Revista GGN

Assine

Demanda por crédito teve aumento de 2,1% no primeiro semestre, aponta Serasa

reais_credito_-_marcos_santos_usp.jpg
 
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
 
Jornal GGN - De acordo com o Indicador Serasa Experian, divulgado nesta terça (11), a demanda de consumidores por crédito subiu 2,1% entre janeiro a junho deste ano, na comparação com o primeiro semestre do ano passado. No mês de junho, o aumento na procura por crédito foi de 2,2% em relação a maio. 
 
Apesar da alta registrada na comparação com o mesmo período do ano passado, a Serasa diz que o indicador mostra um enfraquecimento, tendo em vista o crescimento de 3,2% registrado entre o primeiro semestre de 2016 na comparação com 2015. 
 
Para a entidade, a desaceleração no crescimento foi causado pelo aumento do desemprego, pelas altas taxas de juros e também em razão da queda da confiança dos consumidores nos primeiros meses do ano. 
 
O crescimento na demanda por crédito em junho foi registrado em todas as faixas de renda. O aumento foi de 3,3% entre os consumidores que ganham até R$ 500 mensais, de 2,5% entre aqueles que recebem entre R$ 500 e R$ 1 mil, e de 2% entre os que ganham entre R$ 1 mil e R$ 2 mil.
 
Na faixa de renda entre R$ 2 mil e R$ 5 mil ao mês, foi registrado crescimento de 1,8%, enquanto entre os que recebem entre R$ 5 mil a R$ 10 mil, a alta foi de 1,5%. Já entre os consumidores com renda acima de R$ 10 mil mensais, o aumento na demanda no crédito foi de 1,6% em junho. 
 
Entre as regiões, as maiores elevações na demanda por crédito foram registrado no Norte (6,2%) e no Nordeste (5,2%). No Sul, a alta foi de 3,3%, no Centro-Oeste, de 1,2%, e, no Sudeste, de 0,5%.
 
Assine
Sem votos
1 comentário

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

A "demanda" inclui a

A "demanda" inclui a RENOVAÇÃO de operaçõs antigas, não cobre nem os juros no periodo.

Seu voto: Nenhum

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.