A vida por aqui é só um traço, por Romério Rômulo

Carrega a lassidão, feita u'a imagem / Armada nas carcaças do degredo.

Paul Klee

A vida por aqui é só um traço

por Romério Rômulo

1.
Não sei o que me faz, o que me salva
Quando é cru e atroz todo o meu medo.
O barco onde eu piso, uma miragem
Carrega a lassidão, feita u’a imagem
Armada nas carcaças do degredo.
2.
A ponte onde lento eu permaneço
E sei de cor a pedra onde eu embaço
É ponte sobre nada. Eu amanheço
Com uma dor que come o meu abraço
E morde os mares onde eu estremeço.
3.
A vida por aqui é só um traço.

Romério Rômulo

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Caindo no abismo sem fundo, por Sebastião Nunes

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome