Ferrajoli: É escandaloso como as instituições foram usadas no golpe contra Lula e Dilma

Jurista italiano, um dos mais influentes do mundo, alertou para "uma enorme ameaça" que vive o Ocidente: o uso do Poder Judiciário para fins políticos. "Não está apenas em jogo a democracia no Brasil, mas a democracia global", diz

Jornal GGN – Um dos juristas mais renomados do mundo, o italiano Luigi Ferrajoli disse, durante evento internacional em solidariedade a Lula, que a prisão do ex-presidente e o impeachment de Dilma Rousseff foram frutos de um processo de perseguição política deflagrado por meio do uso das vias judiciais. Para Ferrajoli, o mais preocupante e “escandaloso” é que o lawfare parece ter se tornado método para se chegar ao poder no Ocidente pós guerra, colocando em ameaça as democracias.

Em vídeo de cerca de 3 minutos que circula nas redes sociais, Ferrajoli começa analisando a sentença do caso triplex. Para o jurista, o processo contra Lula “é vergonhoso por muitos motivos, não apenas pela falta de provas, não apenas pela aceleração do processo para impedir Lula de se candidatar, mas também por uma característica escandalosa, a total falta de imparcialidade.”

O jurista chamou atenção para o fato de que Sergio Moro foi, ao mesmo tempo, o juiz instrutor do processo e o magistrado que decidiu quais provas seriam validades ou descartadas para constituir a decisão final sobre Lula. A separação entre essas duas figuras, o juiz que atua ativamente na persecução penal, e o juiz que profere a sentença, é um “princípio elementar”, disse Ferrajoli. É preciso haver “separação entre juiz e acusação.”

Contra Lula, a Lava Jato produziu “um processo político, inquisitório, fundado sobre a petição de princípio. É verdade, é aceitável tudo aquilo que confirma a acusação. É falso, inaceitável tudo aquilo que a desmente.”

Ferrajoli avaliou que a força-tarefa e o ex-juiz Sergio Moro manipularam a opinião pública através da imprensa. “Evidentemente essa era a única maneira para poder provocar a reação da opinião pública, porque evidentemente se produziu, no Brasil, uma mudança do poder que não era aceitável para a elite, e então era necessário aquilo que foi chamado golpe.”

Leia também:  Supremo deve declarar suspeição de Moro contra Lula até novembro, diz jornal

“E a coisa mais grave e mais escandalosa sobre a qual todos nós temos que refletir é que existe um valor ameaçador para todo o Ocidente, que é o fato que esse golpe de Estado foi produzido através das instituições”, frisou Ferrajoli.

“Tivemos uma utilização das instituições, da jurisdição que deveria preservar o Estado de Direito, e do Parlamento – porque não podemos esquecer que Dilma Rousseff foi destituída a partir de um impeachment completamente ilegal, de acordo com o artigo 85 da Constituição, porque não existia nenhuma versão constitucional que justificasse o impeachment.”

“Essa é uma enorme ameaça, uma novidade ao menos no Ocidente, depois da segunda guerra. Eu acredito que tudo isso deve nos preocupar enormemente. Não está apenas em jogo a democracia no Brasil, mas uma ameaça gravíssima para a democracia global.”

Assista:

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

23 comentários

  1. Basta acrescentar que o processo exposto pelo jurista italiano é obra do grande irmão do norte, facilitada pela plutocracia nacional. O jurista tem toda a razão, a crise do sistema econômico também produzirá a falência da democracia.

  2. Esse é um capacho de defensores de máfia italiana. Será também que achou também golpe o Water Gate. Acho que deve tomar contas das picuinhas do seu país, porque nós, brasileiros sabemos o que é melhor para nós.

    • Parece que o sr, Adelxon desconhece o valor do jurista Ferrajoli, respeitado em todo o mundo jurídico, mas está a par das questões da Máfia. O que faz a paixão política (ou, talvez pior, o ódio de classe)

  3. ferrajoli é autor obrigatório nos cursos de direito…..
    fala sobre um paradoxo do que defende…
    é essencial, rápido, fala e se retira, grandioso…
    cabe ao stf
    cumprir
    o que aprendeu
    e cumprir a constituição….

  4. Para o sustento de uma mentira serão necessárias várias outras. A verdade de Lula é uma só. Mesmo preso essa verdade o mantém na liderança, e os mentiroso se borram de medo da sua liberdade e ascensão…

  5. Ferrajoli tem razão, pois os golpes com uso das instituiçoes se tornaram a mais nova arma da geopolítica. Um passeio pelo mundo mostra com clareza que em diversos paises, isto esta se tornando a principal forma de controlar a política e os políticos. E como no Brasil isto se dá de tal forma que se tem que passar anos discutindo se uma tal prisão é política ou não.
    Isto não é novo, na Terra da Democracia todos os membros dos Panteras Negras e outros movimentos foram presos por crimes comuns.

  6. Só resta saber se o direito é matéria universal. Incrível quanto apoio internacional tem nosso ex-presidente e sua sucessora. Mais incrível ver como em 4 meses Bolsonaro conseguiu transformar a Bélgica na Coréia do Norte. Merece um prêmio.

  7. Quanto este italiano está recebendo? A Itália está atolada na corrupção e este pseudo intelectual vem dizer aqui o que d vemos fazer? E as milhares de provas de desvio de dinheiro? E os milhões de brasileiros desempregados ? E os bilhões dados a países “cumpanheros”? Isto não conta? Já começamos a receber os valores, que já eram esperados, dinheiro este que está fazendo falta, ainda vem defender a quadrilha do pt?

  8. O velho gagá não fala coisa com coisa. Pra começo de conversa, ele é um jurista italiano. É o carioca do Brasil. Os processos de Lula são os mais evidenciados nesse país. Quando um delegado tem a prova, o procurador acusa, o juiz sentencia, o Tribunal reforma, as empresas lesadas confirmam as operações ilícitas, onde está a perseguição??? Esta quadrilha quebrou o Brasil.

  9. Quem sabe o Judiciário capacho se recolhe ao seu lugar de origem e se redime, mesmo dentro de sua pequenez já registrada, e absolve Lula de uma vez, antes que o país se afunde na própria lama levantada pelo Golpe. Tá em tempo, não deixem a lama engoli- los também.

  10. A mídia é conivente com o golpe implantado pela direita, mas hoje vivem um grande dilema, o governo que assumiu esta perdido cada dia que passa mostra que tem menos capacidade e quem deveria comandar não tem a minima habilidade.
    A alternativa que cabe é soltar Lula que foi preso para impedir que fosse eleito e ter um plano para unificar novamente o país, só assim nos fortaleceremos enquanto nação.

  11. Eu fico estarrecido com a falta de coerência desses bolsominions , coxinhas, ao dizerem que k processo do Lula está cheio de provas , parece que são todos juristas , mas, esquecem de José Serra, com contas na Suíça, de Aécio pego com malas de dinheiro e acharcando um empresário, Geraldo Alckmin enrolado com metrôs, esposa de Bolsonaro com dinheiro de acharque na conta dela, Flávio Bolsonaro, recebendo dinheiro de achar que também na sua conta, e pasmem o chefe da quadrilha (segundo eles) o Lula, não acharam nenhum dinheiro que não fosse comprovado, ainda falam que o PT quebrou o Brasil, idiotas , quem quebrou o Brasil foi a lava jato , ao invés de punir o corrupto , puniu as empresas embarcando obras , bloqueando dinheiro e denegrindo sua imagem fazendo as mesmas perder valor de mercado , isso que causou o desemprego, em dezembro de 2014 depois das eleições, o índice de desemprego foi o menor da história, 4,6% !!!

  12. Ele é Italiano, mais temos no Brasil quase 500 Juristas que ANALISARAM TECNICAMENTE este processo e tiraram as mesmas CONCLUSÕES.
    A única instituição que OS MESMOS QUE: acusaM, prendeM, investigaM, julgaM e condenaM, é o crime organizado…
    Porque pela nossa Constituição vigente, está prática é criminosa e abusiva.

  13. As mentes doentias da direita brasileira ficam encomodadas com pareceres de juízes de renome internacionais porque fica propagado ao mundo os descalabros da (in) justiça brasileira!

  14. O método maroto do ‘lawfare’ cometeu tão abominável injustiça que quem o utilizou contra Lula e Dilma agora não sabe onde colocar as mãos sujas.

  15. Pergunta-se : para este magistrado mundialmente renomado, também a “cosanostra” deveria ter sido totalmente absolvida ?

  16. Resumo da ópera: o Brasil é um país disfuncional, sem justiça e sem representantes do povo. Todos estão descaradamente a serviço da empulhação advogada pelos donos do poder econômico para a manutenção de seus privilégios e a indicação de bodes expiatórios semióticos para a justificativa dos abundantes e reiterados fracassos de suas promessas de paz e prosperidade social.

  17. Estamos com um bando incompetente no poder graças ao golpe. Amebas se tornam pensadores, tipo olavo, e seguidores acéfalos zurram e rosnam na briga por qualquer porção de alfafa disponivel, espalhando baba com sangue em qualquer um que nao se alie à manada insana.
    Já estamos diante de um contigente de milhões de desempregados e desesperançados, e em 2019 o Brasil teve o pior saldo de desemprego para o mês de março nos últimos dois anos. O país fechou 43.196 postos de trabalho no mês passado, o que representa queda de 0,11% em comparação a fevereiro [Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged)]
    Enganadores ligados ao mercado financeiro, enquanto escondem “calculos” do trilhão em 10 anos berram que a “deforma” da previdência será a panacéia de todos os males.

    E sem conversa fiada de que a culpa e do PT, pois o artigo abaixo, da mesma fonte governamental, mostra a evolução positiva do emprego entre 2009 e 2014, ano em que o golpe iniciou. Com a criminalização indiscriminada de nossas grandes empresas o desemprego tomou conta do país.
    http://www.brasil.gov.br/economia-e-emprego/2015/01/economia-brasileira-gera-5-2-milhoes-de-empregos-formais-em-4-anos-revela-caged

  18. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome