Coronavírus: casos avançam em pelo menos 12 capitais

Aumento do registro de casos coincide com flexibilização do isolamento social; Brasília quintuplica registros, e SP tem alta de 15%

foto: Reprodução/Brasil de Fato

Jornal GGN – Pelo menos 12 capitais que começaram a retomar as atividades econômicas registraram aumento no número de casos de covid-19, o que levou algumas cidades a reverem tais medidas e adotar uma estratégia mais restritiva.

Levantamento elaborado pelo jornal O Estado de São Paulo mostra que, após a retomada de atividades não essenciais, a média de infectados por dia aumentou nas cidades de São Paulo, Belo Horizonte e Vitória, na região Sudeste; Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, no Sul; Brasília, Campo Grande e Cuiabá, no Centro-Oeste, além de Salvador e João Pessoa, no Nordeste, e de Palmas, na região Norte.

O estudo considerou 18 das 27 capitais brasileiras. Nas nove capitais não contabilizadas, as ações de flexibilização começaram há menos de duas semanas, ou não existem planos de reabertura dos setores econômicos.

A pesquisa afirma ainda que o avanço da covid-19 não apresenta um ritmo uniforme: enquanto o número de casos diários subiu 155 na cidade de São Paulo, os índices quintuplicaram em Brasília, onde o governador Ibaneis Rocha (MDB) decidiu pela reabertura do comércio.

 

Leia Também
Covid-19 – Balanço de momento: 11,1 milhões de casos, 525 mil mortes e 5,9 milhões de altas, por Felipe A. P. L. Costa
Brasil continua liderando em número de mortes no mundo
Coronavírus apresentou mutação em quase um terço dos casos coletados pela OMS

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Cientistas vão investigar as relações entre coronavírus e etnias

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome