Início Tags Literatura

Tag: literatura

Começando a percorrer a floresta e visualizando os primeiros pomares, por Sebastião Nunes

Enquanto o país despenca no abismo e o genocida/ecocida brinca de presidente, a resistência pela literatura continua. Sei que importa muito pouco - ou nada -, mas é minha forma de lutar contra o caos que nos ofende, humilha e mata.

A Literatura, Os Artistas e as Disputas Políticas e Ideológicas, por Arnobio Rocha

A repulsa ou os “cancelamentos” acabam por reduzir o debate, ao gosto ou não gosto, o que, em última análise, perde-se o debate o político e também a chance de entender as contradições humanas de que não escapam, nós e os próprios artistas.

O Senhor Presidente OU Mensagem de Miguel Ángel Asturias para o Brasil de Bolsonaro,...

Em O Senhor Presidente, Miguel Ángel Asturias confrontou a sociedade, a política e a literatura da América Latina de seu tempo como nenhum outro havia feito até então.

Lista de Livros: Tudo que é sólido desmancha no ar (Parte II), de Marshall...

Comparado ao Manifesto Comunista, todo o corpo da apologética capitalista, de Adam Ferguson a Milton Friedman, é notavelmente pálido e sem vida

Antes de ir para o novo mundo de 2084, Jimi partilha seus pertences, por...

Muito esperançoso de que o coronavírus nos ajude contra o velho, gordo, mal alimentado e sedentário (quatro fatores de risco) Imperador do Norte, segue mais um capítulo da série que pretende reunir dois mundos no futuro 2084.

“lâminas”, a poesia imprescindível de Dheyne de Souza, por Wilton Cardoso

Uma porta de entrada para a poesia da autora, explorar as várias possibilidades de sua obra poética, ao mesmo tempo densa e sutil, experimental e expressiva

O diabo é tão feio que dá vontade de vomitar, por Sebastião Nunes

Continuando essa nova série, que não demora vai se encontrar com a 2084, introduzo não só a infernal guitarra de Jimi, como um São Pedro que foge de todos os estereótipos, anunciando o inevitável (pelo menos parece), fim de nossa civilização.

Começam os tumultos na porta do Paraíso, por Sebastião Nunes

No que bestavam entre turbilhões de ex-viventes eternamente à espera, meus dois e fraternos amigos toparam de novo, por espantoso que pareça, com o mais antigo de nossos fraternos caríssimos (a expressão é dele), Manoel Lobato.

Lista de Livros: Filosofia da Práxis (Parte I), de Adolfo Sánchez Vázquez

"Há 35 anos da primeira edição, livro é cada vez mais vigente, na necessidade de compreender e transformar entorno social, político, econômico e cultural"

Luís Gonzaga Vieira também espera (sic) na porta do Paraíso, por Sebastião Nunes

De careca reluzente e sandálias apostólicas, nosso amigo Vieira era inconfundível. Também, para não ser confundido com um pequeno-burguês qualquer, fazia a barba apenas uma vez por semana.

Das vantagens de digitar com o indicador da mão esquerda, por Sebastião Nunes

O ciscar da galinha é parente próximo dos pensamentos do referido antipresidente.

Uma pausa na distopia que persegue a maior utopia negativa do século XX, por...

Quem tem razão é o português Alberto Pimenta, que publicou, no já distante ano de 1977, a primeira edição do pequeno-grande livro “Discurso sobre o filho da puta”

Construindo inimigos a partir da linguagem, por Sebastião Nunes

Segue a décima sexta parte da distopia 2084. Chego enfim ao momento em que futuro e presente se encontram, para criar o pior dos mundos possíveis.

Os enforcamentos públicos, o almoço e o dicionário da Novilíngua, por Sebastião Nunes 

Neste 14º episódio da distopia 2084, a ditadura do Grande Irmão promove enforcamentos públicos e a prática de destruir palavras, para emburrecer ao máximo as pessoas.

Desconexos, por Lúcio Verçoza

Desconexos. Caminhos desconexos. Na antessala, a chama de um cigarro. Por sobre ti, um quarto. Quem é você?

Jornalista e escritor Luiz Maklouf Carvalho morre aos 67 anos

Vencedor de dois prêmios Jabuti, autor lutava contra um câncer de pulmão; Maklouf foi um dos principais jornalistas políticos do país

Um guerrilheiro solitário planeja atacar o Grande Irmão, por Sebastião Nunes

Wilson vira o caderno na vitrine de uma loja de bugigangas, uma lojinha pobre e desmazelada num dos bairros miseráveis de proles, cuja localização esqueceu.

O mundo anterior ao século XXI e a nova ordem social em 2084, por...

A um quilômetro de distância, em destaque absoluto, erguia-se a gigantesca estrutura do Ministério da Verdade, ou Miniver, onde Wilson trabalhava.

A mídia e a literatura decorativa, por Alexandre Coslei

A situação se agrava ao constatarmos que o escritor brasileiro não quer aprender a ler outros escritores, ele só quer aprender a ser lido.

Ruy Fausto morre aos 85 anos em Paris

Considerado um dos principais pensadores brasileiros, filósofo sofreu infarto em casa; boa parte de sua obra foi dedicada ao estudo de Marx

Leia também

Últimas notícias