Salvador é a capital brasileira que mais rejeita Bolsonaro, aponta Ibope

Levantamento feito em 25 capitais, divulgado neste sábado,destaca que o atual governo é rejeitado na maior parte das regiões do País

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Jornal GGN – No país, a capital da Bahia, Salvador, é a que mais rejeita Jair Bolsonaro (sem partido), mostrou a pesquisa Ibope divulgada neste sábado, 17. Os dados apontam que 62% dos baianos consideram o governo ruim ou péssimo.

No entanto, o levantamento feito em 25 capitais, exceto em São Luís (MA), mostra a disparidade na opinião dos eleitores em relação a administração de Bolsonaro. Isso porque, na capital de Roraima, Boa Vista, a reprovação do mandatário foi de apenas 15%.

A diferença entre os percentuais de aprovação nas duas cidades é explícita. Em Salvador, os que avaliam o governo como ótimo ou bom são 18%, enquanto em Boa Vista 66% têm essa opinião.

Este é um retrato do cenário nacional de polarização em relação ao governo Bolsonaro. Nas regiões Nordeste, Sul e Sudeste a reprovação do governo é maior que no Norte e Centro-Oeste.

Sendo assim, o resultado destaca que o atual governo é rejeitado na maior parte das capitais do país. Depois de Salvador, os maiores índices reprovação foram contabilizados em Porto Alegre (50%), São Paulo (48%), Florianópolis (47%), Fortaleza (47%), Vitória (44%), Recife (43%), Belém (43%) e Teresina (42%).

No entanto, vale ressaltar o resultado da última pesquisa nacional realizada pelo Ibope, em setembro, que registrou 40% de aprovação nacional do governo Bolsonaro, a melhor avaliação de governo desde abril de 2019.

Com informações do G1.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  O Xadrez das chagas do sistema judicial com o caso André do Rap

1 comentário

  1. É uma leitura torta. Mesmo em Salvador,onde o sujeito que ocupa a presidência da república tem 62% de reprovação,o candidato que lidera as pesquisas,com relativa folga,é o vice do atual prefeito que,por acaso,é do DEM,partido que dá apoio ao que deveria ser o governo,o mesmo ocorrendo em vária outras capitais,inclusive a mais atrasada politicamente delas,São Paulo.
    Nas demais cidades,se tem perto de 50% de reprovação,indica que tem 50% de aprovação ou indiferentes.
    Pelo conjunto da obra até aqui,a gravidade dos números encontra-se na aprovação e não na reprovação,ou seja,o golpe continua firme e forte com o não tão disfarçável assim apoio da mídia golpista.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome