Início Tags Reformas

Tag: reformas

Bolsonaro troca sonho da casa própria por aluguel social e reforma de casas insalubres

No Casa Verde Amarela, o governo não pretende financiar construção de moradias. Apenas um número menor de famílias teria assistência maior do Estado na sua reforma

Segunda onda da pandemia, crise socioeconômica e reformas, por Rodrigo Medeiros e Luiz Henrique...

Na medida do possível, é preciso evitar apertar a política fiscal muito cedo em uma recuperação e buscar garantir suporte contínuo para a saúde, os indivíduos e as empresas.

O reformismo regressivo e a devastação do mercado de trabalho brasileiro, por Rodrigo Medeiros...

A pandemia implodiu a narrativa neoliberal sobre uma suposta recuperação da economia advinda de reformas recentes. Ficou ainda pior o que já estava muito ruim.

Guedes não abandona seu papel de vendedor de ilusões

Criou-se uma adaptação tupiniquim da chamada “fada da confiança” - que se transformou em motivo de chacota por economistas do mundo todo. É a lógica de que basta a confiança na solidez fiscal para tudo se resolver.

Coluna Econômica: nos próximos dias, o mercado testará o Banco Central e o Tesouro

Nas próximas semanas, a falta de clareza de Bolsonaro em relação à política e à economia provocará maior volatilidade nos mercados. Mas nada que sugira mudanças drásticas.

Era uma casa muito engraçada…, por André Roncaglia

No bom e velho toma-lá-dá-cá no topo da pirâmide social, o custo das reformas se distribuirá no andar de baixo, na forma de precarização dos serviços públicos, em particular em saúde, educação e ciência e tecnologia.

Os jovens e a recuperação no pós-pandemia, por Rodrigo Medeiros

O Brasil precisa de reformas. No entanto, o viés ideológico hegemônico desde 2016 é o neoliberal, pró-capital e de caráter social darwinista.

Governo Bolsonaro prepara o fim do salário mensal e novo imposto

Para a equipe de Paulo Guedes, os trabalhadores informais serão mais facilmente absorvidos pelo mercado se puderem receber por hora trabalhada

Em plena pandemia, Guedes acelera últimas cartadas neoliberais

O ministro da Economia quer concluir no governo Bolsonaro, e neste mesmo ano, sua receita neoliberal para o Brasil, com privatizações em estatais e reformas

Paulo Guedes: O repetitivo pianista de uma nota só, por Lauro Mattei

Guedes voltou aos seus dois temas preferidos: atacar os servidores públicos – que recentemente já foram qualificados por ele como parasitas – e recolocar a sua agenda de reformas estruturais como estratégia central para enfrentar a crise atual derivada do novo coronavírus.

Classe política critica Bolsonaro por não conduzir País na crise do corona

Contradição no governo tem motivo: Bolsonaro não quer antecipar impacto econômico

Maia: Guedes não tem plano de curto prazo para coronavírus

"Como o governo vai reagir em relação à queda da atividade e a algum risco de perda de emprego?", questiona o presidente da Câmara

Armínio Fraga: Sim para reformas, não para investimentos públicos

Sobre investimentos públicos, "algum" é "indispensável". "Agora, não vejo como aumentar, o Estado está quebrado”, avalia economista

“Ou a democracia brasileira corta as asas do autoritarismo ou vai morrer crescendo 1%”

Há um vício na origem da proposta reformista: parte considerável dela depende da classe política. Pensaram que pegariam Bolsonaro trabalhando em uma coalizão?

Rodrigo Maia abre o jogo contra o governo Bolsonaro

Presidente da Câmara dos Deputados diz que governo tem ajudado a afastar investidores e a atrasar andamento de reformas

PIB de Bolsonaro é menor que o de Temer, e já não vale culpar...

A evidência empírica está mostrando de forma bastante contundente de que a agenda de reformas iniciada com Temer e aprofundada no governo Bolsonaro não está funcionando

Guedes tem 15 semanas para entregar medidas que parecem inviáveis

Ministro revelou o deadline durante encontro com movimentos que prometem ocupar as ruas em 15 de março, para pressionar o Congresso

Para bolsonarista, o importante é a população se posicionar contra Congresso

Manifestação é "resposta a tentativa do Congresso de provocar impeachment do presidente", diz Luiz Philippe de Orléans e Bragança

Adeus, governo Bolsonaro, por Luiz Carlos Bresser-Pereira

Mas não haverá impeachment agora porque ele ainda conta com apoio popular e porque uma parte das elites econômicas ainda acredita que ele realizará as reformas que elas desejam.

PT 40 anos: Crise e derrota, por Tarso Genro

Faltou-nos a energia, o heroísmo e a inteligência legada pelos nossos melhores exemplos – como os de Allende, Mujica e Mandela – para mudarmos no próprio curso das nossas lutas

Leia também

Últimas notícias