Militares tem maior ganho salarial na década

Ganho das Forças Armadas descontado a inflação chega a 29,6%, o dobro de todas as categorias do funcionalismo nacional

Foto: Reprodução

Os militares que integram as Forças Armadas registraram um ganho salarial real (descontada a inflação) de 29,6% ao longo da última década, o dobro do resto do funcionalismo nacional, que teve um aumento real de 13,8% e quase cinco vezes a média das carreiras federais (6,3%).

O ganho dos militares só é ultrapassado pelo aumento de 33,3% obtido pelos professores de ensino fundamental dos municípios, favorecidos pela criação do piso da categoria. Por outro lado, a renda salarial dos pesquisadores caiu 18,3%, e os assistentes sociais perderam 6%.

Em seguida, aparecem os profissionais da área de segurança, bombeiros e policiais estaduais, que tiveram aumento real de 25% em seus salários.

A análise engloba o período de dezembro de 2012 a março de 2022, segundo os dados levantados pelo economista Daniel Duque para o Centro de Liderança Pública (CLP), e divulgados pelo jornal O Estado de S.Paulo.

Os ganhos dos militares e dos profissionais de segurança confirmam o favorecimento obtido por tais servidores em especial durante o governo de Jair Bolsonaro, que foi eleito com o apoio de tais categorias.

Desde então, o presidente tem adotado medidas que os favorecem diretamente, como a reforma da Previdência das Forças Armadas e uma reestruturação de carreira que garantiu salários maiores especialmente para as patentes mais elevadas.

Democracia é coisa frágil. Defendê-la requer um jornalismo corajoso e contundente

Junte-se a nós: www.catarse.me/jornalggn

Leia Também

As possibilidades econômicas de Lula e as consequências econômicas de Bolsonaro, por Nathan Caixeta

O neoliberalismo desmoronando e o Brasil excluído dos grandes acordos regionais, por Maria Luiza Falcão Silva

Eletrobras lança oferta de ações para privatização

Ainda sobre a crise econômica e a pandemia, por Victor Leonardo de Araujo

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador