!

    • Eleição direta para o

      Eleição direta para o congresso também. Não pode ficar este congresso imundo.

  3. Uma hipótese a ser verificada é a de gravador acionado por voz

    Controlada tanto por software quanto por hardware, há gravadores que são acionados por som, iniciando a gravação quando o detectam e parando após um tempo de silencio, tudo configurável: nívis, tempos, etc..

    Além disso, se o tempo da gravação é aproximadamente o mesmo da visita, a gravação há de ser íntegra, a menos que se colocasse “enxertos” para preencher as interrupções, o que seria complexo e descontextualizador.

    O FATO é que com cortes ou sem cortes, as vozes são de Joesley e Temer (esta justificadamente mais baixa), os momentos mais graves (“tem q manter, viu”, “ótimo, ótimo”, etc.) têm sobreposição de vozes de Joesley e Temer, o que, convenhamos, requer umj super-técnico artista para montar.

    A gravação tem uma sequência de conversa de contexto consistente e se houve edição, que Temer diga o que foi cortado e quando.

    Largue de mesóclises e trejeitos ridículos, Temer:. Aceita que dói menos: relaxa e “goza”.

    Pode precisar disso na prisão…

  4. Esperto, o cara da JBS. Fosse

    Esperto, o cara da JBS. Fosse uma foto, tinha incluido a capa de um jornal diário para comprovar a data.

    De quebra ainda faz propaganda da firma “Globo”, a dona dessa rádio. Coincidência sintonizar a rádio da mesma empresa que “vazou” a gravação, né?

  5. Bodes na linha….

    Por quê jogaram dois bodes fedidos na sala°

    O alvo não era o Lula, PT e associados?

    Qual a razão desta delação à Jato da JBS?

    Qual o interesse do Judiciário e Globo nesta delação?

    Uma delação minuciosa da JBS poderia atingir o judiciário e a Globo?

    Como pode, o quarto poder desta república bananeira, esta imprensa golpista, estar fora desta enxurrada de dinheiro sujo?

  6. Nessa altura do campeonato,

    Nessa altura do campeonato, por mais paradoxal que pareca  nesse estranho país que emergiu do golpe de 2016, o maior favor que o cadaver politico insepulto de Michel Temer pode prestar a nação é insistir em tentar manter o cargo, com isso a mobilização da sociedade para sua ejeção do poder se tornara cada vez mais forte e irresistivel tornando impossivel o golpe dentro do golpe pretendido pelo grande capital aliados aos parlamentares que demonstradamente foram por ele comprados a vista, aquele sangramento que queriam com o Lula e a Dilma agora acontecerá, com o até poucas horas atras, o “malvado favorito” da grande mídia que o nutriu, apoiou e avalizou. Essa mesma mídia quer uma solução rápida para o impasse para poder emplacar a eleição indireta e continuar com o projeto de entrega da nação que nunca foi só do Temer, uma bactéria politica sem luz própria, o escolhido da vez parece ser o Rodrigo Maia, como diria o Garrincha falta combinar com os Russos.

  7. Impressionante
    Nunca vi uma delação ser tão questionada como essa da JBS. Enquanto as delações/gravações estavam destruindo certos alvos, eram todas verdadeiras, incontestáveis.. Não aparecia um perito para desmentir. Nada!

    Bandidos agora tentam salvar desesperadamente o seu bandido predileto.

  8. Nassif, existe uma clara

    Nassif, existe uma clara ruptura entre a repúplica de Curitiba, e outros setores da lava jato.

    Lembra que Janot, liberou os audios do Juca e Machado, logo após a conclusão do golpe? sendo que ele já possuia tais aúdios meses antes, evento que com certeza teria impedido o golpe. Ele quer varrer junto com algum agente oculto o PMDB,

    Esse racha na midía também não é normal, folha e estadão de um lado, e globo e demais do outro. Globo também morre de medo que cunha delate, talvez seja também mais um motivo para o endosso tão rápido do fora temer. Outra o aúdio do aecio oferecendo ajuda para o Delegado da PF quanto a questão da previdência, também explique o corpo mole dos procuradores de curitiba em investiga-lo! o que ele pode oferecer de ajuda? aprovação das 10 medidas?

    Chego a pensar que quem matou Teori, nem foi o “cortejo dos delatos”, ficou muito obvio. Globo praticamente exigiu Fachin no lugar do Teori, e prontamente foi atendida, quem controla Fachin tem o controle de todos os politicos brasileiros.

    • “Contribuição” do Aecim

      Eliane, pelo que  parece, o Aécio poderia oferecer ajuda na reenvidicação da classe em manter a aposentadoria especial dos agentes e delegados. No caso das 10 medidas, ele estava, ao contrário, lutando pela aorovação da lei contra o abuso de autoridade, claro, por interesse próprio.

  9. Timing

    Mais do que ação controlada, esta ação está com cheiro de ação combinada.

    Ação para minimizar os danos…

    Mesmo que para isso seja necessário jogar dois bodes fedidos na sala…..

    A questão é saber quem procurou quem.

    A JBS procurou a Globo ou vice-versa?

    Ou Janot intermediou os contatos?

    Um dia, vaza.

  10. Ah, negrada, deixa o Palocci

    Ah, negrada, deixa o Palocci cantar, quero dizer, falar; deixa o CUunha perguntar(que estranho, um CUnha perguntando!!!!! Colocaram uma língua, foi?), deixa, deixa bixim. Talvez só assim nós cheguemos naquela história que Pedro Álvares Cabral, quando descobriu o Brasil, na carta que mandou para o Rei de Portugal, inseriu um pedido de emprego(apadrinhameno ou corrupção?) para um seu parente….

  11. Ah, cara pálida, deixa o

    Ah, cara pálida, deixa o Palocci falar…. Ele só vai complementar essa gravação da JBS, vai entrar no mundo financeiro e das mídias. Deixa, vai lá, deixa, deixa…

  12. “pode atrazar mas nao foi

    “pode atrazar mas nao foi editado” ou “nao foi editado mas pode atrazar”?!?!?!

    O que foi que ele disse EXATAMENTE e em qual ordem?

    Ele ja ta tao inseguro assim a respeito de suas provas?

    Ora, ora…

    Foi pegadinha ou nao foi, gente?

    Voces nao acham que a “inseguranca” (velhacaria) dele ja esta se demonstrando cedo demais?

  13. OU JANOT TEM PROVA TECNICA DE

    OU JANOT TEM PROVA TECNICA DE ZERO CORTES E/OU CORTES SOMENTE TECNICOS…

    OU JANOT NAO TEM PROVA TECNICA DE ZERO CORTES E/OU CORTES SOMENTE TECNICOS.

    O resto eh conversa fiada.  Ou pegadinha pra anulacao do processo.

    Ou eh varios deles?

    A esclarecer meu secretissimo segredo:  eu nao confiaria em Janot com um palito de fosforo.

  14. E as malas de dinheiro rastreadas não valem investigação?

    A mídia cooptada pelo governo do usurpador seu oportuno patrocinosalvador, está desviando a atenção das provas indiscutíveis do dinheiro rastreado nas malas do seu sabido e recomendado homem de confiança. do temerário

    Ainda que a tal gravação esteja cortada (para mim, seu conteúdo não cortado é mais do que suficiente). e fosse descartada por completo, alguém vai defender que o tal do homem de confiança conseguiu um “plano de aposentadoria” de até 1 milhão por SEMANA, durante até 30 ANOS conseguiu tal propina de quase meio bilhão porque era o “famoso Quem”?

    No primeiro discurso, a investigação seria o “território da inocentação” e no segundo pedem por seu fim? Investigação dói? Lula está enfrentando diversas e se dá ao luxo de enfrentar seus pretensos algozes de frente, olho no olho. E os derrota!

    Ora amigos, se quisermos que este Brazil um dia seja Brasil, vamos combinar, né? Com Frias, Civitas, Mesquitas, Saads, Marinhos e suas “afiliadas” por todo o país, tamufu dicumforça!

    Vamu pará com essa conversinha distrativa de gravação editada e vamos a todas as demais evidêcias avassaladoras.

    Não estamos falando de zeladores candidatos, pedalinhos, escrituras inexistentes e contas-fundo em nome de corruptores no exterior para faciltar suas contabilidades.Estamos falando de grana viva, pré-combinada, rastreada, chipada e numerada.

    Não é convicção nem Power Point…é Prova!

     

  15. Mesmo que tivesse sido editado, não faria diferença para o Temer

    Os seus crimes, ocomissivos e omissivos, restaram provados. Ele já deveria ter sido preso em flagrante, pois é ilegítimo e não preside o Brasil, rouba o Brasil.

    O próximo Presidente não pode ser escolhido pelo Congresso, pois o Congresso foi quem empoderou o Temer e é quem estava lhe dando apoio incondicional, votando matérias que vão penalizar os trabalhadores e beneficiar meia dúzia de parasitas sociais.

    Nada obstante a Constituição, a eleição será direta . A CF é estuprada todos os dias. Porque agora ela não poderia ser estuprada só mais uma vezinha, para a população conceber uma nova Nação, livre, altiva, soberana, próspera, justa, culta e solidária.

  16. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome