Roberto Teixeira diz que serviços à Fecomércio estão comprovados

"É lamentável testemunhar tamanha infração aos princípios basilares do estado democrático de direito", escreveu Roberto Teixeira

Jornal GGN – O advogado Roberto Teixeira afirmou em nota à imprensa, nesta quarta (9), que os serviços que seu escritório presto à Fecomercio/RJ estão “devidamente comprovados e documentados”. Teixeira, Cristiano Zanin e outros advogados foram denunciados pela Lava Jato do Rio de Janeiro, no âmbito da operação “Esquema S”.

Com base na delação do ex-presidente da Fecomercio, Orlando Diniz, a Lava Jato sustenta que vários escritórios de advocacia receberam por contratos milionários, sem prestar serviços. “É lamentável testemunhar tamanha infração aos princípios basilares do estado democrático de direito”, escreveu Roberto Teixeira.

O advogado Cristiano Zanin diz que a Lava Jato faz “retaliação” porque a defesa de Lula expôs as irregularidades da força-tarefa em Curitiba. Além disso, indica elementos de prova de que seu escritório, que tem 50 anos de atuação no mercado, realizou os serviços contratados. Confira aqui.

Confira a nota abaixo:

A agressiva operação deflagrada hoje de autorizar a invasão da minha casa é mais uma das arbitrariedades e retaliações contra minha atuação profissional.

As acusações lançadas pelo Ministério Público ignoram – e desrespeitam cruelmente – toda minha trajetória jurídica, em um caminho pautado pelo estudo, dedicação, combatividade, ética e probidade, em 50 anos servindo e honrando a justiça e a advocacia.

Todos os serviços prestados à Fecomércio/RJ estão devidamente comprovados e documentados e os pagamentos correspondentes foram todos realizados na forma da lei.

É lamentável testemunhar tamanha infração aos princípios basilares do estado democrático de direito.

09 de Setembro de 2020

Roberto Teixeira

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Empresa da ex-mulher de Wassef ganha licitação de R$ 9 milhões

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome