fbpx
sábado, agosto 17, 2019
  • Carregando...
    Início Tags Geopolítica

    Tag: geopolítica

    Guerra comercial: por que Trump vai perder, por Paul Krugman

    Nobel de Economia analisa: EUA já usaram todas as suas armas; a China, quase nenhuma. Pequim não quer o conflito – mas pode, se provocada, humilhar o adversário. Parvo, presidente perde-se em retórica oca e contradições

    Lava Jato atendeu objetivos estratégicos dos EUA, na contramão do que fez Lula, por...

    Objetivo da Lava Jato não era a luta contra a corrupção, mas impedir a eleição de Lula em 2018, já que desafiou alguns objetivos norte-americanos

    Operação Lava Jato e os objetivos dos EUA para América Latina e Brasil

    EUA atingiram seu principal objetivo estratégico: eleger lideres políticos favoráveis aos objetivos americanos. Antes com Temer e agora com o Jair Bolsonaro, estão alcançando todos os demais objetivos econômicos

    O petróleo brasileiro e a geopolítica internacional: uma linha do tempo, por Daniel da...

    Nenhum fenômeno político de grandes proporções ocorre por uma causalidade simples e direta como gostam de sugerir os panfletos partidários.

    A Era da Incoerência, por Herbert Schützer

    Os tempos atuais desconstroem séculos de evolução do pensamento liberal que inúmeros iluministas entre outros pensadores procuraram refletir para sedimentar a ordem sucessora do obscurantismo medieval. 

    Conspiração e corrupção: uma hipótese provável, por José Luís Fiori e William Nozaki

    E como diz Braudel: o capitalismo não é uma organização ética nem religiosa, e não tem nenhum compromisso com qualquer tipo de moral privada ou pública que não seja a da multiplicação dos lucros e a da expansão contínua dos seus mercados.

    O ex-Presidente Milosevic foi vilipendiado pela mídia e encarcerado por uma justiça corrompida, por...

    Este artigo do blogue Chacoalhando é o segundo da série “Revisitando os Conflitos e a Fragmentação da Iuguslávia”, iniciada neste mês de julho, quando completou 24 anos do massacre em Srebrenica, na Bósnia.

    Geopolítica internacional: a nova estratégia americana com José Luís Fiori

    Na ocasião foi lançado o livro Sobre a Guerra, organizado por Fiori, e a divulgação da Revista Saúde em Debate ‘Crise do capitalismo, desigualdade e o impacto da saúde’.

    Sobre diplomacia e “fritar hamburgueres” nas montanhas do Colorado, por Fernando Horta

    As Relações Internacionais do Brasil são algo muito delicado e que requer um nível de compreensão da realidade do cenário internacional que Eduardo Bolsonaro sequer compreende que não tem.

    Os cardeais da política econômica brasileira, por André Motta Araújo

    A economia brasileira não vai recuperar sua pujança sob a liderança de Ministros de um só trilho, que só sabem fazer uma coisa, geralmente ruim.

    Tática de guerra: EUA sangra Venezuela alimentando esperanças da oposição

    Para chegar ao colapso de violência, polariza-se, no campo do imaginário popular, que se os EUA interfere por Guaidó, a Rússia o faz por Maduro

    Netanyahu, Trump e Putin: uma História de Amor, por Ruben Rosenthal

    Odiado por muitos, por sua responsabilidade no sofrimento e nas mortes de milhares de palestinos desde que assumiu o governo em 2009, Bibi é reconhecidamente um magistral enxadrista em geopolítica.

    Ministro Cesar Pontes será ouvido na Câmara para explicar uso da Base de Alcântara...

    Deputados querem entender os detalhes ainda não divulgados pelo governo brasileiro sobre o acordo. Proposta assinada entre Brasil e EUA ameaça mais de 2 mil pessoas de comunidades quilombolas

    Os riscos do lobby pró-Israel, por Ruben Rosenthal

    Poderá ser muito alta para o país, a conta a pagar pelo reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel em troca do apoio de evangélicos

    A ruptura ontológica, por Robert Kurz

    Antes do início de uma outra história mundial

    Huawei e a disputa pelo mercado internacional das telecomunicações

    Augusto Gabriel Colório, Rodrigo Brites e Bruno Lima Rocha discorrem sobre o caso Huawei, que está no centro nervoso do grande jogo mundial do século XXI

    A provocação Guaidó e o sangue frio governamental, por Gilberto Maringoni

    Seu possível encarceramento seria alardeado como prova irrefutável de que a Venezuela é uma ditadura sanguinária

    Huawei pode sair do Brasil por decisão de Bolsonaro, diz Marcos Pontes

    Fala do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação, divulgada durante congresso mundial de tecnologia móvel, coloca o Brasil dentro de mais um debate geopolítico movido pelos EUA

    “Nem é Maduro. É o que resta do legado de Chávez”, avalia Janio de...

    Não há nada comparável à coragem do papa Francisco de expor e debater abusos sexuais do clero, em se tratando da instituição religiosa mais forte no mundo; Algo semelhante seria EUA expor e admitir crimes de guerra em Hiroshima, Nagasaki, Tóquio, Vietnã e suas reais intenções na Venezuela

    Crise na Venezuela: América Latina e Brasil deveriam liderar saída pacífica, não EUA, diz...

    “Seria mais fácil para os venezuelanos - e até para Rússia e China - aceitarem uma negociação liderada internamente, entre países latino-americanos", ponderou

    Mais comentados

    Últimas notícias